16/03/17 - 00:01:27

FUTURISMO MUITO EXAGERADO

DIÓGENES BRAYNER[email protected]

A formação de chapas majoritárias tem sido um jogo de quebra cabeça para alguns operadores políticos que trabalham nos bastidores. Prevêem mau tempo em todos os lados. No Governo, existe muito cacique para poucas vagas e na oposição exatamente o inverso. E essa é uma preocupação que precisa ser trabalhada com excesso de cuidado para evitar dispersões, num momento em que todos precisam juntar forças.

Na base aliada o nome do vice-governador Belivaldo Chagas (PMDB) é o mais citado como provável candidato ao Governo. O ex-prefeito de Canindé, Heleno Silva (PRB) é citado para vice. O Senado teria como supostos candidatos os federais Laércio Oliveira (SD) e Fábio Mitidieri. Nesse caso já se prevê incômodos, porque o ex-deputado Rogério Carvalho (PT) também quer integrar a chapa majoritária para senador.

A oposição não acredita que Jackson Barreto tente vaga no Senado. Por receio ou prudência, admite que ele permaneça até o final do mandato. Pode ser ou não. Tudo vai depender das circunstâncias do momento. Entretanto, se JB for para a disputa não deve altera a sua chapa majoritária, porque nesse caso Mitidieri tentaria a reeleição.

Até o momento a oposição tem quatro nomes para a formação da chapa. Um deputado do bloco acha que o senador Valadares (PSB) deve ser candidato ao Governo. Caso isso aconteça, ele pode prejudicar a reeleição do deputado Valadares Filho. Mesmo assim o parlamentar apresentou uma solução futurista complicada: Valadares Filho seria candidato a suplente de Eduardo Amorim.

Justifica: Amorim tentaria o Governo em 2022, seria eleito e Valadares iria para o Senado por quatro anos. Nada de concreto por enquanto, exceto a expectativa de Ricardo Franco disputar o Governo ou Senado pela oposição.

ALMEIDA LIMA E A FUNDAÇÃO

O secretário da Saúde, Almeida Lima, reuniu-se ontem com o presidente da FHS, Rosmam Pereira e a deputada Goreti Reis.

Almeida teria sido curto e grosso em relação à Fundação.

AS ORDENS COM DEDO EM RISTE

Com o ‘dedo em riste’, Almeida falou para Rosnam e Goreti. Disse que quem mandaria na Fundação seria ele, ‘sem aceitar as ordens do governador Jackson Barreto (sic)’.

Deixou bem claro que quem vai nomear os diretores da FHS será ele.

ROSMAM SERÁ SIMBÓLICO

Almeida Lima deixou claro, também, que Rosmam não pode demitir, nem nomear, não pode pagar nada e que não vai administrar nada.

Avisou que se ele quiser continuar presidente será dessa forma.

AGORA A CORDA ESTICOU

A Fundação Hospitalar (FHS) se transformou em questão política. O grupo político que indicou Rosmam Pereira já diz que ‘a corda esticou’.

– O governador deve decidir se fica com Rosmam ou sem ele.

QUEM NÃO QUER A UNIÃO?

Na reunião do governador Jackson Barreto com o líder do Congresso, André Moura, a bancada federal compareceu, exceto os três senadores e o deputado Valadares Filho.

O deputado Jony perguntou: ‘quem não quer a união da bancada?’

PROBLEMA VEM DE ANTES

Jackson Barreto reclamou que o ex-governador da Bahia, Jaques Wagner, queria que o Canal fosse instalado de Paulo Afonso (BA) a Glória (SE) o que custaria R$ 2 bilhões.

O Canal de Xingo iniciando em Canindé custará R$ 500 mil.

Jaques Wagner queria beneficiar o município baiano de Santa Brígida.

ANDRÉ TAMBÉM RECEBE ALIADOS

Logo após a saída da bancada da base aliada federal, os senadores Eduardo Amorim e Valadares (PSB) e o deputado Valadares Filho, estiveram com André Moura.

Também discutiram investimentos para Sergipe.

JACKSON É QUE FAZ A PAUTA

Um bem enfronhado político do bloco da oposição admitiu ontem que o governador Jackson Barreto é quem faz a “pauta do grupo adversário”.

Referiu-se à badalação sobre o Canal de Xingo.

CANAL DE XINGO É FEDERAL

O senador Eduardo Amorim (PSC) foi à tribuna do Senado discursar sobre o Canal de Xingo e sugeriu emendas impositivas para ele no próximo ano.

Mas a obra não é do Estado e sim da União, não cabendo emendas.

A FRIEZA DOS NÚMEROS

O senador Valadares (PSB) percebe no debate sobre a reforma da Previdência o risco de que a frieza dos números se sobreponha ao importante papel dos aposentados rurais.

– A lida no campo começa antes dos 14 anos e a jornada vai de 04 horas até o anoitecer.

LEGISLAR E FISCALIZAR

Valadares (PSB) vê necessidade de fazer mudanças. Admite, entretanto, que é preciso considerar o sistema como um todo.

– Se há brechas para fraudes, vamos legislar e fiscalizar!

