07/02/17 - 00:01:25

DEFINIÇÃO DO FUTURO POLÍTICO

DIÓGENES BRAYNER – plenario@faxaju.com.br

Não há qualquer definição quanto ao futuro político, em relação a 2018. O que se assiste são prováveis perspectivas de que pode ser posto em exposição telas mal traçadas de artistas do cotidiano político no Brasil, inclusive Sergipe. A impressão é que se está à bela e boa vida de um País que vislumbra melhorias na crise econômica e social. É uma ampla utopia.

Todos continuam na mais profunda dificuldade, com inflação avançando, o desemprego se alastrando e a produção se mantendo recuada pela escassez de recurso nas mãos dos trabalhadores. De qualquer forma, tentando driblar a estupidez do desastre econômico e tentando passar a mão nos escândalos de corrupção, vai-se levando a vida de todo um povo ao caos, buscando ilustra-lo com falsas peripécias midiáticas, levando todos à ilusão de que a ‘coisa está melhorando’.

Como se trata de um ano pré-eleitoral, faz-se alguns artifícios que iluminam projeções de um futuro melhor, mesmo que não se dê qualquer resultado real de que corruptos foram presos e acusados não são nomeados para qualquer função pública. E como ano eleitoral é sempre um alívio para os momentos ruins, já há quem esteja se preparando para melhorar a vida à custa da mobilidade da indústria do voto, por mais severa que seja a fiscalização e a tentativa de conscientização do próprio eleitor.

Sergipe está se preparando à sucessão estadual em 2018. Alguns nomes aparecendo para todos os mandatos, mas sem ainda chamar atenção da sociedade, em razão de certo vácuo de lideranças fortes e confiáveis. Alguns ‘mesmos’ põem as cabeças e ainda não há novos com densidade eleitoral confiável. O que resta é esperar o surgimento de algum personagem capaz de chamar a atenção do povo e faça a renovar a esperança de por um fim na crise econômica, social, ética e moral que ainda agride consciências e desestrutura a própria vida do cidadão.

ACHA QUE É BELIVALDO

O empresário Ricardo Franco disse ontem que vê com simpatia a candidatura do vice-governador Belivaldo Chagas (PMDB) a governador do Estado em 2018.

Foi mais além: “se dependesse de mim seria ele”.

AJUDAR SERGIPE

Ricardo Franco diz que, sendo candidato ou não o seu objetivo é ajudar Sergipe a mudar e que sente em Belivaldo Chagas esse perfil de renovação e mudança.

– Se a posição for dentro dessa estrutura, eu apoio.

AINDA SEM PARTIDO

Ricardo Franco contou que ainda não se decidiu por nenhum partido, mesmo que ontem tenha citado o nome do Solidariedade, à frente do deputado Joelson Oliveira.

Explicou que foi uma coisa absolutamente casual.

RESPOSTA A REPÓRTER

Disse que um repórter que entrevista Joelson perguntou por que ele não iria para o SE. Respondi que ‘ainda não havia sido convidado’.

– Mas não faz o menor sentido tratar de filiação agora, disse.

PROTOCOLAR AUDITORIA

Setores de oposição foram ao TCE pedir providências legais e protocolar auditoria sobre a Fundação Hospitalar de Saúde (FHS).

Isso não criou nenhuma novidade

PEDIDO ESTÁ SENDO FEITO

Fontes do Governo explicaram ontem que esse pedido de auditoria contra a FHS já está sendo feito e vem de períodos que antecedem a administração de Jackson Barreto.

– Na realidade o que existe é uma pitada de demagogia, disse a fonte.

INSPEÇÃO NOS PRESÍDIOS

Atendendo à solicitação dos Ministérios Públicos de Contas de todo o Brasil, o MPC, através do procurador Bandeira de Mello, solicitou inspeção nos presídio de Sergipe.

A conselheira Susana Azevedo enviou propositura para o Pleno, que o aprovou.

POSSE EM BRASÍLIA

Heleno Silva (PRB), assume hoje o Escritório da Representação em Sergipe em Brasília, que passará a ter status de Secretaria.

Autoridades de Sergipe e de Brasil participam do evento.

BATE PAPO NO SAGUÃO

Ao desembarcar em Brasília, ainda no saguão do aeroporto, Jackson Barreto e o deputado estadual Robson Viana (PEN) conversaram a valer.

Se um dia houve rompimento, esqueceram.

COMANDO DA BANCADA

Hoje pela manhã, no café foi servida mudança do comando da bancada federal. Jackson Barreto já tratou disso com alguns deputados.

O comando pode passar para o deputado Laércio Oliveira (SD).

CLOVIS FALOU DEMAIS

Setores da PJE consideraram inconveniente o presidente do TCE, conselheiro Clovis Barbosa, antecipar um fato que se faz em sigilo na Operação Desmonte.

Clóvis vazou que dentro de mais alguns dias seriam presos vereadores e prefeitos.

