16/06/16 - 00:01:45

UM NOME QUE VENÇA JOÃO

DIÓGENES BRAYNER – plenario@faxaju.com.br

A escolha do nome da base aliada para disputar a Prefeitura de Aracaju ainda depende de uma nova pesquisa para constatar quem está em melhor condição. Agora não se trata apenas de apoio partidário, mas de condições para vencer João Alves Filho (DEM), que vai para a reeleição e vem apresentando um crescimentos nas avaliações feitas até pela oposição.

Até o momento, todos os précandidatos afirmam que estão nas nuvens. É necessário que se comprove isso através de critérios mais rígidos de pesquisa, porque não basta citar, tem que comprovar a autenticidade da apuração feita junto ao eleitorado, hoje descrente dos políticos e sem entusiasmo para eleições, em razão do que vem acontecendo com a exposição de atos de corrupção que desacredita o País.

De alguma forma o cenário para o pleito municipal de Aracaju mudou nesses últimos dias e os nomes que se oferecem precisam de maior estatura eleitoral que dê um mínimo de certeza para o bom combate. Edvaldo Nogueira (PCdoB) tem um histórico como ex-prefeito; Valadares Filho também tem um bom currículo por estar no segundo mandato na Câmara Federal; Zezinho Sobral (PMDB), ainda não foi testado nas urnas, entretanto mostra disposição e garra para a disputa. O senador Eduardo Amorim (PSC) com passagem pela Câmara e pelo Senado foi um dos mais votados.

Todos aptos ao pleito, mais nenhum deles se sustenta como liderança pessoal, capaz de atrair o eleitorado, como o faz João Alves Filho e já fizeram Jackson Barreto, senador Valadares, Marcelo Deda, Albano Franco e tantos outros que estiveram no Comando do Estado e à frente da Capital.

Um nome para disputar a Prefeitura com João Alves Filho tem que mostrar estrutura, andar sem muletas e ter o povo ao seu lado, independente da força partidária ou de lideranças que o apoie.

PESQUISA

Está sendo encomendada uma pesquisa ampla sobre précandidatos a prefeito, que pode ser decisiva para a indicação do nome que terá apoio da base aliada.

Será a última com esse objetivo.

CONVERSA

O governador Jackson Barreto (PMDB) não é adversário do prefeito Fábio Henrique (PDT) e pretende conversar com ele sobre 2016 e 2018.

Este ano fica claro que JB apoia Padre Inaldo.

CENÁRIO

Em conversas sobre política de Socorro, a constatação é que o précandidato Klewerton Siqueira será, naturalmente, candidato à reeleição em 2022.

E pode se repetir o mesmo cenário de hoje entre Fábio e Zé Franco (PSDB).

SILVIA

Fábio Henrique tem projetos para 2018 e 2022. Ele pensa na Câmara Federal e até no Senado, e quer a mulher, deputada Silvia Fontes, prefeita de Socorro em 2022.

Será na candidatura de Silvia que se dará o imbróglio.

TEM MAIS

Fábio Henrique também quer eleger esse ano o irmão Adilson Jr a prefeito de São Cristóvão. Jackson Barreto faz elogios a Jr e deve apoiá-lo.

Tudo isso estará inserido na conversa entre Fábio e Jackson.

CERTEZA

Dentro da base aliada há certeza de que o précandidato indicado a prefeito tem que trabalhar muito para chegar ao segundo turno e enfrentar João Alves Filho (DEM).

Todas as pesquisas mostram que João está bem.

CONFIRMA

Ontem o prefeito João Alves Filho teve conversa com o presidente do PPS, Clóvis Silveira, e confirmou que é candidato à reeleição.

Os dois terão novo encontro dentro de mais dez dias.

JERÔNIMO

O ex-prefeito Jerônimo Reis (PMDB) continua conversando com seu grupo sobre sua précandidatura a prefeito de Lagarto.

Jerônimo anuncia oficialmente sua précandidatura no próximo domingo.

CANHOBA

Por maioria dos votos na Câmara Municipal, a prefeita de Canhoba Elinalda Pereira (Naldinha da Farmácia) foi afastada por improbidade administrativa.

Apenas um vereador votou pela sua permanência na Prefeitura.

VOTAÇÃO

O líder do Governo, Francisco Gualberto, sugere que a primeira votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) ocorra já na próxima segunda-feira.

A LDO devolve ao Legislativo e Judiciário o pagamento dos seus aposentados.

REUNIÃO

Ainda esta semana os deputados terão discussão sobre a questão da aposentadoria para ver como isso será feito, sem que contrarie o Executivo.

Também haverá conversas entre cúpulas do Legislativo e Judiciário.

OPINIÃO

A cúpula do Legislativo e Judiciário já tratou do assunto e concluiu que a questão da aposentadoria não deveria ser colocada neste momento na LDO.

