09/08/16 - 07:39:57

Alojamento para Centro Profissionalizante em Poço Redondo está concluído ( Jorge Reis)

Para a construção, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano (Seinfra), investiu o total de R$ O Centro Profissionalizante José Brandão de Castro, localizado no Povoado Queimada Grande, em Poço Redondo, já pode contar com um alojamento para estudantes. Para a construção, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano (Seinfra), investiu o total de R$ 704.699,61. O alojamento anexo à escola tem por objetivo assegurar comodidade e proporcionar boas condições de moradia aos alunos oriundos de outros municípios, que estudam na escola profissionalizante.

“O alojamento no Centro Estadual Profissionalizante José Brandão de Castro é fundamental para melhorar nosso trabalho, uma vez que temos muitos estudantes que não são das proximidades estudando aqui e que não podem, por conta do tempo e por vezes de transporte , frequentar as aulas todos os dias. A escola adota a pedagogia da alternância e eles ficam 15 dias aqui na escola, onde pernoitam. Oferecemos curso técnico em Agropecuária e Agroindústria da forma subsequente e também da forma integrada, que são os alunos que ficam internos, os que precisam pernoitar, já os alunos subsequentes estudam apenas no turno da noite”, explicou o diretor do Centro, Edjanaldo Ferreira dos Santos.

A escola conta com 90 alunos de diversos municípios, como: Poço Redondo, Nossa Senhora de Lourdes, Gararu, Porto da Folha, Monte Alegre, Nossa Senhora da Glória, Canindé do São Francisco e povoados.

O alojamento

O alojamento possui 16 quartos coletivos, vestiários com cinco chuveiros e quatro sanitários, uma sala de estudo e corredor, área de circulação, além de lavanderia com tanques e varais. Complementando a estrutura do espaço, também foi concebido um projeto paisagístico na área de circulação do alojamento. Assim como a escola profissionalizante, o espaço conta com banheiros adaptados que garantirão a acessibilidade.

Para a estudante Janiele Inácio Dorea, de 15 anos, que mora no Povoado Lagoa da Volta, em Porto da Folha e que já faz curso técnico em Agropecuária, a notícia da conclusão do alojamento é incentivadora. “É difícil sair do meu povoado todos os dias para frequentar o curso. Com o alojamento, isso vai acabar porque ficaremos 15 dias aqui na escola direto pra fazer o curso de forma integrada. Além disso, teremos tempo e local adequado para estudar, sem barulho. Acredito que nos motiva mais, sem o desgaste da locomoção do dia a dia”, argumentou a estudante.

“Muitos alunos residem longe da cidade, portanto a locomoção às vezes fica difícil. Com o alojamento, eles terão a oportunidade de ficar na escola com mais tempo para seguir sua rotina de estudos. Agora a escola profissionalizante está pronta para acolher os estudantes de fora nos alojamentos e a partir desse incentivo espero que aumente a demanda de municípios vizinhos para profissionalização de mais jovens da região. Esse é o trabalho que o Governo do Estado faz, oferecendo condições e acesso à escola melhorando a qualidade de vida desses jovens do interior”, disse o secretário de Estado de Infraestrutura, Valmor Barbosa.

Fonte ASN