25/05/16 - 14:11:34

Secretário recebe Comissão de Direitos Humanos da OAB/SE (Foto ascom)

Na manhã desta quarta-feira, 25, o secretário de justiça, Antônio Hora Filho, recebeu em seu gabinete a visita do presidente da Ordem de Advogados do Brasil – Seccional Sergipe, Henri Clay, o secretário geral Aurélio Belém, e o presidente e o vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB/SE, Thiago Oliveira e Robson Barros.

Na reunião, os representantes da OAB/SE trouxeram algumas demandas levantadas pela Comissão de Direitos Humanos, após uma visita ao Complexo Penitenciário Dr. Manoel Carvalho Neto (Copemcan).

“Foi uma conversa muito amistosa, positiva, e saio dessa reunião esperançoso de que firmamos, na verdade, renovamos uma forte parceria com a OAB/SE, e nessa conversa desenvolvemos muitas ideias e vamos desenvolver também ações especificas para combater de imediato a problemática, que inicialmente é a superpopulação carcerária e a política de encarceramento que está sendo aplicada no Brasil. Nós precisamos apresentar alternativas aos magistrados para que eles possam ao invés de simples encarceramento aplicar penas alternativas e o Estado ter de garantir a efetividade destas penas para que a gente possa combater a superpopulação e consequentemente oferecer um melhor serviço à população carcerária,” disse, o secretário.

Segundo o presidente, Henri Clay, o encontro faz parte de tratativas institucionais entre o Governo de Estado e a OAB/SE para discutir problemas sociais dentro do Sistema Prisional, bem como problemas de ordem corporativos no exercício da advocacia.

“Aqui discorremos sobre o que encontramos na primeira visita que a Comissão de Direitos Humanos fez ao Copemcan, já contamos alguns problemas detectados pela Ordem dos Advogados do Brasil em relação ao Sistema Carcerário, apresentamos algumas sugestões de soluções e o encontro foi muito proveitoso, muito positivo, porque encontramos um secretário com muita receptividade, diálogo franco, aberto, e saímos daqui com uma expectativa de que iremos juntos, em parceria, tentar resolver alguns problemas, que hoje são graves e que precisam de soluções imediatas,” disse, Henri Clay.

Assessoria de comunicação – Sejuc