27/05/16 - 08:35:47

Para Fábio Henrique, declaração do padre Inaldo é falta de maturidade

Ainda repercute as declarações do deputado padre Inaldo, que classificou o ex-prefeito de Aracaju como “puxa saco”. Para o prefeito de Nossa Senhora do Socorro, Fábio Henrique (PDT), as declarações do deputado é “falta de maturidade, experiência. Acho essa declaração uma injustiça”, afirmou Fábio.

A polêmica sobre a declaração feita por Edvaldo Nogueira (PCdoB), durante a convenção do PDT que aconteceu na Assembleia Legislativa, onde Edvaldo fez vários elogios ao prefeito Fábio Henrique, presidente do diretório nacional do PDT. Padre Inaldo se irritou com as declarações feitas por Edvaldo e o classificou de “puxa-saco”.

Em resposta ao que disse Inaldo, seu principal adversário politico em Socorro, Fábio Henrique afirmou na manhã desta sexta-feira (27), que “isso é falta de maturidade e experiência. Quero deixar claro que se tiver outra convenção eu volto a convidar o Edvaldo”, afirmou Fábio em entrevista ao radialista Douglas Magalhães, no programa Fala Sergipe.

Ainda sobre essa polêmica, Fábio disse que “tem pessoas que preferem agir com raiva, ódio. Tem pessoas que só pensam em fazer fofoca. É por isso que não quero ver Socorro nas mãos destas pessoas”, afirmou.

Fábio falou ainda sobre as eleições em Socorro, Fábio disse que espera que o governador esteja a seu lado. “Fazemos parte da base aliada do governador e continuaremos na base do governador. É preciso entender que na eleição para governador, o padre votou e trabalhou para Eduardo Amorim. Ou seja, se fosse pelo deputado, Jackson não estaria no governo e sim Eduardo. Além disso tenho conversado com o governador sobre eleições em outros municípios, inclusive aqui em Aracaju onde deveremos estar ao lado do governador”, explicou.

Fábio Henrique falou ainda sobre os investimentos que estão sendo feitos em Socorro. O prefeito lembrou de um prêmio o município recebeu como “a cidade de porte médio, como melhor qualidade de vida. Esse prêmio nós fomos receber em São Paulo”, contou.

Munir Darrage