07/07/16 - 09:58:06

Funesa apoia curso para profissionais do Núcleo de Apoio (Foto: Funesa)

Em uma parceria do Ministério da Saúde (MS), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP), com o apoio da Fundação Estadual de Saúde (Funesa), foi promovido nos dias 5, 6 e 7 de julho, das 8h às 17h, o primeiro encontro presencial para qualificar os profissionais dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf). O Núcleo atua nos municípios de Aracaju, Lagarto, Itabaiana, Salgado, Pedra Mole, Propriá, Simão Dias, entre outros. Os profissionais são enfermeiros, psicólogos, educador físico, fisioterapeutas, nutricionistas, assistentes sociais, dentre outros. O encontro no auditório da Funesa foi o primeiro de uma plataforma que acontecerá mensalmente, durante seis meses.

O curso acontece simultaneamente em vários Estados. O conteúdo programado corresponde a aulas presenciais e à distância através do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA). O Nasf é uma equipe composta por profissionais de diferentes áreas do conhecimento, que deve atuar de maneira integrada e apoiando os profissionais das equipes de Saúde da Família e das equipes de Atenção Básica para populações específicas, compartilhando as práticas e teorias em saúde.

Para Ana Gardênia Alves, tutora do curso, esse momento é de aperfeiçoamento para instrumentalizar os profissionais e aplicar a prática nos próprios serviços do Nasf. “A avaliação é processual e formativa, através de conceitos A, B, C e D. O Nasf atua dentro de algumas diretrizes: ação interdisciplinar e intersetorial; educação permanente em saúde dos profissionais e da população, desenvolvimento da noção de território, integralidade, participação social, educação popular, promoção da saúde e humanização”, informou.

Segundo o tutor Clebson Moura, “o objetivo das reuniões é trocar experiências com os profissionais para atuação das equipes de Saúde da Família que compõem o Nasf, criado com o objetivo de ampliar a abrangência das ações da Atenção Básica e equipes da Estratégia Saúde da Família”.

O Nasf contribui para a integralidade do cuidado aos usuários do SUS, principalmente por intermédio da ampliação da clínica, auxiliando no aumento da capacidade de análise e de intervenção sobre problemas e necessidades de saúde, em termos clínicos, sanitários e ambientais.

“Esses encontros com profissionais de outras áreas são de fundamental importância porque há uma troca de ideias e vivências. Aprendemos mais para desenvolver nossas atividades no dia a dia. Estou há mais de três anos na equipe do Nasf mas sei que tenho muito a aprender com os tutores e os colegas da turma”, disse Marilda Mendonça, psicóloga do município de Itabaiana.

Fonte: ascom Funesa