02/06/16 - 15:50:41

VEREADORES OPOSIÇÃO CRITICAM PREFEITO LAÉRCIO PASSOS

Na sessão dessa quarta-feira (1º), os vereadores de Oposição subiram a plenária para chamar atenção da comunidade rosarense da irresponsabilidade do prefeito Laércio Passos ter realizado uma festa no município sem comunicar Polícia Militar. Os parlamentares afirmaram que gestor agiu inadequadamente e que pôs em risco a segurança de milhares de pessoas que compareceram a abertura dos festejos juninos do município. A festa aconteceu na praça de eventos da cidade e custou quase meio milhão aos cofres da Prefeitura.

Para o líder da Oposição, Delson Leão (PSB), além da falta de respeito com os participantes da festa, penalidade maior foi o prefeito deixar em aberto os programas sociais do município e optar pela contratação de artistas de renome nacional com cachês aproximados de R$ 200 mil. “Devido a essa situação estamos movendo uma ação na justiça pedindo explicações para Prefeitura por não cumprir com seus dividendos. Não é só os programas sociais, a gestão tem vários outros débitos que estão em aberto e não estão sendo cumpridos”, revelou o vereador.

Outro fato que chamou a atenção não somente dos parlamentares, mas da mídia local, foi o assassinato de um segurança particular na madrugada. O fato aconteceu nas imediações da festa e foi divulgado por rádios e TVs de todo o Estado. O prefeito Laércio Passos soltou nota explicando a situação, mas não convenceu os vereadores do município.

O presidente da Câmara de Vereadores, Hélio dos Santos (PSD), mais uma vez comparou a administração a caldo de cana e explicou. “Caldo de cana, porque tudo que é feito nessa gestão é em cima da hora, sem programação e preparativos. Não é feito de forma organiza e o prefeito dessa vez errou feio, pondo em risco a segurança de muitos. Ele não comunicou a PM e ainda fez questão de contratar uma artista que custa quase R$ 200 mil, sendo que os programas socais do município estão aí, sem sequer serem pagos”, criticou.

Através do líder da Oposição, o grupo entrará com uma representação na justiça solicitando a gestão municipal explicações para a realização do evento, sendo que a Prefeitura está com uma séria de atrasos nos seus compromissos orçamentários. “Todos estamos juntos com o vereador Delson e queremos saber porque o município não vem cumprindo com suas obrigações e, mesmo assim, fez uma festa mirabolante como essa”, questionou Helhinho.

Da assessoria da CMRC