02/09/16 - 00:01:38

DESCENDO A LADEIRA

DIÓGENES BRAYNERplenario@faxaju.com.br

A necessidade de um pacto nacional parece-me urgente. Ou os partidos e políticos se unem, ou chegaremos rápido a uma situação incontrolável. Não dá mais para manter essa eterna disputa pelo poder, por mero prazer de mostrar força política na condução de um Brasil que ‘desce a ladeira’.

O Governo Michel Temer (PMDB), que vai se iniciar quando ele retornar da China, precisa convocar a todos que possam colaborar para a reorganização do País a se unirem em torno de uma causa maior que é ‘colocar o Brasil nos trilhos’, como ele próprio disse. O presidente não fará isso sozinho, ao lado de partidos que o apóiam e já estão entrando em um ‘cabo de guerra’, para ver quem explora mais o Poder.

Está muito claro que partidos como PMDB, PSDB e DEM não tocam na mesma banda, porque em termos do poder central emitem tons dissonantes. O próprio PMDB já está dividido. O presidente do Senado, Renan Calheiros e aliados, puxam brasas para suas sardinhas. Será muito difícil uma convivência harmoniosa, mesmo que seja em favor de segmentos da sociedade que estão endividados e já sentem vazio no estômago.

A necessidade para um ajuste de consciências é mais ampla que o ‘ajuste fiscal’. Caberá a Temer ser menos a sigla à qual é filiado e absolutamente suprapartidário, para que acelere a recuperação econômica e social, para salvar um País que já lhe concedeu tantas oportunidades. Sem isso, estamos todos fadados ao mais absoluto fracasso, embora alguns se sintam salvadores da Pátria defendendo Dilma e outros felizes porque tiraram o PT do Poder.

Os políticos, responsáveis por tudo isso precisam se convencer da obrigação que têm de salvar o Brasil e seus Estados, mesmo que à frente deles estejam adversários. Ninguém consegue construir um país melhor, trabalhando firmemente do lado oposto de quem está na gestão e se mostrando felizes em prejudicá-los.

A torcida pelo pior não prejudica só os adversários, atinge diretamente o Estado.

PELA SALVAÇÃO

O governador Jackson Barreto conversou ontem com seus colegas do Piauí, Wellington Dias, e de Goiás, Marconi Perillo, para estarem com Temer dia 8 deste mês.

Querem cobrar compromissos com Estados do Norte e Nordeste.

NEGOCIAÇÃO

Os governadores avaliam que a renegociação da dívida dos Estados beneficia apenas as unidades das região Sul e Sudeste, castigando literalmente o Norte e Nordeste.

As duas regiões não se saíram bem nessa renegociação.

ABSURDO

A determinação do Tribunal de Justiça garantindo a visita íntima revolta agentes prisionais que podem decretar greve imediatamente.

Seria absurdo, porque o sexo é tão necessário quanto comer.

CHAMA A PM

O deputado Capitão Samuel (PSC) ironiza: “Bandidos tocam fogo em ônibus, chama o PM. Advogado ameaçado, chama o PM. Radialista ameaçado chama o PM”.

– Reconhecimento, esquece o PM.

ESTRUTURA

A organização do crime no Brasil é irretocável, principalmente nas ordens que chegam do comando maior e de entidades com PCC nos presídios.

Aliás, a ordem para incendiar ônibus veio da penitenciária.

PICHAÇÃO

Não é a melhor forma de protestar a pichação de candidatos, porque fica no ar suspeita de que foi gente que defende outra candidatura.

O eleitor observa isso com certeza.

O MANTO

– O manto da democracia não deve cobrir agressões praticadas por covardes, disse ontem o senador Eduardo Amorim ao ser recebido no aeroporto com agressões.

A Polícia Federal pode identificar os agressores.

VALMIR

Valmir Monteiro (PSC) não se abalou com a decisão do STJ que manteve a decisão de sua inelegibilidade e mantém a campanha em todo o município.

Ele vai recorrer através do partido e lembra: “ainda está no STJ”.

MUITO FOGO

Com a informação de que Valmir Monteiro havia perdido o embargo no STJ, a cidade de Lagarto encheu-se de foguetes e bombas que agitaram a cidade.

A oposição comemorou da forma que pode.

PÂNICO

É preciso investigar quem está postando áudio de detentos nas redes sociais de Aracaju fazendo ameaças e até pedindo ao povo para não sair de casa.

Tudo indica que tem gente querendo impor pânico na cidade.

SUSPENDE

O prefeito João Alves Filho (DEM), candidato à reeleição, suspendeu carreata que faria ontem em um dos bairros, pelos boatos de onda de violência em Aracaju.

Esses boatos só se expandem em grupos, onde se postam barbaridades.

CIDADE

Hoje pela manhã João Alves terá encontro em Recife com o ministro da Cidade, Bruno Araújo. Vai tratar de projetos para Aracaju.

