17/06/16 - 14:35:19

Colégio Atheneu Sergipense leva mais de 120 alunos a doarem sangue (Foto: Eugênio Barreto)

Projeto “Amor na Veia” motiva a solidariedade entre alunos, ex-alunos e professores

O Colégio Atheneu Sergipense, em Aracaju, promoveu mais um dia de solidariedade nesta sexta-feira, 17. Um grupo de alunos doaram sangue, dentro da programação do Projeto “Amor na Veia”. Ao todo, mais de 125 alunos deverão passar pelo Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose) até a próxima segunda-feira, 20.

Desde o dia 16 de junho que a iniciativa foi intensificada, motivando a doação de sangue como uma das etapas da gincana junina da unidade escolar, que acontece no período de 18 a 22 de junho.

“Além de aumentar o estoque do banco de sangue nesta temporada de festejos juninos, também há um trabalho de autoestima e valorização dos alunos. Eles começam a perceber que no compartilhamento dessa ação, há um sentimento de importância”, afirmou Eliane Rocha Gama, coordenadora do Atheneu.

O projeto “Amor na Veia” foi idealizado por ex-alunos do Colégio Atheneu, em 2015, com o intuito de sensibilizar a comunidade escolar a doar sangue.

“Acompanhei de perto o caso de um amigo com leucemia e não podia doar por causa do meu peso. Mobilizei a escola e outros alunos também a se engajaram. Hoje estamos juntos incentivando também a fazer o cadastro de doação de medula óssea”, destacou Carine Alves Cardoso, ex-aluna, idealizadora do projeto.

Trabalhos solidário e social

Além de ser uma forma de doar vida para quem precisa de sangue, principalmente por conta do aumento do número de queimados e mutilados devido ao período junino, os alunos passam por triagem e muitos deles ficam sabendo que têm algum tipo de anemia, elevação nos índices de glicemia e pressão arterial.

Nesses casos, a coordenadora Eliane Rocha destaca que também há um trabalho de orientação, no que se refere ao encaminhamento para o sistema de saúde.

A iniciativa do “Amor na Veia´ tem o apoio do Grêmio Estudantil do Colégio Atheneu Sergipense, ex-alunos, além da equipe diretiva da escola.

“Temos conseguido o apoio de vários ex-alunos. Assim, não deixamos também de ter um vínculo com a escola”, disse Vitória Santos, ex-aluna, também idealizadora do projeto.

Como agendar

O Hemocentro de Sergipe funciona de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30, e durante os sábados e feriados, das 7h às 11h.

As escolas que desejarem agendar grupos de alunos deverão ligar para o número (79) 3225-8039 ou (79) 3259-3174. O e-mail é: ssocial.hemose@fsph.se.gov.br.

O Hemose fornece transporte em caso de grupos de doadores.

Condições para doar sangue:

Sentir-se bem, com saúde;

Apresentar documento com foto, válido em todo o território nacional;

Ter entre 16 e 69 anos de idade;

Ter peso acima de 50Kg.

Não pode doar:

Quem teve diagnóstico de hepatite após os 11 anos de idade;

Mulheres grávidas ou que estejam amamentando;

Pessoas que estão expostas a doenças transmissíveis pelo sangue, como AIDS, hepatite, sífilis e doença de chagas;

Usuários de drogas;

Pessoas que fizeram tatuagem ou colocaram piercing em locais não controlados pela Vigilância Sanitária nos últimos 12 meses;

Aqueles que tiveram relacionamento sexual com parceiro desconhecido ou eventual, sem uso de preservativo, nos últimos 12 meses.

Recomendações para o dia da doação

Nunca vá doar sangue em jejum;

Fazer um repouso mínimo de 6h na noite anterior à doação;

Não ingerir bebidas alcoólicas nas 12h anteriores;

Evitar fumar por pelo menos 2h antes da doação;

Evitar alimentos gordurosos nas 3h antecedentes à doação;

Interromper por 12h atividades como pilotar avião ou helicóptero, conduzir ônibus ou caminhões de grande porte em andaimes e praticar paraquedismo ou mergulho.

Assessoria de Comunicação da SEED