09/08/16 - 00:01:10

O EFEITO LAVA JATO

DIÓGENES BRAYNER – plenario@faxaju.com.br

A decisão do prefeito João Alves Filho (DEM) em disputar a reeleição fez retornar o cenário anterior de que haverá segundo turno. Não há como prever uma vitória já no primeiro turno, com sete candidatos majoritários, três dos quais com chances de votação expressiva.

A certeza de antes era que João já estava só na espera para saber quem enfrentaria no palanque. Até mesmo os demais candidatos achavam assim. No quadro atual, com a dúvida para confirmação de que entraria na disputa por parte do prefeito, os demais candidatos não têm certeza com quem devem chegar para um novo pleito, embora o nome de João se mantenha como uma das possibilidades mais citadas.

A campanha propriamente dita ainda não começou. Todos estão reunidos com equipes de marketing para dar rumo a suas estratégias, dentro dos limites da nova legislação, para que consigam ganhar a simpatia do eleitorado. Embora seja impossível uma campanha sem a sujeira da compra de voto, há certa preocupação em fazer o eleitor perder o hábito de votar em troca de algum benefício, para que se tenha novos prefeitos e vereadores comprometidos diretamente com seus municípios e não apenas com os seus negócios escusos.

Dentro de mais 30 dias é que se terá noção do quadro eleitoral. Pode acontecer algumas surpresas, em razão desse momento em que o pensamento sobre políticos está em baixa. O efeito Operação Lava Jato pode influenciar na próxima votação, caso parte do eleitorado exponha o seu lado Sérgio Moro. Não para prender, mas para evitar a ascensão de maus políticos.

É muito difícil uma previsão próxima à realidade, porque aparentemente o eleitor mudou e parece mais consciente que o voto bem medido e avaliado é bom para o cidadão e para sua cidade.

REUNIÃO

O prefeito João Alves Filho (DEM) reuniu ontem o secretariado, no auditório do CDL, para dizer que confiava em todos até que se provasse o contrário.

Mas repetiu que demitiria por telefone quem praticasse desonestidade.

CONVERSA

João Alves Filho teve uma conversa com por telefone com o vice-prefeito José Carlos Machado. Ficou triste com o vídeo, mas disse que não leva mágoa.

João admite que provocaram uma gravação com Machado.

BATALHA

Carlos Batalha vai retornar para a Secretaria da Comunicação Social e Socorro Cacho permanece na Emurb, por decisão do prefeito João Alves Filho.

Aliados do prefeito influenciaram na decisão.

PROGRAMA

O eleitorado começa a confundir e pensar que a disputa municipal é entre o governador Jackson Barreto (PMDB) e o senador Valadares (PSB).

Os dois trocam farpas que não ajudam a Valdares Filho ou Edvaldo Nogueira.

REALIDADE

A impressão que passa é que setores da oposição não gostaram porque Jackson Barreto teve audiência com o presidente interino Michel Temer (PSDB).

O encontro é absolutamente natural…

UM POTE

Outra impressão é que o senador Valadares ‘é um pote até aqui de mágoas (Chico Buarque)’ com o vice-governador Belivaldo Chagas, que deixou o PSB.

Não havia mais clima e nem espaço para o vice na legenda.

RESPEITO

Aliás, Belivaldo Chagas disse ontem que vai continuar respeitando o senador Valadares e que antes de deixar o PSB conversou com Valadares Filho, presidente da legenda.

– Ele bem sabe o que conversamos, disse Belivaldo e concluiu: ‘A vida segue’.

ESTRANHO

Muito estranha essa cobrança para o TCE-SE apura o que disse o vice José Carlos Machado, por pessoas da maior intimidade do presidente da casa, Clovis Barbosa.

Seria a pedidos?

EM PÚBLICO

Aconteceu na sessão plenária de quinta-feira: o presidente do TCE, Clovis Barbosa, tratou aos gritos uma conselheira, que lhe exigiu respeito.

Depois, arrependido, pediu-lhe desculpas, mas com o estrago feito.

AUDITORIA

O conselheiro Ulices Andrade, do TCE-SE, já vem fazendo auditoria em secretarias do município já há algum tempo, antes mesmo do áudio divulgado.

A cobrança seria para apressar Ulices?

DEOTAP

A delegada Danielle Garcia, do Deotap, ouve hoje o vice-prefeito José Carlos Machado (PSDB) sobre vídeo divulga nas redes sociais e emissoras de rádio.

Machado já disse que vai colaborar com as investigações.

DOCUMENTO

Sexta-feira, José Carlos Machado, como presidente municipal do PSDB, foi lá levar o documento que exigia do DEM a indicação de um vice tucano.

A ideia inicial era que Robson Viana (PEN) fosse o vice na chapa liderada por João.

VALADARES

O candidato a prefeito pelo PSB, Valadares Filho, reuniu-se ontem com presidentes de partidos e candidatos a vereador para tratar da mobilização de campanha.

