10/06/16 - 16:01:05

Jackson Barreto anuncia cronograma de pagamento do PCCV aos servidores

No último dia 30, o governador anunciou a conclusão da implantação do PCCV dos servidores públicos estaduais da Administração Direta, Saúde e Engenharia, beneficiando mais de 7.700 servidores. Os 6.018 servidores que têm um ajuste até R$ 500,00 receberam o valor integralmente na folha de maio. Os 1.800 que têm o Ajuste Provisório superior a R$ 500,00, receberão o valor de R$ 500,00 nos vencimentos de maio, e o restante de acordo com o cronograma anunciado

Em entrevista na manhã desta sexta-feira, 10, ao programa “A Hora da Verdade”, com George Magalhães, na 103 FM, o governador Jackson Barreto anunciou que a segunda etapa do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV) dos servidores públicos estaduais será efetivamente implementado a partir da folha salarial de junho, paga em 11 de julho. A entrevista foi concedida ao repórter do programa, Faro Fino, na residência do governador.

No último dia 30, o governador anunciou a conclusão da implantação do PCCV dos servidores públicos estaduais da Administração Direta, Saúde e Engenharia, beneficiando mais de 7.700 servidores. Os servidores que têm um ajuste até R$ 500,00 receberam o valor integralmente na folha de maio. Os demais, que têm o Ajuste Provisório superior a R$ 500,00, receberão o valor de R$ 500,00 nos vencimentos de maio, e o restante de acordo com o cronograma anunciado pelo governador.

De acordo com o cronograma, os servidores que se enquadram no PCCV da Administração Geral, Saúde e Área de Engenharia, que tiveram um ganho superior a R$ 500,00 já receberam esse valor na folha do mês de maio, e irão receber até R$ 1.500,00 na folha de junho. Se o valor do ganho do servidor ainda for superior a R$ 1.500,00, ele receberá os R$ 1.500,00 na folha de junho e o restante em parcelas de R$500,00 mensais a partir da folha do mês de julho.

O cronograma também contempla as demais carreiras que tiveram Leis editadas em 2014. A partir do mês de junho, esses servidores terão em seus vencimentos uma parcela de até R$ 1.500,00. Aquele servidor que tiver ganhos até esse valor, também já terá a implementação do seu plano de carreira concluído ainda em junho. Já os que têm valores de ganho superiores, receberão, assim como os servidores do PCCV, o restante em parcelas de R$ 500,00 mensais a partir da folha do mês de julho.

“Prometi que anunciaria a data desta segunda etapa da implementação do PCCV até amanhã, 11 de junho, mas já quis comunicar hoje, aqui no programa. Estou aqui para cumprir minha palavra e fico muito feliz, porque essa foi uma reivindicação de várias categorias. Foi uma discussão democrática, ouvimos os sindicatos, seus pleitos. O PCCV veio para mudar a realidade dos servidores públicos de Sergipe. Continuamos abertos para discutir as propostas, pois somos um governo que dialoga, que senta para conversar. Conversaremos sobre a defasagem salarial mais à frente. Os servidores pediram o PCCV e nós demos”, declarou.

O radialista George Magalhães abriu espaço para os ouvintes se manifestarem. O presidente do Sindicato dos Vigilantes Públicos do Estado de Sergipe (Sindvipse), José Ferreira, aproveitou o espaço para parabenizar o governador pelos esforços ao implantar efetivamente o PCCV. “Em um momento de crise, o governador conseguiu implementar o PCCV, que estava há mais de 20 anos engavetado, e ainda o adicional noturno e de periculosidade dos nossos vigilantes. Hoje, nenhum vigilante público ganha menos que R$ 1.300,00”, disse Ferreira.

Para o presidente do Sindicato dos Odontólogos de Sergipe (Sindiodonto), Marcos Santana, implantar o PCCV no atual cenário de crise econômica nacional foi um ato de coragem. “Em tão pouco tempo de governo, Jackson conseguiu destravar a carreira de todos servidores com esse Plano de Cargos e Carreira, que ainda é extensivo aos aposentados. O governador teve muita coragem e sensibilidade de fazer isso acontecer”.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Área da Saúde do Estado de Sergipe (Sintasa), Augusto Couto, também fez questão de participar do programa. “Fazemos parte do Conselho da Seplag [Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão]. O governo abriu espaço para os sindicatos estarem dentro da Secretaria, discutindo o Plano. Desde que entrei para o serviço público, lutamos por esse Plano de Carreira. São mais de 28 anos de luta. Agora, todo mundo quer aderir ao PCCV, e se todo mundo quer, é porque é algo muito bom. A Seplag tem mantido o canal aberto, estamos negociando. Quero parabenizar o governador pela coragem, por ter cumprido a sua palavra”.