Retorna ainda hoje e continua sua campanha para se manter prefeito.

GUALBERTO

Vestido de calça e camisa vermelhas, além de calçado com tênis vermelho, o deputado estadual Francisco Gualberto reuniu o seu grupo PT Classista.

E mostrou que não vai alterar as cores de sua legenda.

VALADARES

O candidato a prefeito pelo PSB, Valadares Filho, não se preocupa com pesquisa que vêm sendo divulgadas, porque ele faz avaliação dentro do partido.

A cada dois dias ele avalia uma pesquisa para consumo interno.

ELIANE

Pelo que se tem ouvido o nome de Eliane Aquino (PT), candidata a vice-prefeita na chapa de Edvaldo Nogueira (PCdoB) tem sido a surpresa da campanha.

Ela soma votos para a chapa pela sua simplicidade.

CERTIDÃO

Segundo informação de Lagarto, Jerônimo Reis conseguiu a certidão que precisa para disputar a Prefeitura e seus advogados avaliam se não haverá problemas futuros.

Caso não aconteça, ele pode ser o candidato em lugar do neto.

LUCIANO

O julgamento do processo de Luciano Bispo no TSE causa suspense. Mais uma vez foi adiado, agora para a próxima terça-feira. Estava em pauta para ontem.

O problema é o montante de processos acumulados.

FÁBIO

O prefeito de Socorro, Fábio Henrique (PDT), apoia a candidatura de Valadares em Aracaju, mas sem se integrar ao grupo e com participação discreta.

Não quer se confrontar com Jackson Barreto em Aracaju.

Notas

Em greve – Os bancários podem entrar em greve a partir da próxima terça-feira. Ontem, os bancários fizeram assembleias em todo o país para decidir se vão cruzar os braços. O Comando Nacional dos Bancários indicou a rejeição da proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban).

0x0

Negociada – Diz o Blog do Josias que a manobra regimental que atenuou a punição de Dilma Rousseff foi negociada em segredo por parlamentares leais à presidente cassada com o mandarim do Senado Renan Calheiros. Dilma concordou com o acerto que lhe assegurou o direito de assumir cargo público mesmo depois de deposta.

0x0

Mandado – O novo presidente efetivo do PMDB, senador Romero Jucá, decidiu que seu partido vai assinar o mandado de segurança elaborado pelo PSDB para questionar no STF a segunda votação do julgamento de impeachment, que manteve a habilitação política de Dilma Rousseff mesmo ela tendo sido afastada da Presidência

0x0

Bizarra – Ministro Gilmar Mendes, do STF, diz que manutenção de direitos políticos de Dilma é “bizarra e extravagante” acha que se penas são autônomas, Senado poderia ter aplicado à petista somente pena de inabilitação, mas mantendo-a no cargo. Disse que a decisão é primária em termos jurídicos.

0x0

Instância – O ministro do STF, Marco Aurélio Mello, votou ontem para derrubar a decisão da Corte que autorizou prisões de condenados na segunda instância da Justiça antes do fim de todos os recursos. Após o voto do relator, o julgamento foi suspenso e deve ser retomado na semana que vem. Faltam os votos de dez ministros.

0x0

Dívidas – A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), apurada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), mostra que, em agosto, 58% das famílias estão endividadas, embora menos na comparação anual (eram 62,7% em agosto de 2015).

Conversando

Batalhão – Capitão Samuel acha que os detentos deveriam receber a visita do Batalhão de Choque no lugar da visita íntima, aí quero ver fazer áudio ameaçador.

Peças – O Partido dos Trabalhadores decidiu e está produzindo peças de rádio e TV para todas as campanhas municipais.

Cuidem bem – Eugênia Déda recomenda e ironiza: cuidem bem do regulamento do seu condomínio…um dia você pode usá-lo contra a Constituição.

Ajudando – O prefeito de Socorro, Fábio Henrique (PDT), esteve ontem em São Cristóvão, para ajudar à chapa em que seu irmão é candidato a vice.

Psicólogos – Max Prejuízo avisa que foi sancionada e agora é lei, nosso projeto que regulamenta a inserção de psicólogos e assistentes sociais nas escolas municipais.

Parceria – Jorge Nascimento fala sobre parcerias firmadas pela Secretaria da Educação com instituição de ensino superior em projetos de qualificação.

Repúdio – Adepol emite nota exibindo repúdio a atos de terror e intimidação de criminosos que atearam fogo em um ônibus quinta-feira em Aracaju.

Sem previsão – Assessor da Sefaz informa sobre operação em Lagarto e confirma que ainda não há previsão para pagamento de servidores.

Aumento – Capitão Samuel comenta o aumento da violência em Sergipe o no Brasil. Cobra união das autoridades para evitar expansão do problema.