16/05/16 - 10:17:35

Médicos da rede municipal de saúde em greve por tempo indeterminado

Sem acordo com a prefeitura de Aracaju, e sem ter um canal de negociação, os médicos da rede municipal de saúde, decidiram em assembleia realizada na manhã desta segunda-feira (16), entrar em greve por tempo indeterminado.

Os médicos que estavam em greve e retornaram ao trabalho no último dia 6 de maio, alegam que haviam suspendido a greve para aguardar uma contra proposta da Prefeitura que acabou não acontecendo por falta de um canal de negociação.

As reivindicações dos médicos são a implantação da tabela única e o pagamento do piso da Federação Nacional dos Médicos (Fenam), que é de R$ 12.993 por 20 horas trabalhadas.

Já o piso salarial dos médicos que prestavam serviços para a PMA é de aproximadamente R$ 7 mil.

Com a deflagração da greve dos médicos, ficam suspensos os serviços em todos os postos de saúde e Cemar de Aracaju. Já unidades de urgência e emergência será mantido o efetivo de 50%.