10/02/17 - 00:01:09

EM DEFESA DA LIDERANÇA

DIÓGENES BRAYNERplenario@faxaju.com.br

O site o Antagonista apurou ontem que, por enquanto, Michel Temer não vai mexer na liderança do governo na Câmara. Quê bom! O Antagonista conclui que “André Moura fica, para desgosto de Rodrigo Maia”. Olha, Maia é o presidente da Câmara que tem graves denúncias de receber propina da OAS e de estar envolvido na Lava Jato.

Na quarta-feira, o site de revista IstoÉ publica: “Nas conversas que tem tido com parlamentares nos últimos dias, o presidente Michel Temer afirmou que estuda a possibilidade de criar um novo cargo de poder na Câmara, para afagar os descontentes do PMDB e também manter no posto da liderança do governo o deputado André Moura (PSC-SE)”.

A ideia, segundo interlocutores, é que seja criado o cargo de líder da maioria, que possivelmente ficaria com algum peemedebista.

André Moura ocupa uma das funções mais importantes e requisitadas do Brasil: líder do Governo na Câmara Federal. Conseguiu aprovar todos os projetos de Temer no segundo semestre de 2016. Percebe-se que não tem apoio da bancada de Sergipe no Congresso, nem de políticos importantes do Estado. Ninguém se mobiliza para segura-lo em uma atividade de tamanha importância. Não por André, mas por Sergipe.

Sergipe nunca esteve tão forte politicamente em Brasília como agora, através do líder do Governo que, se tem acesso fácil ao presidente da República, imagina junto aos ministérios. Até os seus aliados não se mobilizam para que Sergipe permaneça na liderança através de André Moura, ou qualquer outro nome do Estado.

É lamentável que as pendengas políticas e pessoais passem por cima da defesa de um cargo (?), que tenha influência nas decisões e dê condições para resolver necessidades urgentes de um Estado, que precisa de um laço mais forte e firme com o Planalto.

Sergipe se dar ao luxo de ser indiferente a ter a liderança do Governo na Câmara.

PERDENDO A POSTURA

Lideranças políticas importantes estão perdendo a postura verbal em entrevistas públicas e esquecem o mandato que exercem e o respeito com o ouvinte ou leitor.

O escracho de mais baixo nível sai da boca desses ditos representantes do povo.

VÁRIOS COMENTÁRIOS

Ontem até mesmo políticos ficaram chocados com o linguajar de um senador, em razão de um assunto que não é de grande importância para o Estado.

E preciso ter tranqüilidade para não exagerar na baixaria.

PESQUISAS MOSTRAM ISSO

Pesquisa entregue ontem, avalia o respeito do povo pelas instituições: A igreja vem em primeiríssimo lugar, com 49,7%. Em segundo lugar a Polícia Federal com 43%.

A imprensa obteve 9,1%; a Justiça ficou com 3,9% e o político com 0,1%.

TODOS MAIS UNIDOS

O governador Jackson Barreto (PMDB), em entrevista ontem, admitiu que a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) está ao lado do povo.

Para ele, se todos estivessem unidos, o Estado teria mais dinheiro para o povo.

NA MARRA NÃO CONSEGUEM

O senador Valadares disse ontem que podem tentar mil vezes a minha destituição da coordenação da bancada federal, mas não conseguirão na marra. Só no acordo.

– O entendimento é o melhor caminho, disse.

NÃO VOTOU E NEM VOTA

O prefeito de Lagarto, Valmir Monteiro (PSC), durante inauguração de obra em sua cidade, disse claramente que “não votou e nem votará em Fábio Reis a deputado”.

Entretanto, Valmir quer parceria com Fábio para a melhoria de Lagarto.

VOTOU E VOTA OUTRA VEZ

O governador Jackson Barreto, também em Lagarto também falou. Depois de elogiar Fábio Reis disse: “votei em você, Fábio, e votarei outra vez”, disse.

Mas disse que a posição de Valmir Monteiro é correta na parceria com o deputado.

SAMUEL VAI A VITÓRIA

O capitão Samuel viaja ao Espírito Santo hoje, atendendo a convite do presidente da Comissão de Segurança da Assembleia Legislativa do Estado.

Junto a parlamentares vai acompanhar a situação e buscar a conciliação.

INDICAÇÃO SERIA ILEGAL

Senador Valadares que Jackson causou vexame a deputados: Comissão de Orçamento nem tomará conhecimento da indicação de Laércio, por ser ilegal.

– Apressados comem cru.

ADELSON FOI VOTAR

O deputado Adelson Barreto disse ontem foi à reunião no gabinete da senadora Maria do Carmo para assinar o documento de mudança da coordenação da bancada.

– Havia muita gente e estava havendo votação, então fui para o plenário.

MOMENTO DE UNIÃO

Adelson Barreto considerou que o momento pede a união de todos, para que haja o diálogo importante que beneficie o Estados como um todo.

– Nas eleições, cada uma vá para seu palanque, sugeriu.

