01/07/16 - 08:28:19

TCE publica no site Planejamento Estratégico 2016-2019 (Foto divulgação)

O presidente do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE/SE), conselheiro Clóvis Barbosa, anunciou a publicação no site do Tribunal do Planejamento Estratégico 2016-2019 durante a sessão do Pleno desta quinta-feira (30). O documento é um instrumento importante para os cidadãos sergipanos no exercício da cidadania, fazer o acompanhamento e monitoramento dos indicadores e das iniciativas estratégicas definidas.

“Após o sucesso e o reconhecimento da forma ágil e participativa do processo de elaboração, comunico a todos que hoje publicaremos o Planejamento Estratégico 2016-2019 do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe. Após aprovação da resolução em sessão plena desta Corte, o anexo passou por um processo de diagramação, no qual se teve a cautela de transformá-lo num documento visualmente acessível para todos”, disse o presidente.

O servidor Wagner Silva, integrante do Núcleo de Assessoria Estratégica (NAE), responsável pelo processo de elaboração do Planejamento, detalhou sobre o processo de confecção do documento. “No mês de junho trabalhamos na formatação visual do documento, já que apresentamos uma versão em minuta para apreciação do Pleno. Dessa forma, o foco foi tornar o documento visualmente acessível para todos os cidadãos, reforçando o compromisso da atual gestão no que se refere à transparência”, esclareceu Wagner.

O NAE, que contou com o apoio de diversos setores do Tribunal, fará o acompanhamento das ações e metas presentes no plano e entregará um balanço do andamento do Planejamento a cada três meses. “Inclusive, iremos nos disponibilizar para prestar assessoria junto aos gestores e auxiliar no gerenciamento das ações”, disse Carina Farias, integrante do NAE, acrescentando que servidores poderão acompanhar esses resultados a cada dois meses, durante a realização dos Seminários Estratégicos. A terceira edição acontecerá na próxima quarta-feira (6), às 9 horas, no auditório da Ecojan,e  apresentará os primeiros resultados referentes à execução do Planejamento Estratégico.

Mapa Estratégico

Um elemento de destaque no Plano é o Mapa Estratégico, pois proporciona que a estratégia realizada seja visualizada de forma gráfica. Este mapa contém quatro perspectivas, que são as principais áreas de foco do Tribunal: Sociedade, Processos Internos, Aprendizado e Crescimento, e Infraestrutura Física e Financeira. Além disso, o mapa contempla 12 objetivos estratégicos, que formam a base que irá sustentar as perspectivas, ou seja, os resultados que o Tribunal pretende atingir dentro de cada perspectiva. Esses objetivos possuem um total de 18 indicadores e 59 iniciativas estratégicas que deverão ser cumpridas ao longo dos próximos quatro anos.

De acordo com o Núcleo, o Planejamento utilizou como base o Plano Plurianual 2016-2019 e o Planejamento Estratégico 2011-2014. “Adicionalmente, foram apreciados elementos importantes presentes em planos de outros órgãos de controle externo e demais instituições que apóiam essa atividade, incluindo TCU, Atricon (Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil) e Intosai (Organização Internacional de Entidades Fiscalizadoras Superiores)”, declarou Wagner Silva.

Fonte: TCE