30/12/16 - 14:34:08

CAOS NA SAÚDE PÚBLICA HOSPITAL DE URGÊNCIA VOLTA FICAR LOTADO

Sem atendimento nas unidades de saúde do município, pacientes superlotam o Huse

Os constantes atrasos nos pagamentos dos salários dos médicos que atendem a rede municipal de saúde, terminou com uma paralisação da categoria e  nos postos de saúde e nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA) Nestor Piva e Fernando Franco o atendimento é precário, já que apenas 50% dos servidores estão trabalhando.

A paralisação dos profissionais da saúde passa de 25 dias e não tem prazo para ser resolvido, pelo menos nesta gestão que se encerra neste sábado, 31 de dezembro de 2016.

O problema terá que ser enfrentado pelo prefeito eleito Edvaldo Nogueira, já a partir de segunda-feira (02). Os médicos esperam que o prefeito apresente uma solução para o caso para que eles possam encerrar a paralisação e voltar à normalidade.

Consequencia – por conta da falta de atendimento nos postos de saúde e nas UPAs, o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), já começa a ficar superlotado. Os pacientes de baixa complexidade acabam procurando atendimento médico no Huse.

As informações são de que o pronto socorro do Huse atende por plantão de 24 horas, cerca de 120 pacientes, porém com a paralisação das unidades de saúde do município, esse número dobrou, ou seja, foram mais de 250 atendimentos a pacientes de baixa complexidade.

A superlotação no Huse vem sendo denunciado constantemente pela secretaria de saúde, que chegou a montar uma tenda em frente ao hospital para diminuir o fluxo de pacientes dentro da unidade.