08/08/16 - 13:21:31

Secretário estabelece critérios e para desfile de 7 de Setembro (Foto Maria Odilia)

Por Ítalo Marcos

Em uma reunião de apresentação das ações e do planejamento referentes às comemorações cívicas deste ano, realizada na manhã desta segunda-feira, 8, no Centro de Educação Profissional José Figueiredo Barreto, o secretário de Estado da Educação, Jorge Carvalho, apresentou uma série de normas que foram publicadas em portaria, com o intuito de moralizar o desfile cívico e militar de 7 de Setembro, cujo tema este ano é “Tecnologia a Serviço da Educação”.

O encontro contou com a participação da superintendente Executiva da Seed, Marieta Barbosa; representantes da Marinha do Brasil, do 28º Batalhão dos Caçadores, diretores de  Regionais de Educação, entre outros convidados.

Durante a sua fala, Carvalho apresentou os membros da comissão que coordenará o desfile e falou sobre algumas práticas de desfiles dos anos anteriores que fizeram com que o evento se ausentasse do civismo.

“No 7 de Setembro temos que comemorar os símbolos formais da pátria. E ao longo do ano nós temos fugido disso. Em 2016 estamos organizando um desfile que busca a retomada desse espírito”, afirmou. Para isso, ele destacou uma série de novas regras e critérios estabelecidos em portaria.

Desfile

A partir deste ano, o desfile terá que obedecer rigorosamente aos critérios estabelecidos. Está proibido, por exemplo, todo e qualquer tipo de performance e evolução coreográfica por parte dos alunos, com exceção apenas do Corpo Coreográfico da Secbanda.

Todas as instituições deverão cumprir rigorosamente o percurso estabelecido para o desfile. A programação musical deverá ser submetida previamente à avaliação e aprovação da Secbanda, para que as músicas não destoem dos propósitos cívicos do evento.

Ainda sobre este tópico, o secretário resolveu que a partir de 2016 haverá um rodízio na entrada do desfile, sendo que esta edição começará com o desfile militar, seguido das escolas da rede estadual de ensino, escola da rede federal, colégios da rede privada e, por último, instituições comunitárias.

Número de escolas

Pelo fato de em anos anteriores os desfiles terem sido longos e cansativos, a partir deste ano o número de escolas participantes foi reduzido para apenas 21, sendo 15 unidades escolares estaduais, uma federal (IFS), quatro escolas da rede privada e um pelotão de 60 alunos representando as escolas da Grande Aracaju.

Além disso, a participação no desfile foi limitada apenas a unidades escolares estaduais e instituições comunitárias sediadas no município de Aracaju. Apenas escolas que possuem banda marcial própria poderão participar, sendo vetadas quaisquer outras unidades de ensino que não possuam.

As escolas que desejam participar do desfile já podem se inscrever na sede da Secretaria de Estado da Educação. O secretário Jorge Carvalho apresentou aos participantes da reunião diversos outros critérios de desempate para caso haja mais de 15 escolas estaduais inscritas.

O resultado das escolas selecionadas para o desfile será divulgado no portal da Seed (www.seed.se.gov.br) na próxima quarta-feira, 10.

Tecnologia e Educação

Ainda durante a reunião, o diretor de Comunicação da Secretaria de Estado da Educação, Elton Coelho, apresentou como será a atuação da Assessoria de Comunicação (Ascom) durante o desfile.

Ele destacou o esforço que a Ascom fará para documentar e publicar o evento em tempo real, online, através das redes sociais, com o auxílio de três repórteres fotográficos, quatro jornalistas e outros profissionais.

“Todo o desfile será objeto da nossa cobertura em tempo real. Todos poderão ter esse acesso e a participação de cada escola será documentada e transmitida pela Ascom através do nosso site e das redes sociais. Teremos ainda a equipe do projeto Repórter Educação e contaremos com empenho dos alunos que participam do projeto Foca na Educação, os quais também farão a cobertura educativa do desfile”, explicou.

O chefe interino da Divisão de Tecnologia Educacional (Dite), professor André Luiz Alves da Cunha, fez uma explanação sobre a relação entre a tecnologia e a educação para explicar o tema do desfile deste ano.

O maestro da Secbanda, Rivaldo Dantas, convocou todos os maestros e instrutores de bandas marciais das escolas para uma reunião, com o intuito de passar orientações sobre como deverá ser a apresentação das bandas, tipos de música, entre outros assuntos relativos ao desfile.

Assessoria de Comunicação da SEED