22/04/16 - 10:40:28

JACKSON DISCUTE AÇÕES DE SEGURANÇA COM GABINETE GESTÃO

O secretário de Segurança, João Batista, mostrou a redução de dados estatísticos de dois crimes que perturbam bastante os sergipanos: homicídios e roubos a ônibus

O governador Jackson Barreto presidiu mais uma reunião do Gabinete de Gestão Integrada, GGI, que faz parte do Programa Brasil Mais Seguro, com integrantesde órgãos que operam o Sistema de Segurança Pública, da Magistratura, Ministério Público, Policia Federal e Rodoviária Federal, Assembleia Legislativa de Sergipe. A reunião foi para apresentar a nova cúpula da Segurança Pública do Estado e tratar dos índices de violência depois da chegada dos novos gestores.

Na reunião, ficou determinado que o GGI vai se reunir uma vez por mês para tratar de assuntos ligados à Segurança Pública. O secretário João Batista apresentou as últimas estatísticas da segurança no estado e várias sugestões para diminuir os índices de criminalidade.

O secretário mostrou a redução de dados estatísticos de dois crimes que perturbam bastante os sergipanos: homicídios e roubos a ônibus. Os números caíram no mês de março em relação ao mês de fevereiro deste ano. A maior queda desse tipo de criminalidade ocorreu nos bairros Santa Maria e 17 de Março. João Batista disse que o trabalho das polícias civil e militar serão ainda mais intensificados. Para ele, o Gabinete de Gestão vai ajudar na queda da criminalidade e a integração entre os setores só traz benefícios.

“O GGI é multidisciplinar e feito para que órgãos e instituições falem a mesma língua em segurança pública. Hoje já não se pode colocar a responsabilidade da segurança pública apenas na pasta da segurança pública. Temos que dialogar com Judiciário, Ministério público, Polícia Federal e Rodoviária Federal e outras secretarias”, disse o secretário.

Para o Presidente da Associação de Magistrados de Sergipe, Antônio Henrique, que representou o Tribunal de Justiça do Estado, essa interação é de fundamental importância para toda a sociedade.

“O judiciário tem papel fundamental na segurança definindo prisões, solturas. Essa ação integrada me parece muito importante para que discutamos soluções e troquemos ideias e essa comunicação é muito importante para que consigamos diminuir os índices de criminalidade do estado”.

O Ministério Público sugeriu um maior diálogo entre os poderes. Segundo o promotor de justiça, Jarbas Adelino, a integração é sinônimo de melhores dados para a diminuição do crime de uma forma geral.

“O Ministério Público vem se somar a essa inciativa louvável do governo do Estado para colaborar com a segurança pública, com a diminuição da criminalidade, dentro das possibilidades e atribuições do Ministério Público. É uma iniciativa que só merece elogios e não poderíamos ficar de fora dessa atribuição do estado”, contou o promotor.

O governador Jackson Barreto disse que não mede esforços para melhorar a segurança dos sergipanos, prova disso é que o Estado está implantando o novo sistema de rádio comunicação digital da SSP, resultado de investimento de R$ 24.353.537,00, recursos do Brasil Mais Seguro.

Quando o Sistema estiver em funcionamento pleno, Sergipe será o único Estado a ter 100% do território coberto com comunicação digital. O governador agradeceu a presença de todos e pediu empenho para melhorar os índices da segurança em todo o estado de Sergipe. O GGI tem a finalidade de integrar os poderes e colher os resultados.

“Essa é uma experiência no sentido de buscar melhorar a segurança de forma integrada. Cada setor dará a sua contribuição”, informou o governador.

Participaram desta reunião do GGI, o Governador do Estado, que coordena as reuniões, os secretários de estado de Segurança Pública, João Batista; Casa Civil, Belivaldo Chagas; Comunicação, Sales Neto; o Comandante da Polícia Militar, Coronel Marcony Cabral, os coordenadores de policiamento da capital, Tenente Coronel Vivaldi Cabral e do Interior, Tenente Coronel Iranildo Campos; o Delegado Geral da Polícia Civil, Alessandro Vieira, os Coordenadores de Polícia Civil da Capital, Delegado André Baronto, e do Interior, Delegado Fábio Pereira; o Diretor do SISP (Sistema de Inteligência de Segurança Pública), Delegado Flávio Sandro de Albuquerque; o Diretor do COPE (Complexo de Operações Policiais Especiais), Delegado de Polícia Cristiano Barreto; o Comandante do Corpo de Bombeiros, Coronel Dória e representantes da Assembleia Legislativa, o presidente Luciano Bispo e o Deputado Capitão Samuel; Polícia Federal; Polícia Rodoviária Federal; Ministério Público e Poder Judiciário.

Fonte: ASN