10/06/16 - 14:11:45

Deso promove curso focado no Prêmio Nacional de Qualidade (Foto ascom)

Gestores e técnicos da Companhia de Saneamento de Sergipe – Deso participaram do curso Gestão Classe Mundial, realizado pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES), através do Comitê Nacional de Qualidade ABES (CNQA). O evento realizado no auditório central da empresa teve início na terça-feira, 07, e o encerramento nesta sexta-feira, 10, com a presença de 56 participantes.

Concedido pela Abes, o prêmio é hoje reconhecido em toda a América Latina como a premiação mais importante do setor de saneamento. Em 2010, a Deso, através de sua Unidade de Negócios do Sertão, conquistou o PNQS Nível I, Troféu Bronze. Em 2013, através da Gerência de Operações Regional Centro-Oeste, a Deso conquistou o PNQS Nível B Cobre. Além dele, a Unidade de Negócios Norte foi diplomada por ter alcançado boa pontuação. Em 2014 quatro unidades foram submetidas à candidatura de nível B e I e foram diplomadas.

Agora em 2016, a Deso busca repetir o reconhecimento por meio da gestão das Gerências de Operações Sul, Norte, Centro-oeste e Sertão, assim como as Gerências Comerciais Sul, Norte, Centro-oeste e Sertão e com uma grande novidade para esse ciclo, com a submissão da Gerência de Faturamento.

“A estrutura do PNQS é composta de dois vetores convergentes de trabalho. Um deles é referente à capacitação gerencial, oferecida às organizações que desejam participar do PNQS e o outro é o próprio processo de avaliação das empresas candidatas ao prêmio, que inclui a elaboração e devolução de um relatório de avaliação e o reconhecimento das empresas bem colocadas. O curso de formação além de atender a metodologia específica do prêmio, pois está alinhado às exigências dos critérios de avaliação, práticas e ferramentas gerenciais para atendê-los, possibilita aos participantes vivenciar experiências de outras companhias de saneamento”, ressaltou Isabel Cristina Pereira, Assessora do Controle de Qualidade da DESO.

De acordo com o palestrante do curso, o instrutor Rodolfo Marcelo Candeia, entre os objetivos específicos, desenvolvidos durante os quatro dias de curso, foram priorizados: o conhecimento dos mecanismos para promover melhorias no sistema de gestão, a explanação de boas práticas de gerenciamento e o exercício da elaboração do Relatório de Gestão para candidatura ao PNQS. No geral, as atividades estiveram distribuídas em uma carga horária de 16 horas.

“O PNQS tem como objetivo principal contribuir para a melhoria do saneamento básico do país, através da implementação e práticas de gestão. Para que isso aconteça, existe essa metodologia que nós trabalhamos chamado de MEG – Modelo de Excelência da Gestão – que está pautado sobre 8 critérios: liderança; estratégias e planos; clientes; sociedade; informação e conhecimento; pessoas; processo; e resultado – sete critérios que abordam práticas gerenciais e um critério que aborda o resultado relativo a tudo que se faça. Isso é um pouco do que a gente vem trabalhando aqui na sala de aula com a turma, demonstrando a importância de melhorar a gestão das organizações”, considerou Rodolfo.

Ele revela que é parte das estratégias de estímulo do curso provocar as pessoas com conceitos fundamentais, fazer com que todos reflitam sobre suas atividades. “A gente acaba percebendo pessoas encerrando um trabalho com muita energia, percebendo o quanto tem para aprender e pode fazer para melhorar, para buscar a satisfação da sociedade como todo”, descreveu.

Busca por excelência

A representante da Gerência de Suporte Comercial da Deso, presente no treinamento, Andrezza de Jesus Santos, demonstrou satisfação ao fazer um balanço positivo do curso. Isso se justifica, segundo ela, pelo empenho das equipes da empresa em participar de toda a programação. “Esse curso nos mostra a importância de desenvolver nosso trabalho com excelência para que possamos prestar o serviço da melhor forma possível, e levar um produto de qualidade a nossa sociedade”.

Ascom Deso