Dia 26 já começam os programas de TV.

EQUIPE

Zezinho Sobral (PMDB) foi confirmado com coordenador da campanha a prefeito de Edvaldo Nogueira e também começa a agilizar sua campanha.

O marketing fica com Carlos Cauê e Jorge Santana.

AUGUSTO

O deputado estadual Augusto Bezerra (PHS) vai ser o coordenador político da campanha do prefeito João Alves Filho (DEM) à reeleição.

Teotônio Neto será responsável pelo marketing.

DISCURSO

O discurso críticos as elites, feito por Edvaldo Nogueira para Luis Mitidieri, na semana passada, parece fora de foco para uma cidade como Aracaju.

Hoje as elites não estão distantes de nenhum candidato.

JERÔNIMO

Circula em Lagarto a informação que Jerônimo Reis indicou o neto – Jerônimo Reis Neto – a prefeito, para mais adiante substituí-lo.

Jerônimo desmente e garante que estará na campanha ao lado do neto.

E O CABO?

O ex-prefeito Cabo Zé também tem candidato. Seria ele quem disputaria, mas o PR não lhe deu legenda, então ele lançou o filho Rosendo Ribeiro de Souza Neto (PEN).

Cabo se mostra animado…

VÂNDALOS

A Praia Formosa, recentemente construída pela Prefeitura, foi depredada por vândalos. Quebraram toda a área de musculação. Um absurdo.

A área ainda não tem 30 dias de construída.

Notas

Brasília – O governador Jackson Barreto (PMDB) viaja a Brasília hoje à noite para tratar de interesses do Estado. Tem audiências na quarta-feira no Ministério da Saúde, no FNDE e na Caixa Econômica. Na quinta-feira, Jackson estará nos Ministérios da Integração, da Cidade e dos Transportes.

0x0

Na luta – O senador Valadares (PSB) vai lutar ‘sem medo e sem ódio por uma mudança completa na maneira de fazer política em Aracaju e no Estado, doa a quem doer. Responderá com trabalho e confiança apoiando as propostas de nossos candidatos nos municípios sergipanos. É o que o povo espera de nós!

0x0

Estigma – “A grande luta ainda é contra o estigma”, diz Monique Prada, trabalhadora sexual, presidenta da Cuts (Central Única de Trabalhadoras e Trabalhadores Sexuais). Em entrevista à Ponte Jornalismo, ela falou sobre as reivindicações das prostitutas: “Somos um grupo de trabalhadoras em busca de direitos trabalhistas reais”.

0x0

Menor – O número de candidatos do PT que vai disputar as eleições deste ano alcançou o menor patamar em 20 anos. Segundo levantamento realizado pelo jornal O Estado de S.Paulo junto ao Diretório Nacional, a sigla tem 1.135 candidatos a prefeito em todo o Brasil, uma redução de 35% em relação à eleição de 2012.

0x0

Marisa – O delegado da Polícia Federal (PF) Márcio Anselmo determinou a intimação da mulher e de um dos filhos do ex-presidente Lula. Marisa Letícia e Fábio Luís Lula da Silva foram chamados para prestar esclarecimentos sobre o Sítio Santa Bárbara, em Atibaia, São Paulo, frequentado pela família do ex-presidente.

0x0

É hoje – Senado decide hoje se Dilma Rousseff vai a julgamento por crime de responsabilidade. A votação encerra fase de pronúncia, segunda etapa do processo de impeachment. Caso maioria simples dos senadores aceite o parecer da Comissão Especial do Impeachment, Dilma será julgada e pode perder o mandato.

Conversando

Paralisa – A Polícia Militar faz paralisação branda reclamando de salários e, mantendo-se nesse estado, pode aumentar a violência no Estado.

Cuidado – A polícia atuando com total intensidade não amedrontava os bandidos, imagina agindo de forma branda? Todo cuidado é pouco.

Dinheiro – A campanha esquenta nos municípios, mas este ano os eleitores não terão dinheiro de candidatos para resolver questões domésticas.

Dívidas – De Marcio Rocha: Quando achamos que ia dar uma melhorada nos resultados, piora… As famílias sergipanas voltaram a se endividar.

Amigo – Edvaldo Nogueira agradeceu a confiança do ‘meu amigo’ e vice-governador Belivaldo Chagas. ‘Vamos juntos resgatar as conquistas perdidas’, disse.

Forte – Rogério Carvalho: ‘nosso partido vem forte para a disputa das eleições 2016. E a chapa Edvaldo & Eliane é o que nossa cidade realmente precisa’.

Aliança – Vereador Adriano Taxista diz que se José Carlos Machado não tivesse intervido em reunião com João Alves, PSDB não teria firmado aliança com DEM.

Nega – Agamenon Sobral nega que tenha arrebentado porta durante convenção. Diz que apenas bateu de forma sequenciada porque não queriam abrir.

Samu – Representante do Sindicato do Samu fala sobre possibilidade de greve por atraso nos salários dos servidores.