Que fosse dado um tempo para se prepararem.

ANDRÉ MOURA

O líder do Governo, deputado André Moura (PSC) disse ontem, em resposta a Rodrigo Janot, que não está na liderança por indicação do deputado Eduardo Cunha (PMDB).

Mas por indicação da base que dá sustentação ao Governo Temer.

AFASTAMENTO

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu o afastamento de Cunha de alguns parlamentares aliados, e citou André Moura como se fosse indicação dele.

Daí a resposta rápida do líder do Governo.

COM TEMER

André acha que Temer tem apoio do Congresso e disse que terça-feira, mesmo com a derrota de Cunha no Conselho de Ética, não houve problemas nas votações.

– Aprovamos todos os projetos que o Governo queria.

IMPASSE

Na indicação de nomes para cargos federais, em Sergipe, por parlamentares existe um impasse entre Jony Marcos (PRB) e Adelson Barreto (PR).

Os dois querem indicar o superintendente do Ibama.

PREOCUPA

Précandidatos à Câmara Municipal pelo PMDB, inclusive que disputa a reeleição, estão preocupados com o alongamento do prazo para definir o candidato a prefeito da sigla.

Todos eles defendem o nome de Zezinho Sobral.

CHAPINHA

O PMDB vai lançar uma chapinha com 36 candidatos à Câmara e já se declara contra a um chapão e acha que ele até quatro vereadores.

A sigla que sair sozinha e não aceita o chapão.

ALBANO

O empresário Albano Franco vai proferir palestra, hoje, na Sociedade Médica de Sergipe, sobre o tema “Desafio dos Investimentos”.

Acontece na sede da Somese, à rua Guilhermino Resende.

Notas

Decoro – Segundo a revista Exame, nova instância de embate no processo por quebra de decoro parlamentar do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dificilmente atenderá os recursos que o peemedebista pretende protocolar nos próximos dias.

0x0

Poços – A Comissão de Minas e Energia (CME) da Câmara aprovou por unanimidade, o projeto de autoria do deputado federal Valadares Filho (PSB), que visa desenvolver ações para perfuração de poços comunitários em comunidades rurais de baixa renda, quando declarada calamidade pública decorrente de estiagem.

0x0

Abuso – O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), acusou ontem membros do Ministério Público Federal (MPF) de agirem com “abuso de poder” na força-tarefa da Operação Lava Jato no que se refere a investigações de senadores. Renan avalia pedido de impeachment do procurador-geral, Rodrigo Janot.

0x0

Reajuste – O Sindifisco Nacional tem envidado todos os esforços possíveis para que Governo dê celeridade ao envio de Projeto de Lei que trata do reajuste dos Auditores Fiscais ao Congresso. Ontem a direção do Sindicato esteve na Câmara, com objetivo de pedir apoio aos congressistas em prol do pleito da categoria.

0x0

Madame – O ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, reconheceu pagamentos milionários de propina na estatal, mas disse que há casos piores, com outros órgãos estatais tendo “práticas menos ortodoxas”. Segundo suas próprias palavras, a Petrobras é “a madame mais honesta dos cabarés do Brasil”.

0x0

Desgaste – Informa Kennedy Alencar que o Planalto reconhece que a acusação de Sérgio Machado contra o presidente interino traz desgaste de imagem bem no dia em que Michel Temer apresentou a sua principal proposta econômica, uma emenda constitucional para limitar o crescimento dos gastos públicos.

Conversando

Delação – Alívio no Congresso e no Planalto com a declaração de Eduardo Cunha que não vai delatar ninguém.

Erro – Matéria de O Globo publica que Heráclito Fortes (PSB-SE) recebeu propina de Sergio Machado. Na verdade Heráclito é do PSB do Piauí.

Ousadia – A ousadia da bandidagem não tem limites: Homens são presos tentando furtar veículos de pátio PRF em Sergipe.

Articula – Segundo Clovis Silveira (PPS), o prefeito João Alves (DEM) saiu da toca e articula pessoalmente sua candidatura à reeleição.

Andando – Em entrevista, o governador Jackson Barreto (PMDB) diz que vai continuar trabalhando para se fortalecer para o processo sucessório em todos os municípios.

Doideira – Segundo ainda Jackson Barreto, os institutos de pesquisas eleitorais nunca ganharam tanto dinheiro. “É uma doideira”.

Fraudes – delegado da Receita Federal fala sobre grande operação de fiscalização de combate a fraudes no imposto de renda.

Vardo – A Câmara Municipal de Itabaiana não exige decoro parlamentar. Vardo da Lotérica já derrubou o respeito em plenário há muito tempo.

Decoro – O último atentado ao decoro praticado por Vardo foi dizer que não participou da procissão de Santo Antônio e acusou quem foi lá “cheirar peidos dos políticos”.