10/06/16 - 10:20:40

Fórum Estadual de Educação Permanente reúne conselheiros (Foto SES)

Fórum Estadual de Educação Permanente reúne conselheiros de saúde, secretários executivos e órgãos de controle

Fórum teve o intuito de promover a capacitação dos conselheiros de saúde e secretários executivos, com o intuito de fortalecer o SUS.

“A parceria entre os órgãos de controle e os conselhos de saúde na defesa do interesse coletivo”. Esse foi o tema do I Fórum Estadual de Educação Permanente para conselheiros de saúde e secretários executivos, realizado nesta quinta-feira, 9, no Espaço de Vivência da Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Desenvolvido pelo Conselho Estadual de Saúde (CES), em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (SES), o evento teve o objetivo de promover a capacitação dos conselheiros de saúde nas esferas Municipal e Estadual, como também dos secretários executivos, na perspectiva de fortalecer a participação social no Sistema Único de Saúde (SUS). Na ocasião também foi realizada a eleição de representantes para plenária regional e nacional.

A secretária de Estado da Saúde, Conceição Mendonça, que também preside o CES, destacou a importância do fortalecimento de parcerias e o papel da educação como ferramenta de desenvolvimento para a saúde pública.

“Os municípios reunidos representam a força que Sergipe tem na construção das Políticas Públicas de saúde. Essa parceria com os órgãos de controle, com o Ministério Público Federal, Estadual, Tribunal de Contas de Sergipe e as portas abertas da Universidade nos tem fortalecido muito”, destaca Conceição Mendonça.

O reitor da Universidade Federal de Sergipe, Ângelo Antoniolli, revela que o diálogo com a SES vem gerando bons resultados, entre eles está a formulação de melhores resposta às problemáticas sociais.

“Nesses últimos anos, a UFS tem feito um esforço enorme para fortalecer o diálogo com a sociedade. A melhor forma de fomentar Políticas de Saúde é, sem dúvida, dialogando com as instituições responsáveis. Com a SES, nosso diálogo tem sido intenso e isso tem facilitado muito as ações da Universidade, junto ao Estado e os Municípios. Quem ganha com isso é a população”, diz o reitor.

Estiveram presentes gestores e membros de Conselhos Municipais de Saúde de todo estado, além dos órgãos de controle dentre eles, o Ministério Público Federal em Sergipe (MPF/SE), representado pelo promotor Ramiro Rockenbach, e o Ministério Público Estadual, representado pelo promotor de Diretos da Saúde, Nilzir Soares.

“É necessário aproximar as entidades de controle social representadas pelo Conselho Estadual de Saúde, e Conselhos Municipais de Saúde, aos órgãos de fiscalização. É fundamental a interação dessas instâncias de controle para que melhores e maiores resultados sejam produzidos. Quem ganha é a sociedade e o SUS, que é essa grande conquista do povo brasileiro e precisa ser valorizado”, disse o promotor de Direitos da Saúde do MPE, Nilzir Soares.

Fonte SES