12/01/17 - 11:39:13

SECRETÁRIO DE SAÚDE DE ARACAJU ESCLARECE FURTO DE DOCUMENTOS

O secretário Municipal da Saúde, André Sotero, reuniu a imprensa na manhã desta quinta-feira, 12, para esclarecer o furto de vários documentos que estavam no Arquivo Intermediário, prédio que armazena todas as informações da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), localizado na Rua Acre, no bairro Siqueira Campos, ocorrido na madrugada da última quarta-feira, 11. Os suspeitos arrombaram a porta do local, reviraram gavetas e levaram uma impressora e documentos de exonerações, listas de aposentados e dados de frequência dos servidores, dos anos de 2012 a 2014.

Segundo o secretário, a polícia já está investigando o caso e há indícios de que os suspeitos foram ao prédio já na intenção de furtar os documentos. “A população precisa ter conhecimento da gravidade do que aconteceu porque foram furtadas caixas com documentos que contém informações de funcionários da Secretaria. São documentos relevantes. Ainda não temos detalhes da ação, mas a polícia já está fazendo a investigação e tudo indica que os suspeitos queriam furtar realmente os documentos”, disse. De acordo com informações da assessoria de comunicação da Secretaria de Segurança Pública (SSP), o coordenador das Delegacias da Capital, o delegado André Baronto, irá acompanhar o caso.

Câmeras instaladas em estabelecimentos comerciais da região flagraram dois homens e uma mulher entrando no prédio do Arquivo Intermediário, na madrugada do ocorrido, e as imagens já estão em poder da polícia. E o secretário ressalta que, a Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA), fará um estudo técnico para providenciar a instalação de câmeras no prédio ou a contratação de vigilantes.

“No prédio não há câmeras e nem alarme. Encontramos o local nessa situação e sem nenhum monitoramento, mas a Prefeitura fará um estudo técnico para providenciar a instalação de câmeras ou a contratação de vigilantes. E não somente neste prédio, mas em outros também. Agora, vamos aguardar a análise da polícia para que os suspeitos sejam identificados e detidos”, conclui André Sotero.

Ação

A coordenadora do Arquivo Intermediário da SMS, Denise Vieira, conta que chegou ao prédio por volta das 7h da quarta-feira e encontrou o cadeado quebrado e o portão parcialmente aberto. Depois de ver as gavetas reviradas e de sentir a falta de algumas caixas do arquivo, Denise foi à Delegacia Plantonista.

“Quando entrei vi que as gavetas estavam reviradas e notei também que estavam faltando algumas caixas no arquivo. Não toquei em nada e imediatamente fui à Delegacia Plantonista prestar um BO (Boletim de Ocorrência). Logo depois a Polícia Criminalística chegou e examinou o local. Não entendo porque furtaram os documentos, mas não é a primeira vez que o prédio é alvo desse tipo de ação”, comenta.

SMS