18/05/16 - 06:24:21

Cooperação técnica beneficiará 3 mil produtores do semiárido (Fotos: Pritty Reis)

Seidh, Seagri e Emdagro investem mais de R$ 5 milhões em sementes e mecanização

Três mil pequenos produtores sergipanos serão beneficiados com a distribuição de sementes e mecanização da lavoura, oriundas de um investimento de R$ 5.093.700 feito pelo Governo de Sergipe. Isso será possível através do Termo de Cooperação Técnica assinado nesta terça-feira, 17, entre a Secretaria de Estado da Mulher, Inclusão e Assistência Social, do Trabalho e dos Direitos Humanos (Seidh), a Secretaria de Estado Agricultura do Desenvolvimento Agrário e da Pesca (Seagri) e a Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro).

A Seidh disponibilizará os recursos por meio do Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza (Facep) para os programas voltados à preparação do solo e à distribuição de sementes graníferas, hortaliças e essências florestais, tendo em vista a prestação de assistência aos pequenos agricultores familiares, que se encontram em situação de vulnerabilidade social.  Segundo a secretaria Marta Leão, a parceria é fundamental para melhorar a vida desses trabalhadores rurais.

“Ficamos muito gratificados em assinar mais esse termo em benefício dos nossos pequenos produtores. Depois do programa de incentivo à produção de palma forrageira, essas duas cooperações vêm para complementar a atuação conjunta desses três órgãos no sentido de favorecer esses sertanejos que, com tanta garra, levam dignamente a sua vida no campo”, pontua a secretária.

De acordo com o secretário da Agricultura, Esmeraldo Leal, a parceria entre as secretarias já está consolidada. “Acabamos de assinar mais uma vez esse convênio envolvendo a Seidh, a Seagri e a Emdagro. Hoje, especificamente, nós tratamos a respeito de mecanização e sementes – dois programas extremamente importantes, que estão atrelados ao Programa Garantia Safra. Com isso, a gente passa a ter condições efetivas de liberar as horas-máquinas para o semiárido sergipano, região que precisa de grande apoio do Estado”, explica.

A Emdagro ficará responsável pelo gerenciamento e acompanhamento dos serviços, e pela assistência técnica. Por isso, o diretor-presidente Jefferson de Carvalho considera que a atuação é imprescindível para o trabalho dos pequenos agricultores. “Esse é o prosseguimento de um programa de sucesso que está fortalecendo a agricultura familiar, que hoje é responsável por quase 90% das propriedades de Sergipe. O Governo do Estado mostra sua preocupação com esses trabalhadores. Através da liberação dos recursos, poderemos fazer a distribuição de sementes, contratação dos serviços de tratores, demais máquinas e operadores. Sem esse recurso não teríamos condições de chegar a tanto”, conclui Carvalho.

Da assessoria