16/06/16 - 15:44:18

POLICIA CIVIL ENVIA 860 INQUÉRITOS À JUSTIÇA NO MÊS DE MAIO

Delegacia da Barra dos Coqueiros (11ª DM), DAGV e Delegacia Regional de Itabaiana lideram o ranking de unidades que mais concluíram inquéritos em maio

A Polícia Civil de Sergipe encaminhou ao Poder Judiciário no mês de maio deste ano, 860 inquéritos policiais com ou sem autoria de crime definida. Os números fazem parte da estatística mensal de produção cartorária feita pela Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal (Ceacrim) da Secretaria de Segurança Pública.

Do total do inquéritos, 159 foram produzidos nas Delegacias Metropolitanas de Aracaju, 306 nas unidades especializadas e 395 nas Delegacias do Interior do Estado. Na Grande Aracaju, a 11ª Delegacia Metropolitana, situada na Barra dos Coqueiros, foi a campeã com 35 inquéritos concluídos. Entre as especializadas, o Departamento de Atendimento aos Grupos Vulneráveis (DAGV) encabeçou a lista com 122 inquéritos, destes 101 feitos somente na Delegacia da Mulher.

A Delegacia Regional de Itabaiana, que recentemente recebeu reforços de novos agentes e escrivães do último concurso público da Polícia Civil, foi a unidade do interior que mais concluiu inquéritos no mês passado. Foram 62 com autoria definida e 20 sem autoria, totalizado 82 inquéritos remetidos à Justiça. A unidade também foi a campeã de adultos presos em flagrante, com o registro de 22 autos de prisão, como também foi a que mais fez boletins de ocorrência: 419.

Além de inquéritos policiais, também foram divulgados o número de boletins de ocorrência, autos de investigação de ato infracional e os termos de ocorrências circunstanciadas (TOC) registrados, entre outras informações relativas ao trabalho cartorário. Nos 31 dias de maio, as delegacias de Sergipe registraram 9.133 boletins de ocorrência e 300 TOC.

O delegado geral da PC, Alessandro Vieira, ressalta que os números serão utilizados como parâmetros para corrigir rumos, definir metas, diagnosticar problemas e construir um planejamento mais eficiente a fim de atingir um alto grau de eficiência. “Além de ser um excelente mecanismo de controle administrativo, a produção cartorária é uma prestação de contas a sociedade que pode acompanhar o trabalho de seus servidores”, destacou

Na segunda posição do ranking de produção no interior do Estado, aparece a Delegacia de Canindé do São Francisco com 50 inquéritos concluídos, sendo 32 com autoria e 18 sem autoria.

Adolescentes infratores

A percepção da sociedade de que aumentou o número de crianças e adolescentes em conflito com a lei se confirma pelos números apresentados pelo Ceacrim. Em maio, a polícia apreendeu 20 adolescentes em flagrante por ato infracional e 22 crianças e adolescentes apreendidos por ordem judicial e 55 Auto de Investigação de Ato Infracional.

Os dados mostram, ainda, o registro de 116 adultos presos em cumprimento a ordem judicial, 603 cotas recebidas do Ministério Público e da Justiça e 488 cumpridas. Neste momento, a Polícia Civil trabalha para concluir 7.385 inquéritos policiais em todas as delegacias do Estado.

Confira o relatório completo

Fonte ascom SSP