29/06/16 - 07:47:37

BARES INOVAM PARA AGRADAR O PÚBLICO NO ARRAIÁ DO POVO

 

Decoração típica, espaço kids, cervejas artesanais e cardápio diversificado são apenas alguns dos diferenciais que os bares, montados na Orla de Atalaia durante o Encontro Nordestino de Cultura- Arraiá do Povo 2016, trouxeram para esta edição do evento.  Promovido pelo Governo de Sergipe, através da Secretaria de Cultura (Secult), o Encontro segue até o dia 30 de junho.

Com a ampliação do espaço destinado aos bares na segunda edição do Arraiá do Povo, os estabelecimentos tiveram que se reinventar para continuar atraindo turistas e locais.  Mesmo com atrações infantis na praça de eventos, alguns dos bares investiram nos espaços kids para fidelizar as famílias.

Pela primeira vez no Arraiá do Povo, esta foi uma das táticas utilizadas pelos bares Velho Chico e Subúrbia. Os dois já colhem os frutos desse investimento e pensam em participar das próximas edições do Encontro.

Para Ana Maia, pernambucana radicada em Sergipe, foi o espaço kids que a levou a escolher o Velho Chico para passar a noite em família. “É a nossa primeira noite no Arraiá do Povo e escolhemos este bar por causa da nossa filha, para podermos curtir enquanto ela brinca”, explica.

Tradição

Com nome já estabelecido no mercado, o Renatão colhe os frutos da sua reputação no Arraiá do Povo.  “ O movimento está muito bom aqui. Ajuda bastante o fato de sermos bastante conhecidos na cidade e termos o diferencial da qualidade dos nossos produtos e o atendimento”, comemora o proprietário Renato Lima.

O Chef do Cariri, Henrique Pinto, diz que o Arraiá do Povo contribuiu com o aumento da movimentação na sede do próprio Cariri. “O Arraiá do Povo tem servido de vitrine para o Cariri. Os turistas acabam conhecendo o nosso trabalho aqui, e procuram o nosso endereço, que, aliás, está lotado durante os dias do Arraiá”, diz.

Além do espetinho

Ainda um dos campeões de preferência e fiel acompanhante da cerveja e do chopp, nesta edição do Arraiá do Povo, a iguaria está perdendo seu reinado para pratos tipicamente nordestinos como carne do sol e macaxeira frita, guisado de cordeiro acompanhado de inhame ou macaxeira cozidos e escondidinhos.

Dentre as bebidas, uma boa opção para fugir do convencional, é provar os diversos tipos de roskas e as cervejas artesanais.  É isso que tem alavancado o movimento no Subúrbia, segundo a gerente Larissa Mury. “Um dos nossos diferenciais é a bebida, trouxemos vários rótulos de cervejas especiais. O movimento estava tão grande que deixamos de trabalhar com reservas porque estávamos com fila de espera”, comenta.

A única “reclamação” do proprietário do Velho Chico, Marcos Leite, foi quanto à duração do evento. Para ele, o Encontro deveria seguir o ano todo para que os turistas pudessem continuar desfrutando a culinária e a cultura sergipana em um mesmo local. “Deveríamos ter eventos como esse o ano todo. Com culinária típica, bares, trio pé de serra, quadrilhas e artesanato. Os turistas com certeza viriam o ano todo e não apenas em junho.”, sugere.

Se você ainda não veio até o Encontro Nordestino de Cultura- Arraiá do Povo 2016, ainda dá tempo de ter um gostinho do São João mais autêntico de Sergipe. A programação na praça de eventos da Orla de Atalaia segue até o dia 30 de junho e no Gonzagão até o dia 1º de julho, com a final das Quadrilhas Juninas.

Encontro Nordestino de Cultura

O II Encontro Nordestino de Cultura- Arraiá do Povo 2016 é uma realização do Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e conta com o apoio do Ministério da Cultura, Secretaria de Esporte e Turismo, Secretaria de Estado da Inclusão, Assistência e do Desenvolvimento Social, Secretaria de Estado da Saúde, Samu, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Empresa Municipal de Serviços Urbanos, Superintendência municipal de Transportes e Trânsito, G Barbosa, Banese e Seguradora, Fasouto e Sebrae.

Ascom / Sec. de Estado da Cultura