01/07/16 - 10:27:35

SMS participa de roda de conversa sobre violência contra mulher (Foto ascom)

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) por meio do Programa Municipal DST/Aids,  participou na tarde desta quinta-feira, 30, de uma roda de conversa que teve como  tema  “Violência Contra a Mulher”. O evento foi promovido pela Associação Luz do Oriente, localizada no bairro Industrial, e contou com a presença de profissionais de diversas áreas como advogados, assistentes sociais e professores, que proferiram palestras para a comunidade.

De acordo com o babalorixá Janilson Teixeira, organizador do evento, esse é um assunto que merece ser bastante debatido já que os casos de violência contra a mulher se repetem por todo o país, independente de classe social. “Infelizmente o nosso Estado também segue a tendência nacional com números alarmantes  de violência contra a mulher e, por isso, nós sentimos  a necessidade de debater esse assunto com as mulheres aqui da comunidade. Nas palestras de hoje nós tivemos a oportunidade de esclarecer vários aspectos da violência,  o físico, o psicológico e também o jurídico”, pontuou.

A roda de conversa contou também com o apoio da Unidade de Saúde da Família (USF) Dona Jovem. Durante o  evento, a referência técnica do Programa Municipal DST/Aids, Marília Uchôa, explicou que essa é uma oportunidade para  que as mulheres tenham empoderamento de se defender diante de uma situação de  violência. “É fundamental que as mulheres entendam que elas não podem se  calar diante de nenhum tipo de violência, seja ela moral, sexual, psicológica ou física. As estatísticas mostram que a cada quatro minutos uma mulher é agredida no país e muitos desses casos acontecem dentro do próprio lar. Esses foram alguns dos pontos que abordei aqui hoje, além de ressaltar que as mulheres que sofrem violência sexual estão mais vulneráveis a contrair DSTs”.

A dona de casa Lourdes Santana acompanhou todas as palestras e aprovou a iniciativa. “Eu gosto muito de participar desses eventos porque tenho a oportunidade de esclarecer todas as minhas dúvidas. É muito importante a gente ter conhecimento de todos os nossos direitos enquanto cidadãs”.

Fonte SMS