23/06/16 - 15:39:51

SEEB/SE QUER FERIADO SÃO JOÃO ESTENDIDO A TODAS AS CIDADES

Às vésperas do dia 24, Dia de São João, feriado na capital sergipana, os diretores do Sindicato dos Bancários de Sergipe (SEEB/SE) anunciam que manterão a luta para estender o feriado em todas as cidades sergipanas. Este ano, em Aracaju, o feriado municipal completa sete anos consecutivos.

“O feriado de São João em Aracaju é fruto de ação política da nossa categoria. A lei municipal proporcionou ao conjunto da população aracajuana comemorar a festa junina, sem se preocupar com o trabalho no dia seguinte”, relembra a presidenta do SEEB/SE, Ivânia Pereira.

Há sete anos, na capital sergipana, quando o São João caía em dia útil, o comércio fechava às portas. Porém, os bancos tinham expediente e trabalhadores de outros setores também trabalhavam (carteiros, trabalhadores da indústria, vigilantes e agentes de limpeza).  “Em um estado com forte tradição junina, dos 75 municípios, apenas cerca de 20 conquistaram o feriado local”, lamenta a sindicalista.

Nesta quinta, 23, o SEEB/SE comemorou os sete anos da do feriado de São João na agência central do Banco do Nordeste (BNB). O banco foi o escolhido, porque o sindicato está mobilizando a base para o debate que será travado no XXII Congresso Nacional dos Funcionários do BNB, que acontecerá nos próximos dias 1 e 2, em Juazeiro do Norte (CE).

Saiba Mais

Em Aracaju, a lei municipal nº 3805, a Lei do Feriado de São João foi sancionada no dia 14 de dezembro de 2009, na gestão do prefeito Edvaldo Nogueira.  “Na época, a diretoria do SEEB/SE buscou o então vereador Valdir Santos, que apresentou o projeto e conseguiu a aprovação unânime na Câmara de Vereadores de Aracaju, no dia 3 de dezembro de 2009”, conta Pereira.

Além de Aracaju, os municípios que também decretaram feriado próprio no dia 24 de junho são Boquim, Campo do Brito, Canhoba, Estância, Indiaroba, Itabaianinha, Itabi, Itaporanga D’Ajuda, Japoatã, Japaratuba, Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora das Dores, Pedra Mole, Rosário do Catete, Santo Amaro das Brotas, São Cristóvão, Simão Dias, Siriri e Umbaúba.

Por Déa Jacobina. Ascom SEEB/SE