MUITO BEM RECEBIDO

O senador Eduardo Amorim (PSDB) esteve ontem com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). Conversaram muito sobre Sergipe.

Com ele estava prefeito Valmir de Francisquinho, de Itabaiana, e o filho Tálisson.

TRABALHO EM LARANJEIRAS

Alckmin quer conhecer um grupo voluntário de pesquisas que atua em Laranjeiras para o Instituto Butantã, para a vacina contra a Dengue, cujo trabalho está quase concluído.

Valmir aproveitou para convidá-lo a participar da Festa do Caminhoneiro.

POVO QUER O GESTOR

Alckmin disse para Eduardo que os políticos têm que atender a mensagem do povo, de que quere um gestor para administrar seus Estados e municípios.

Citou como exemplo o prefeito João Dória, de São Paulo.

ESTRATÉGIA POLÍTICA

A informação é de membro do PT: o partido está deixando Jackson Barreto usar toda a estratégia política dele, para fortalecimento político do bloco.

Reconhece que JB está na plenitude de sua arte e o faz de forma correta.

DEPOIS DO CARNAVAL

Logo após o carnaval o PT realiza uma ofensiva de massa em Sergipe, para lutar contra a Reforma da Previdência e outras reformas que estão sendo proposta.

O partido em Sergipe está atento…

UM DETALHE A MAIS

Já foi avisado, também, que a disputa contra a privatização de empresas públicas é intocável dentro do Partido dos Trabalhadores.

Atualmente vem aí a privatização do Deso.

A FUNÇÃO DO DESO

A Deso não deve se manter empresa pública, só para sustentar servidores bem ou mal pagos pelo Governo, mesmo que esteja sucateada.

A Deso deve, principalmente, servir a Sergipe.

Nota

Presença de pessoas sérias – O empresário Adriano Honaise, da indústria HDA, de iluminação LED, parabenizou ontem o governador Jackson Barreto e lhe disse que um dos fatores que o fez escolher Sergipe foi porque, ‘em tempos de Lava Jato’, ele encontrou pessoas sérias que lhe deram a firmeza de trazer a fábrica para o Estado.

0x0

Greve gerada pela Cavo – Edvaldo Nogueira avisa que esta greve não foi gerada pela Prefeitura de Aracaju. Ela diz respeito à empresa Cavo com os seus funcionários e por ela deve ser resolvida. A população não pode ser prejudicada desta maneira. A Cavo deve retornar imediatamente a recolher o lixo da cidade.

0x0

Informação sobre Moreira – O ministro do STF Celso de Mello pediu ontem informações a Michel Temer, sobre a nomeação do ministro Moreira Franco para a Secretaria-Geral da Presidência. Temer terá 24 horas para se manifestar. Após receber as informações, o ministro deverá decidir sobre os dois mandados de segurança.

0x0

Direito de ir e vir – Moradores do Espírito Santo relatam que estão com seu direito de ir e vir cerceado há seis dias, desde que começou a paralisação dos policiais militares por reajuste salarial. A rotina dos capixabas mudou de forma drástica, já que muitos não conseguem sair para trabalhar nem estudar pela falta de segurança.

0x0

Saque das contas – O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, disse ontem, durante o evento Caixa 2017, que as solicitações de saque das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) deverão começar a ser apresentadas à Caixa a partir do dia 14 de fevereiro pelos trabalhadores que têm direito aos recursos.

0x0

Reforma da Previdência – Deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), relator da Reforma da Previdência apresenta seu relatório em meados de março. Ele vai propor seu plano de trabalho na terça-feira, mas adiantou que planeja fazer oito audiências públicas e um seminário internacional para conhecer os sistemas de outros países.

Conversando

Missa para D. Marisa – Celebrada ontem missa em intenção do 7° dia do falecimento de dona Marisa Letícia Lula da Silva, na paróquia Sagrado Coração de Jesus.

Sobre o Refis – “Nilson Lima falou sobre programa de recuperação de débitos proporcionado pela Receita Federal do Brasil, o conhecido Refis.

Família policial – Alguns setores da polícia em Sergipe mostram que a ação das famílias dos militares no Espírito Santo pode servir para outros Estados.

Acha absurda – Rodrigo Maia considerou “absurdas e sem relação com a realidade” as denúncias de que teria recebido vantagens indevidas da empreiteira OAS.

Jarbas vê edital – Em entrevista, promotor Jarbas Adelino diz que Ministério Público investigará edital da Agrese sobre a Deso.

Lamenta posição – Ana Lucia (PT) lamenta posição de Jackson Barreto sobre Deso e salienta que energia elétrica é diferente da água.

Mantêm paralisação – Magna Santana conversa com funcionários da Cavo que decidiram manter a paralisação por não aceitar parcelamento de salário.

Questão de Pirambu – Juiz Salvino Nascimento entende que não deve ter 2ª eleição em Pirambu. Em Japaratuba, confirma que Lara ficará por quatro anos.

Novo processo – Magistrado explicou ontem o novo processo das eleições em Carmópolis. Diplomação do eleito acontece no dia 28 d abril