28/06/16 - 10:58:31

Bicho de Pé anima público no Arraiá do Povo (Foto assessoria)

Nem a forte chuva impediu os apaixonados por forró de curtir a décima segunda noite de apresentações no II Encontro Nordestino de Cultura – Arraiá do Povo 2016. O público aproveitou o frio junino para dançar coladinho ao som dos artistas que trouxeram os mais tradicionais ritmos do Nordeste. O evento é uma realização do Governo de Sergipe através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e segue até o dia 30 de junho na Orla de Atalaia.

Há 18 anos na estrada, a banda Bicho de Pé foi a responsável por encerrar as apresentações nesta segunda. Com ritmoscomo xote, xaxado e baião, o grupo paulista animou o público que se esquentou ao som de canções autorais, como “Nosso Xote”, “No Escurinho” e “Moreno”, além de grandes sucessos do mais autêntico forró.

Filha de nordestinos, assim como boa parte da banda, a vocalista e percursionista da Banda, Janayna Pereira, contou que sempre foi apaixonada pelo forró. “Nós somos filhos de nordestinos, então crescemos ouvindo forró, foi muito natural para nós começar na carreira, acho que o forró que nos escolheu”, acredita.

Quem também subiu ao Placo Clemilda foi o cantor Fernando Cratéus. Com 30 anos de carreira, o artista considera o Encontro Nordestino de Cultura- Arraiá do Povo um dos maiores e mais importantes eventos de forró do país. ““No Nordeste não há um local que esteja dando um significado ao São João como vemos aqui nesse palco que leva o nome de uma artista que carregou por tanto tempo a nossa cultura como a saudosa Clemilda. O secretário Irineu Fontes está de parabéns pela iniciativa, porque aqui nós temos o verdadeiro forró, com xote, arrasta pé, o xaxado e baião”, pontuou.

A tradição junina também teve espaço no Tablado Ari Soares, desta vez em forma de quadrilha. Abordando as brincadeiras de São João,a Quadrilha Poerinha do Sertão encantou o público.Outra que despertou a curiosidade de sergipanos e turistas foi a Quadrilha Buscapé. Criada há 17 anos e vinda da cidade de Lagarto, ela apostou no amor e na fé para este ano. “Fazer parte do Arraiá do Povo é um grande privilégio. É a primeira vez que participamos e isso para a gente é inexplicável”, acredita.

Além deles, o público ainda pôde apreciar as apresentações de Grilo do Forró, Leonardo e Manoel Alves, Trio Fala Sério. A programação continua nesta terça-feira, 28, a partir das 19h, com as seguintes atrações: OdirCaius, Samba de Coco São Benidito, Cassiano e Banda Só Forró, Batucada Buscapé, Grupo Burundanga, Trio Forró Simpatia do Nordeste, Luiz Rodrigues e Retalhos Nordestinos, Balança Eu, Os Gonzagas, e as quadrilhas Meu Sertão e Apaga Fogueira.

Ministério da Cultura

Um dos principais apoiadores e responsáveis pela realização do evento foi o Ministério da Cultura (MinC). Visitando pela primeira vez o Encontro Nordestino de Cultura, a Coordenadora Geral de Acompanhamento do Projeto Cultura Viva, Isabelle Albuquerque definiu como “inclusivo” o Encontro. “É bastante democrática essa ideia de fazer a chamada pública, de prestigiar artistas locais e nacionais é muito importante, além de ser um evento aberto onde vemos crianças e idosos, ou seja, é um São João inclusivo”, declarou.

Encontro Nordestino de Cultura

O II Encontro Nordestino de Cultura- Arraiá do Povo 2016 é uma realização do Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e conta com o apoio do Ministério da Cultura, Secretaria de Esporte e Turismo, Secretaria de Estado da Inclusão, Assistência e do Desenvolvimento Social, Secretaria de Estado da Saúde, Samu, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Empresa Municipal de Serviços Urbanos, Superintendência municipal de Transportes e Trânsito, G Barbosa, Banese e Seguradora, Fasouto e Sebrae.

Ascom / Sec. de Estado da Cultura