03/06/16 - 11:13:44

Galeria J. Inácio lança exposição de Fábio Sampaio (Foto Assessoria galeria)

Instalações e painéis construídos a partir de recortes de sacos de cimento, tijolos, carrinho de mão e outros materiais. O “Bazar Monalisa”, nova exposição do artista visual Fábio Sampaio, foi lançado nesta quinta-feira, 02, na Galeria J. Inácio surpreendendo o público.  A mostra faz parte dos trabalhos selecionados pelo edital de ocupação da Galeria, promovido pela Secretaria de Estado da Cultura (Secult).

Artista referência na produção de arte contemporânea em Sergipe, Fábio Sampaio traz nesta série referências de um bazar chamado Monalisa, que frequentava durante sua infância, em Santos e das referências que adquiriu ao longo dos mais de 20 anos que vive em Aracaju.  “É um trabalho memorialista, pois me remete aos objetos dispostos no bazar e isso foi aflorando na minha memória de uma forma artística. Comecei a trabalhar com a embalagem de cimento, colagens e acabei fazendo este link entre o bazar e a ideia da expressão “armengue”, que descobri em Aracaju”, contou.

Sobre o novo formato de ocupação da Galeria J. Inácio, Fábio Sampaio disse estar bastante satisfeito. “Há muito tempo defendo a realização de editais. Militei oito anos na antiga ASAP (Associação Sergipana de Artistas Plásticos), que não existe mais, e sempre batemos nesta tecla, principalmente em relação às galerias públicas. Então, fiquei muito feliz quando foi anunciado o edital para a Galeria J. Inácio, que abriu a nível nacional, possibilitando o intercâmbio das artes visuais”, afirmou.

Durante o lançamento, o secretário de Estado da Cultura, Irineu Fontes, confirmou que será aberto um novo edital para o próximo ano, que ampliará de seis para oito o número de exposições. “Quero agradecer a Fábio Sampaio por acreditar nesta proposta e ter participado do edital, que é um processo democrático voltado não apenas para incentivar o artista, como também para oferecer ao publico acesso a trabalhos de qualidade como este”, ressaltou.

Segundo a diretora da Galeria, Jane Junqueira, as visitas à J. Inácio tem aumentado a cada mês, principalmente, por estudantes e frequentadores da Biblioteca Pública Epifânio Dória.  “A divulgação das exposições tem atraído várias escolas e outros visitantes da comunidade. Além disso, diversos artistas, inclusive de outros estados do Brasil, têm nos procurado com interesse em participar do próximo edital”.

Para o artista visual, Jorge Luiz, o processo de seleção de trabalhos é muito importante como incentivo as artes. “Acho de suma importância o edital, porque abre a possibilidade para artistas que estão começando, sem pretensionismo, sendo avaliados dentro de um crivo de qualidade daquilo que está sendo produzido. O trabalho do Fábio Sampaio é sempre surpreendente, pois ele vem de uma trajetória de muitos anos. Gostei muito da exposição”.

Sobre Fábio Sampaio

Natural de Santos, São Paulo, Fábio Sampaio vive e trabalha em Aracaju desde 1991. Estudou desenho e pintura no centro Cultural Patrícia Galvão, em Santos. Em Aracaju participou do Espaço 455 de Arte Contemporânea, conquistou em o 1º lugar no Salão dos Novos e o 1º lugar no XIII Salão Nacional de Arte Contemporânea da Universidade Federal de Sergipe. Desde então, já apresentou exposições individuais em diversas partes do Brasil e participou da segunda Bienal de Arte Contemporânea em Florença, na Itália.

A exposição segue aberta na Galeria J. Inácio ao longo de todo o mês, sendo que no dia 7 de junho, o artista irá oferecer uma visita mediada. Grupos e escolas interessadas em conhecer a exposição podem agendar visitas pelo telefone (79) 3179 1969. A Galeria j. Inácio fica junto à Biblioteca Pública Epifânio Dória, localizada na Rua Dr. Leonardo Leite, s/n, no Bairro 13 de Julho, Aracaju.

Ascom / Sec. de Estado da Cultura