15/07/16 - 08:03:17

Motossocorristas do Samu participam de curso de atualização de pilotagem (Foto ascom)

O curso de atualização ocorre em dois momentos (teórico e prático) atendendo a especificidade do trabalho realizado pelos profissionais de urgência.

Garantir ainda mais a eficiência no tempo resposta durante os atendimentos com total segurança. É com esse foco que os motossocorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192 Sergipe), participaram do curso de Pilotagem On Road Especial, uma capacitação promovida em parceria pela Yamaha e o Grupamento Especial Tático de Motos (Getam).

A iniciativa teve início nesta quinta-feira, 14, e segue até o dia 22 de julho. De acordo com o instrutor de pilotagem da Yamaha, José Roberto de Faro, os principais pontos abordados durante o curso são: frenagem de emergência, curva e condução defensiva do veículo de duas rodas.

“O curso de pilotagem tem a carga horária de oito horas. Ele é fundamental para a segurança do condutor, fortalecendo o aprimoramento durante a condução do veículo e um melhor controle da máquina. O objetivo é capacitar o profissional para ter mais segurança no desempenho de suas funções”, ressalta José Roberto Faro.

O curso de atualização ocorre em dois momentos (teórico e prático) atendendo a especificidade do trabalho realizado pelos profissionais de urgência.

Segurança e Tempo Resposta

De acordo com a coordenadora de Enfermagem do Samu 192 Sergipe, Adriana Góis, com esta capacitação será possível dar uma melhor resposta na assistência à população aliando, principalmente, a agilidade do atendimento com a segurança do socorrista.

“Muitas vezes, nas ocorrências de maior gravidade, as motolâncias são as primeiras a chegar no local da ocorrência. A proposta é dinamizar esses atendimentos é ofertar, ainda mais, segurança aos servidores”, destaca Adriana Gois.

Para o  motossocorrista do Samu 192 Sergipe, Cleston da Silva, o curso é oportuno. “Tirar dúvidas, manias e aprender novas técnicas está sendo muito proveitoso. Agora, a meta é melhorar ainda mais a assistência”, falou.

Importância das motolâncias no atendimento

O uso contínuo das motolâncias no Samu 192 Sergipe tem proporcionado avanço no tempo resposta das equipes assistenciais nos locais das ocorrências. Elas chegam de 3 a 5 minutos antes das ambulâncias, tempo em que já iniciam o atendimento trazendo benefícios na prevenção de sequelas. Atualmente, o serviço dispõe de duas duplas de motossocorristas diariamente.

Para conduzir uma motolância, os motossocorristas, que são técnicos de enfermagem, são submetidos ao curso de Direção Defensiva que acontece em parceria com a Polícia Rodoviária Federal de Sergipe (PRF/SE), de acordo com a Portaria do Ministério da Saúde (MS) de número 2.971/08.

“Por ser um veículo de menor porte, as motolâncias chegam até a ocorrência em menor tempo e antecipa o procedimento de estabilização do paciente. Vale lembrar que ela não realiza a remoção do paciente até a unidade hospitalar. Porém, o envio da moto ocorre de forma simultânea com as ambulâncias e também é realizada por um médico regulador”, afirma a superintendente do Samu 192 Sergipe, Glícia Ramos.

Fonte SES