25/07/16 - 12:18:50

A diferença entre gás GLP, GNV, Metano e Gás Natural (Imagem: pixabay.com)

Entre os diversos combustíveis necessários para a geração de energia, os gases naturais e sintetizados pelo homem são amplamente empregados em inúmeras atividades. Da boca do fogão da cozinha doméstica até a alimentação de maquinário industrial e abastecimento de automóveis, esses combustíveis possuem características e propriedades distintas. Entenda um pouco mais sobre o assunto.

Gás GLP

Cerca de 95% das residências brasileiras são abastecidas com os populares botijões contendo o gás liquefeito de petróleo, ou gás GLP. Trata-se de uma mistura de butano e propano extraído do petróleo, que se torna líquido sob determinada pressão e pode ser facilmente acondicionado, transportado e distribuído.

Além de ser usado na cozinha e em sistemas de aquecimento de água e chuveiros, também é utilizado em processos industriais e agrícolas, pois é uma substância de baixo impacto ambiental. Uma curiosidade: o gás GLP é inodoro, e é exatamente por isso que recebe uma quantidade de enxofre para que seu cheiro seja detectado em caso de vazamentos e evitar acidentes.

Gás GNV

O gás natural veicular, popularmente conhecido como GNV é uma mistura de gases onde predomina o gás metano. Extraído da natureza, geralmente na presença de reservatórios de petróleo, é uma alternativa para os combustíveis veiculares como etanol e gasolina. A queima do GNV não produz enxofre e também não emite carbono na atmosfera, tornando-se uma alternativa mais sustentável para as frotas.

Metano

Um dos gases mais abundantes da natureza, o metano é produzido através de processos de decomposição de dejetos e lixo orgânico, em vulcões de lama, no processo digestivo dos animais herbívoros e também no processo de extração de combustíveis minerais, como o petróleo.

Apesar de ser um hidrocarboneto simples (CH4) presente na atmosfera, ele é um dos causadores do efeito estufa. Considerado um biogás, pode ser empregado na alimentação de motores, caldeiras e outros equipamentos.

Gás Natural

Gerado a partir da decomposição de material orgânico profundamente soterrado há ilhares de anos, o gás natural é encontrado na natureza em depósitos naturais. A Lei do Petróleo (9.478/97) determina que o gás natural é a “porção do petróleo que existe na fase gasosa”.

Sua composição pode variar de acordo com cada reservatório e sua formação, mas geralmente apresenta grandes quantidades de metano, e ele pode ser utilizado em diversas aplicações, como combustível industrial ou automotivo.

Aline Matos

Assessora de Imprensa (Link Builder)