Jackson agradeceu os depoimentos e afirmou que isso mostra que o Governo está no caminho certo. “O governo continua aberto para negociações. Temos os sindicatos dentro da Seplag, dialogando continuamente. Atendemos 70% dos servidores. Quem começou sua vida profissional em um balcão do Mercado de Aracaju, que entregou carta pelas ruas da capital em uma bicicleta, fica extremamente feliz com essa conquista dos servidores. Não reconhecer a importância da implementação do PCCV é não reconhecer a história dos servidores de Sergipe. Essa é uma conquista histórica”, afirmou.

Segurança

Jackson falou também das conquistas recentes da área. O governador recordou últimas promoções concedidas a oficiais e praças da Polícia Militar e da assinatura de dois decretos que beneficiam a PM. O primeiro, estende aos praças da Instituição, a garantia constitucional da presunção de inocência. O segundo decreto instituiu, no âmbito do Poder Executivo Estadual, uma comissão técnica para efetuar os estudos visando à implantação para os subsídios da Polícia Militar do Estado de Sergipe e do Corpo de Bombeiros Militar.

“Em agosto, no mês em que se comemora o dia do soldado, teremos mais promoções. O governo também já convocou mais de mil militares aprovados no último concurso da PM e pretendemos convocar mais. Também vamos chamar mais policiais civis. Estamos investindo muito em segurança, amanhã, sábado, vamos entregar dois equipamentos no bairro Santos Dumont: a Delegacia Plantonista Norte, no prédio da 3ª Delegacia Metropolitana,  e um Posto de Atendimento ao Cidadão (PAC Móvel) na praça Ulysses Guimarães”, informou.

A Delegacia Plantonista Norte (Deplan Norte) passa a funcionar no prédio da 3ª Delegacia Metropolitana, na avenida Juscelino Kubitschek, também no Santos Dumont. Os serviços ora prestados pela Plantonista da rua de Laranjeiras passarão a ser realizados pela nova Delegacia e pela Plantonista da Zona Sul, no conjunto Augusto Franco. Dessa forma, as plantonistas da capital ficarão estrategicamente instaladas nos pontos onde as demandas são maiores: nas zonas Norte e Sul.

A nova configuração permite um atendimento mais ágil à população e melhor atende à logística de deslocamento dos veículos da Polícia Militar. A Coordenadoria das Delegacias de Polícia da Capital (Copcal) começa a prestar serviços na Deplan Norte já nesta sexta-feira, 10, partir das 18h. A Deplan Norte vai funcionar todas as noites nos dias úteis e 24 horas nos finais de semana e feriados.

Brasília

O governador falou ainda da sua ida a Brasília nesta semana e do quanto tem trabalhado em busca de alternativas para as finanças do governo, a exemplo da renegociação das dívidas do Estado com o governo federal. Na capital federal,  Jackson reuniu-se com o ministro dos Transportes, Maurício Quintela Lessa, para tratar das obras de duplicação da BR-101 e da BR-235. Tratou, ainda, dos trechos parados da duplicação da BR-101 em direção ao estado de Alagoas (norte).

“Em Brasília, o Estado de Sergipe saiu na frente, porque já implantamos muitas medidas de cortes de gastos. Reduzimos em 25% os cargos comissionados, nove secretarias foram extintas, nossos esforços são reconhecidos. Mas, todo mês, são R$100 milhões que precisamos repor para o déficit da previdência. Mas ele não teve início nem no meu governo, nem no de Déda, foi antes. Estamos fazendo o possível para conseguir melhorar o caixa do governo”.

Obras

O chefe do Executivo estadual ressaltou que apesar das dificuldades, Sergipe é um dos poucos estados do Nordeste onde o governo ainda está conseguindo realizar obras. “Temos obras na capital e no interior. Trabalho diuturnamente para conseguir levar as obras para todo o estado e reorganizar as contas. No mês de junho, já estou pensando em como irei pagar o 13º dos servidores, estudando alternativas para que tudo dê certo”.

O novo Centro de Convenções (CCS), orçado em R$ 20,7 milhões; o Terminal Pesqueiro Público de Aracaju, orçado em R$ 14 milhões; as intervenções urbanas no Bairro Industrial, um investimento superior a R$ 42 milhões e a interligação das avenidas Gasoduto com Rio de Janeiro, no valor de R$ 40.184.425,70, para a melhoria da mobilidade urbana, foram algumas das obras citadas pelo governador durante a entrevista.

As quase 2 mil casas que estão sendo construídas em Tobias Barreto e Estâncias; as escolas profissionalizantes de Dores, Socorro e Umbaúba; as reformas de escolas da rede estadual; a rodovia que liga Itabaiana a Itaporanga D’Ajuda; a Orla de Canindé e a Rodovia Santa Luzia/ Crasto também foram destacadas pelo governador.

“Em julho, vamos anunciar a inauguração da nova entrada de Aracaju, da Rodovia do Crasto, em Santa Luzia do Itanhy, e em Canindé, inaugurar a Orla do município. A Escola Profissionalizante de Socorro será denominada Ulysses Guimarães, em homenagem a esse grande homem. Vamos também construir a estrada ligando o município de Nossa Senhora de Lourdes ao povoado Escurial, às margens do rio São Francisco”, relatou.

Ascom ASN