31/05/16 - 10:02:57

SMS participa de roda de conversa sobre o tabagismo (Foto: Ascom/SMS)

Nesta terça-feira, 31, é comemorado o Dia Mundial sem Tabaco e em alusão à data, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através do Programa de Tratamento do Tabagismo, participou de uma roda de conversa multidisciplinar “Tabagismo – um problema de saúde pública” realizada na Universidade Tiradentes (Unit). O evento teve o objetivo de alertar a sociedade acadêmica sobre a importância do tratamento de combate ao fumo e reuniu diversos universitários e profissionais da saúde. A ação foi promovida pela Universidade Tiradentes, em parceria com a Liga Acadêmica de Enfermagem e Oncologia e da Secretaria Municipal e Estadual da Saúde.

A pneumologista do Programa de Tratamento do Tabagismo da SMS, Ana Paula Argolo, foi uma das palestrantes do encontro. “Expliquei aos universitários como as pessoas podem participar do Programa de Tratamento do Tabagismo e também sobre como é feito o tratamento no nosso serviço. É importante que as pessoas procurem o programa para receber um tratamento e parar definitivamente de fumar. Temos dados que comprovam que menos de 5% da população que fuma consegue parar de fumar sozinha. Então, a pessoa que quer parar de fumar sozinha pode, mas é melhor quando é acompanhado, pois permite maiores chances de eficácia”, informou.

A coordenadora do Programa de Controle do Tabagismo da SES, Lívia Angélica da Silva, explica que esse evento já é uma proposta que é realizada nacionalmente. “Essa é uma forma de falar sobre as doenças crônicas, principalmente relacionadas ao fumo, para alertar o grupo universitário, que ainda é um público que precisa ser bem orientado. Sabemos que o número de fumantes vem caindo, mas as ações de controle e prevenção é preciso realizar com frequência”, disse.

“É importante trabalharmos juntos, pois fazemos parte de uma mesma coordenação que atua com doenças crônicas, muitos hipertensos e diabéticos precisam está mais atentos a essa questão do fumo, que agrava ainda a doença”, afirmou a referência técnica de Hipertensão e Diabetes da SES, Maria da Conceição Lima.

Ainda estiveram presentes ao evento, a psicóloga do Programa de Tratamento do Tabagismo, Clarissa Tenário e a assistente social Ana Lícia Soares.

Programa de Tratamento do Tabagismo

O Programa de Tratamento do Tabagismo funciona no Centro de Especialidades Médicas de Aracaju (Cemar) do Augusto Franco. Qualquer pessoa que deseje parar de fumar pode participar do programa, basta comparecer com documento de identidade e cartão do SUS, para realizar a entrevista e começar o tratamento. Além dele, o serviço disponibiliza adesivos, medicações e cartilhas que são disponibilizadas pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca) e realiza aconselhamento técnico, realizado por uma equipe multidisciplinar, composta por médico, enfermeiro, assistente social, psicólogo e nutricionista.  O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 14h às 16h. Para mais informações ligar para os números: (79) 3179-2743 ou 3179-3004.

Segundo a pneumologista do programa, Ana Paula Argolo, parar de fumar não é tarefa fácil, é necessário muita força de vontade. “O tratamento é realizado em seis reuniões durante oito semanas. As quatro primeiras reuniões são semanais e as duas últimas são quinzenais. Além de receberem medicações e acompanhamento, o objetivo é oferecer informações e estratégias para que consigam deixar o vício do cigarro”, explicou.

Fonte: AAN