APARECE BEM NA MÍDIA

O presidente do TCE, Clóvis Barbosa, aparece bem na mídia e recebe políticos, como aconteceu ontem. Por isso o comentário de que ele sonha em disputar o Senado.

Clóvis nega, mas acena bem para isso.

ROBSON TEM MISSÃO

O deputado estadual Robson Viana (PEN) tem uma missão delicada a cumprir para ser aceito de volta com o mesmo prestígio de antes na base aliada.

Robson acha que se sairá bem…

CAFÉ DA MANHÃ TUCANO

O senador Eduardo Amorim (PSDB) tomou café da manhã ontem com o ex-deputado José Francos e ex-vice-prefeito José Carlos Machado, para tratar sobre o partido.

Em relação a Machado não houve definição: ele ainda está pensando.

DISPUTA EM 2018

Eduardo Amorim disse que começou a organizar a legenda e se prepara para as eleições de 2018, com disputas de majoritários e proporcionais.

Também vai para sede nova, localizada à rua Frei Paulo.

VISITA A PARLAMENTARES

Na próxima semana o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB) vai visitar todos os parlamentares de Sergipe em Brasília, para tratar da liberação de emendas.

Tanto da impositiva, quanto das individuais…

BOM “EXCELENTE”.

O deputado Capitão Samuel avisou ontem que mantém um ‘excelente diálogo com o Governo’ no campo da política da Segurança Pública

Não quer mais fazer política de bloco.

SEM DOIS CHAPÕES

Capitão Samuel admite que nas eleições do próximo ano não tenham mais a disputa de dois “chapões” – situação e oposição – mas de “outros grupos políticos”.

– O momento político pede renovação e criatividade.

Notas

Ainda a Transnordestina – Mesmo após o TCU proibir repasses federais para retomada das obras da encrencada Transnordestina, o tema não sai da agenda do governo. Ela é o centro de uma reunião de 4 ministros que aconteceu ontem: Eliseu Padilha, Dyogo Oliveira, Maurício Quintella e Helder Barbalho (Lauro Jardim).

0x0

Crime de embaraço – O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao STF abertura de inquérito para investigar os senadores Renan Calheiros e Romero Jucá, além do ex-senador José Sarney e o ex-diretor da Transpetro Sérgio Machado. Janot acusa os envolvidos do crime de embaraço às investigadores da Lava Jato.

0x0

Demissão voluntária – O presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, anunciou que o processo de adesão ao programa de demissão voluntária (PDV) dos funcionários do bancos será aberto hoje. O objetivo é alcançar no máximo 10 mil funcionários, dentre os cerca de 30 mil que trabalham atualmente na empresa.

0x0

Coleção de Louça – Renan Calheiros decidiu renovar a coleção de louça do Senado antes de deixar a presidência. Ele abriu uma licitação em que pretende gastar até R$ 182 mil para encher os armários com 390 pratos e 5.400 xícaras de chá e café em “porcelana fina”, como diz o edital. A informação é da coluna Radar (Veja).

0x0

Porte de arma – O Estatuto do Desarmamento está em vigor desde 2003, e antes disso já existiam leis de restrição ao porte, iniciadas ainda no governo FHC. De lá para cá, as taxas de homicídio e crimes violentos no Brasil cresceram radicalmente, em especial nas zonas metropolitanas do país ou em estados do nordeste.

0x0

Leite derramado – O sargento Edgard Menezes diz que a situação no Espírito Santo, em que os bandidos invadiram as ruas, deixa bem claro que o mais importante é a prevenção, o resto é leite derramado. A Polícia Militar é quem faz segurança pública. É um fato, mas há muita necessidade de manter a responsabilidade com a sociedade.

Conversando

Dom da Paz – Segundo Publica o Correio Brasiliense: “Dom da Paz”, Hélder Câmara está na fila para se tornar santo.

Sem recursos –Em Aracaju, alguns blocos carnavalescos já estão ensaiando para o carnaval, mesmo sem Governo e Prefeitura liberarem recursos.

Entra no bloco – Capitão Samuel apresenta Edcarlo, que foi candidato a Vereador em Aracaju, teve 1639 votos. “Mais uma liderança que está em nosso projeto 2018”.

Teorizar é fácil – Rilton Morais pergunta: Você é contra a Polícia? Você acha a Polícia desnecessária? Vai agora pro Espírito Santo e mostra que está certo!

A nova marca – Resgatar orgulho de aracajuanos pela cidade é meu compromisso. Disse Edvaldo Nogueira ao apresentar a nova marca da Prefeitura de Aracaju.

Jackson Barreto – Jackson Barreto garante que Sergipe seja um dos primeiros estados a receber o Plano Nacional de Segurança.

Acesso digital – Governo encomenda estudos para viabilizar de acesso digital à Carteira de motorista, por meio do smartphone. Mantendo documento no papel.

Missano vê o Procon – Promotora Euza Missano realiza audiência no Procon de Aracaju ao constatar que órgão não está funcionando.

Menores e carteira – Sétima Turma do TST determina que menores de 16 anos sem contrato de aprendizagem devem ter direito à CTPS.