BANDEIRA BRANCA POR SERGIPE

O deputado Capitão Samuel participou de duas reuniões com André Moura. Uma ao lado de Jackson e outra com Valadares, Eduardo Amorim e Valadares Filho.

E pediu ‘bandeira branca por Sergipe’.

Todos concordam pela união

Segundo Capitão Samuel, todos concordam com a união da bancada pelo Canal de Xingo e duplicação total da BR-101 no trecho sergipano.

– Os interesses do povo vale mais nesse momento.

PARA REAFIRMAR CIRO GOMES

O secretário de Turismo, Fábio Henrique (PDT), viaja sábado ao Rio e participa da reunião da Executiva Nacional que vai reafirmar candidatura de Ciro Gomes.

Quanto ao PDT, Fábio diz que ‘está tudo em ordem’.

FÁBIO AINDA SEM DEFINIÇÃO

Fábio Henrique ainda não tem definição quanto a uma possível candidatura sua em 2018. Se seria ao Senador ou à Câmara Federal.

– Vou ouvir a orientação do partido e do governador…

INAUGURAÇÃO DA SEDE DO PSDB

Falta apenas João Dória, mas Geraldo Alckmin e Aécio Neves já confirmaram a vinda a Aracaju para posse de Eduardo Amorim como presidente regional do PSDB.

Participam também da inauguração da sede do partido na Rua Frei Paulo.

ALMOÇO COM RICARDO FRANCO

O ministro da Agricultura Blairo Maggi, os senadores Ciro Nogueira e Benedito Lira almoçam com Ricardo Franco, até abril, para convidá-lo a filiar-se ao PP.

O almoço vai acontecer em Brasília e o PP está animado.

PP TALVEZ CONTINUE OPOSIÇÃO

Ainda não está definido, mas a tendência natural do Partido Progressista é se manter na oposição em Sergipe, em razão do tempo que já está no bloco.

A informação é de um pepista recém filiado.

Notas

Sem risco de corte – A agência de classificação de risco Moody’s alterou a perspectiva do rating do Brasil de negativa para estável. A nota foi mantida em Ba2, com perspectiva de crescimento da economia entre 0,5% e 1%, ganhando força gradualmente. Com isso a nota de crédito do país não sofre o risco de novo corte.

0x0

Protestos pelo País – Sindicatos e servidores públicos fizeram protestos e paralisações ontem contra as reformas trabalhista e da Previdência propostas pelo governo Temer. Os transportes públicos pararam em várias capitais, e vias foram bloqueadas. Em alguns estados, professores da rede pública decretaram greve por tempo indeterminado.

0x0

Multas para Sindicatos – João Doria vai cobrar multa dos sindicatos que paralisaram o transporte público em São Paulo. Ele disse: A Prefeitura vai pedir a cobrança da multa do sindicato que fez o que não deveria fazer. O sindicato não pode estimular uma greve, sobretudo quando há uma decisão judicial. (Fonte O Antagonista)

0x0

Sobre foro privilegiado – O Antagonista soube que Renan Calheiros e outros caciques do PMDB estão “pedindo” para que os senadores do partido não embarquem na campanha pelo fim do foro privilegiado. Até agora, os peemedebistas que já assinaram: Waldermir Moka, Marta Suplicy e Raimundo Lira.

0x0

Mudança de estrutura – Em jantar com integrantes da bancada do PT do Senado, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva discutiu a possibilidade de mudança na estrutura do partido e a criação de cargos de vice-presidentes regionais, o que poderia abrir caminho para ele assumir a presidência nacional do partido em junho.

0x0

Ofensiva eleitoral – O jantar também serviu para afinar os discursos previstos para domingo, na cidade de Monteiro (PB), ocasião em que Lula irá fazer a “reinauguração” da transposição do Rio São Francisco. A expectativa é que o evento seja um grande divisor de águas e coloque o PT numa nova ofensiva eleitoral.

Conversando

Eduardo Amorim – Sempre acreditei no que disse Paulo Freire: “A educação não transforma o mundo. Educação muda pessoas. Pessoas transformam o mundo”.

Previdência – Emilia Correa acha a Reforma da Previdência uma violência contra o povo brasileiro. Vamos aguardar como a bancada de Sergipe vai se comportar.

Operação conjunta – Jailton Santana publica que operação conjunta entre Getam e Força Nacional terminou com a prisão de perigoso assaltante no Santa Maria.

Nota da CUT – Ana Lúcia sugere a leitura de nota da CUT em solidariedade a ela pela sua exclusão da Comissão de Educação da Alese.

Sem Bancada – A exclusão de Ana Lúcia da Comissão de Educação foi porque ela se recusou a assinar a bancada que integraria. A da situação ou oposição.

Contra reforma – A Reforma da Previdência provocou movimentos contra em todo o País, o que também atinge diretamente o Governo Temer.

Black bloc congressual – Roberto Jefferson‏ define a Lista fechada em eleição como esconderijo de malfeitores. Uma espécie de black bloc congressual.

Injustiça – Sargento Edgard: coração valente apareceu na lista de Janot. Uma injustiça. Ela já deveria estar presa e não gastando nosso dinheiro em viagens pelo mundo.

Água para Malhador – Capitão Samuel comemora a assinatura da ordem de serviço que irá fornecer água potável para Malhador.