04/08/16 - 10:51:57

Grupo Morena Rosa e IPTI promovem workshop em Santa Luzia (Foto ascom)

Cerca de 20 jovens com idade entre 15 e 25 anos participaram de um workshop entre os meses de junho e julho, promovido pela grupo do setor de moda Morena Rosa, que integra as marcas Morena Rosa, Maria Valentina, Lebôh e Zinco, em parceria com o Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação (IPTI), no povoado Castro, em Santa Luzia do Itanhy, distante 76 km de Aracaju. Entre eles, participaram quatro ilustradores formados pelo projeto Arte Naturalista, para os quais este workshop é parte do processo de estruturação de uma marca de camisetas que será lançada no final de agosto. A iniciativa, coordenada pelo IPTI, contou com o apoio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec).

De acordo com Luciana Chalita, responsável pelo relacionamento institucional e novos negócios do instituto, o início de tudo se deu quando os jovens de Santa Luzia do Itanhy, com talento em desenho, foram convidados para a seleção de um curso com o professor de pintura Marco Namura, um dos melhores do Brasil.“Ele ensinou aos meninos técnicas de aquarela, pontilhismo e grafite, sempre dando ênfase à estética do manguezal e no final do treinamento os ilustradores Ubiratan Teixeira, Matheus Glaudiston, João Antônio e Genisson Cardoso continuaram no projeto, quando surgiu o desejo por uma parceria empreendedora no mundo da moda”, explicou.

Esse desejo acabou sendo viabilizado graças ao apoio da Brazilfoundation, através do Prêmio de Inovação Comunitária, lançado em outubro de 2015 com o objetivo de apoiar iniciativas informais, com um benefício de até R$ 5 mil, apadrinhadas por instituições parceiras, nesse caso pelo IPTI. Inscrita no prêmio com a proposta de montar uma estamparia básica em silk screen para produção de camisetas, com desenhos feitos por eles e abordando a estética do manguezal, a proposta do grupo de Santa Luzia do Itanhy foi uma das selecionadas para receber o recurso e então a estamparia em silk screen começou a tomar forma.

No início de 2016, os ilustradores de Santa Luzia já haviam iniciado uma parceria com o Grupo Morena Rosa, através da qual desenhos produzidos por eles foram transformados em estampas para a próxima coleção da marca Morena Rosa, que deve chegar nas lojas em março de 2017. Foi a partir deste trabalho e do apoio da BrazilFoundation que surgiu a ideia de envolver o Instituto Morena Rosa para viabilizar o workshop de design de moda e estamparia, que aconteceu durante cinco finais de semana, entre os meses de junho e julho, sendo o último treinamento, sobre “Marketing e preços”, ocorrido nos dias 29 e 30 de julho. O treinamento foi conduzido pelos designers Alex Portes (Morena Rosa), Gustavo Codogno (Zinco) e Gibran Younes (Maria Valentina).

Nesse período os participantes puderam aprender sobre história da arte, história da moda, temas de coleções, tipos de estampas, como estampar em silk screen e como criar sua marca. “Vimos que os meninos têm muito talento em desenhar e trouxemos nosso conhecimento para ensinar um pouco como jogar esse desenho com a estampa, a fim de criar um produto de moda”, afirmou Gibran Younes.

Para Genisson Cardoso, 20, participar do workshop foi uma oportunidade única. “Em uma comunidade carente como a nossa e sem empregos, foi muito importante ter a chance de interagir com pessoas de fora, com pensamentos diferentes e ter uma visão maior do mercado. Será um conhecimento para o resto da vida”, destacou o ilustrador, que está concluindo o ensino médio e tem como meta  abrir uma empresa própria para comercializar a arte que produz tendo como inspiração a fauna e flora do manguezal.

Também para o ilustrador João Antônio Monteiro, 22, o workshop foi bastante inovador e abriu várias portas para a percepção do silk screen, motivando o grupo a entrar nesse mercado. “Queremos ganhar Sergipe, o Brasil e o mundo com nossos desenhos impressos em camisetas, expandindo nossa marca e esse foi o alicerce que precisávamos para ganhar velocidade”, afirmou.

De acordo com Saulo Barretto, co-fundador do IPTI, o próximo passo do projeto será o apoio na criação da marca e na estruturação de um site de e-commerce para a comercialização de camisetas, com estampas desenvolvidas pelos jovens ilustradores.

Visita

Na última sexta-feira, 29 de julho, o secretário Chico Dantas recebeu em seu gabinete a visita do diretor de Mercados da Morena Rosa, Lucas Franzato, acompanhado de Rodrigo Kauê e Juliana Suemi, que integram sua equipe de Marketing. Lucas falou dos dias que passou em Sergipe visitando cidades e povoados, conhecendo as potencialidades de cada região. “Nos encantamos com a quantidade de talentos que tem aqui e por isso procuramos desenvolver algo que, de fato,  deixasse um legado para a região, como o workshop realizado em Santa Luzia do Itanhy”, pontuou Lucas.

O secretário Chico Dantas aproveitou a visita para mostrar o potencial que Sergipe tem para receber uma fábrica do Grupo e pediu que eles levassem este comunicado aos dirigentes da empresa. Ele destacou ainda que o Estado só tem a ganhar com esta parceria no povoado Castro.  “Ver a evolução dos meninos que estão colocando todo seu talento em algo que realmente vai trazer valor e desenvolvimento para a região, nos enche de certeza que estamos trilhando o caminho certo. O Governo de Sergipe vai continuar lutando para que outras parcerias sejam feitas em todas as regiões do nosso Estado”, concluiu o secretário que estava acompanhado do superintendente executivo da Sedetec, Carlos Augusto Franco e de Saulo Barretto.

Ascom – Sedetec