15/02/17 - 07:22:18

Águas mansas

O governador Jackson Barreto (PMDB) terá dias calmos, de bons ventos e águas mansas pras bandas da Assembleia. Hoje, ao visitar o Legislativo para ler a mensagem anual do Executivo, o peemedebista será saudado por uma folgada maioria governista. Também receberá do presidente e amigo Luciano Bispo (PMDB) a garantia de apoio do Parlamento “para fazer o melhor por Sergipe”. Assim, Jackson continuará tendo uma relação das mais confortáveis com o Legislativo. Este bom relacionamento entre os poderes é ótimo para o Estado, mas esta comunhão de interesses não pode ser confundida com submissão. Portanto, os deputados precisam levar em conta que uma Assembleia disposta a defender os interesses dos sergipanos não deve se transformar numa Casa do amém, curvando-se a todos os caprichos do governador de plantão.

Na Câmara

O prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) prestigia hoje a abertura dos trabalhos legislativos da Câmara de Aracaju. Fará discurso sobre as primeiras ações adotadas por sua administração e pedirá apoio para os projetos que pretende encaminhar à Casa. Nogueira conta com o apoio de 16 dos 24 vereadores aracajuanos.

Fechando o cerco

Com o título acima, o jornalista Ilimar Franco publica hoje em O Globo a seguinte nota: “O movimento para derrubar André Moura (PSC) da liderança do governo na Câmara não se restringe mais ao presidente da Casa, Rodrigo Maia. Os líderes dos principais partidos que apóiam o governo Temer também querem descartar Moura. O discurso é o de que ele representa o passado, e que é preciso mostrar que acabou a era do centrão, acabou a era Eduardo Cunha”. Homem, vôte!

Até que enfim

E o governador Jackson Barreto (PMDB) assina amanhã, a ordem de serviço para a construção do Hospital do Câncer. Orçada em R$ 62 milhões, a obra deve ficar pronta em três anos. A unidade terá 170 leitos, centro de tecnologia para transplante de medula, dois aceleradores lineares, radioterapia, braquiterapia, ressonância, tomógrafo e radiografia. A pergunta que não quer calar é: como um governo sem dinheiro para manter operando um simples tomógrafo, vai bancar o funcionamento de hospital tão complexo?

Tacho raspado

Pelo menos dois ex-prefeitos sergipanos fizeram saques nas contas das Prefeituras após terem deixado os cargos. Segundo o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Clóvis Barbosa, os espertalhões sacaram o dinheiro público no dia 2 de janeiro deste ano. O conselheiro não revelou os nomes dos ex-prefeitos, mas garantiu que ambos estão sendo investigados. Ainda bem, né?

Fundação esvaziada

O secretário estadual da Saúde, José Almeida Lima (PMDB), quer fazer, à revelia do governador Jackson Barreto (PMDB), a junção da Comissão de Licitação e das diretorias financeira, jurídica e infraestrutura da Fundação Hospitalar da Saúde com as da Secretaria. Ocorrendo isso, a FHS passará a ser apenas um simples setor de Recursos Humanos. Esta informação, publicada hoje no Jornal do Dia, é da jornalista Rita Oliveira. Misericórdia!

Vida de gado

O Senado aprovou ontem, em dois turnos, a PEC permitindo a realização de vaquejadas. Favorável à proposta, o senador Eduardo Amorim (PSDB) garante que esta prática esportiva tem grande importância para a economia nordestina, gerando mais de 300 mil empregos. Quem é contra a vaquejada argumenta que não há como impedir o sofrimento dos bois, que são puxados pelos rabos e jogados ao chão violentamente, causando ferimentos. A PEC vai agora para a Câmara dos Deputados.

Abra o olho

A cada 15,9 segundos ocorre uma tentativa de fraude através do roubo de identidade, em que dados pessoais são usados por criminosos para firmar negócios. Segundo o Indicador Serasa Experian, entre as tentativas de golpe, a principal é a emissão de cartões de crédito obtidos com identificação falsa ou roubada. A telefonia foi responsável por 42,3% do total de tentativas de fraude registradas em janeiro passado.

Perdeu outra

E o deputado estadual Adelson Barreto Filho (PR) segue impedido de exercer o mandato. A Câmara Criminal do Tribunal de Justiça rejeitou os embargos declaratórios impetrados pelo parlamentar. O inferno astral de Adelson Filho começou no ano passado, quando ele foi preso e afastado da função de vereador sob a acusação de ter metido a mão grande no dinheiro da Câmara de Aracaju. O impedimento foi mantido quando ele, na condição de suplente, tentou assumir um mandato de deputado estadual. Crendeuspai!

Novos valores

As bandeiras tarifárias aplicadas nas contas de luz terão novos valores. A bandeira amarela vai passar de R$ 1,50 para R$ 2 a cada 100 quilowatts/hora (kWh) consumidos. A vermelha patamar 1 fica inalterada, em R$ 3 para cada 100 kWh , e o valor da vermelha patamar 2 cairá de R$ 4,50 para R$ 3,50 a cada 100 kWh. O sistema de bandeiras tarifárias foi criado em 2015 para recompor os gastos extras com o uso de energia de usinas termelétricas, que é mais cara do que a de hidrelétricas.

OAB reivindica

A diretoria da OAB sergipana entregou 12 reivindicações ao presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Cezário Siqueira Neto. Na pauta se destacam a reativação de distritos judiciais, situação carcerária, ampliação das audiências de custódia e aprimoramentos no portal do advogado. Segundo o presidente do TJ, será possível resolver a maior parte dos problemas em um curto espaço de tempo. Que bom!

Folia garantida

E o carnaval de Neópolis está confirmadíssimo. Graças ao apoio da iniciativa privada, a Prefeitura já organiza a cidade para a folia, que terá apresentação de bandas de frevo e o tradicional “Zé Pereira”. Também é destaque o “mela-mela”, no qual os foliões se divertem jogando nos outros farinha de trigo e água misturada com suco em pó. A festa movimenta lojas de vestuário, restaurantes, pousadas, postos de combustíveis e o aluguel de casas para turistas de Sergipe e Alagoas. Legal!

Recorte de jornal

_______________________________________________________________________________________________88888

Publicado no jornal O Maruinense, em 24 de julho de 1892.

Resumo dos Jornais