13/05/17 - 06:06:36

Planejamento estratégico: Edvaldo defende protagonismo dos cidadãos

O prefeito Edvaldo Nogueira realizou, na manhã desta sexta-feira (12), a abertura do seminário de planejamento estratégico do governo municipal. O protagonismo das cidades no ambiente global; a missão, a visão e os valores da gestão, e a participação efetiva da sociedade foram temas abordados pelo prefeito na primeira palestra do evento, que reúne secretários municipais, diretores de órgãos e representantes de todas as pastas da administração. A programação do seminário se estende até a tarde deste sábado (13).

No início da sua explanação, Edvaldo Nogueira citou declaração do escritor George Bernard Shaw, segundo o qual “um barco no abrigo está seguro, mas não foi para isso que os barcos foram feitos”. Partindo deste conceito, o prefeito afirmou que os desafios que a gestão impõe aos seus membros, diante das dificuldades encontradas na prefeitura de Aracaju, devem servir de estímulo para que o governo construa um novo momento no município. É a partir desta premissa, de acordo com ele, que o Plano Estratégico será construído.

Desta forma, defendeu o prefeito, a compreensão da importância das cidades na vida da população embasará os princípios para o alcance das metas estabelecidas para os próximos quatro anos. “As cidades continuam sendo polo de desenvolvimento e progresso, os centros aglutinadores, onde as coisas se realizam, é o organismo vivo do planeta. Neste momento, quando os países e os Estados estão em crise, há uma necessidade ainda maior de um novo pacto federativo, para fortalecer os municípios. As cidades irão desempenhar um papel protagonista no século XXI. Neste sentido, a tarefa de governar uma cidade é maravilhosa, por isso a nossa responsabilidade é gigantesca. Quis Deus e o povo que coubesse a nós esta tarefa de reconstruir Aracaju, fazê-la crescer e se desenvolver e encontrar novos caminhos”, afirmou.

Edvaldo ressaltou assim que Aracaju é “o motor do desenvolvimento do Estado”, uma vez que abriga 28,3% da população do Estado e quase 40% da economia estadual. Mas, ponderou ele, infelizmente, a cidade declinou nos últimos quatro anos, o que aumenta a obrigação de cada membro da gestão no processo de reconstrução. “A cidade não anda por si só. Precisa de gestão, liderança, cuidado, planejamento, para que possa cumprir o seu papel. É preciso que a gente cuide da cidade, para que Aracaju não perca importância no mapa estadual e fortaleça a sua condição de motor do desenvolvimento, progresso e qualidade de vida dos sergipanos”, defendeu.

Missão, visão e valores

Definido o papel da cidade, Edvaldo explicou como se estabeleceu a missão da sua gestão. “Faz-se necessário criar uma arquitetura estratégica eficiente e eficaz que entregue os resultados esperados. Temos que ter clareza dos resultados. A missão deve ser definida a partir da nossa capacidade de materializá-la. A perspectiva deve ser realizável, senão a missão não tem valor. É por isso que a missão da nossa gestão deve estar impregnada em todos os gestores e também nos 15 mil servidores que compõem a prefeitura. A missão permitirá a concentração de esforços, alocação de recursos e estabelecimento de áreas amplas de responsabilidade”, afirmou.

Sendo assim, declarou o prefeito, a missão da atual gestão será “tornar Aracaju referência da qualidade de vida, assegurar excelência dos serviços e promover desenvolvimento sustentável onde os cidadãos e cidadãs sejam protagonistas”.

Para materializar esta missão, Edvaldo explicou que visão irá nortear o trabalho na prefeitura pelos próximos anos. “A visão é de que a cidade assumirá seu papel de protagonismo na construção do bem-estar e da cidadania”, apresentou. “É o que queremos para agora e para o futuro. É um elemento motivacional, colocado sobre um prazo estabelecido de tempo. Teremos metas determinadas, dando a nossa contribuição de planejamento estratégico tanto para o período de 2017 a 2020, como para os próximos dez anos (até 2028)”, complementou.

O gestor municipal detalhou ainda que valores que estarão presentes na definição das diretrizes estratégicas. São valores do atual governo municipal, conforme explanou o prefeito, “a inovação, a gestão que promove resultados, a ética e transparência, a eficácia, a eficiência e a efetividade das políticas públicas, e o protagonismo do cidadão”.

Programação

Iniciado na manhã desta sexta-feira (12), o Seminário de Planejamento Estratégico, que acontece até amanhã, é a primeira etapa do processo de construção do plano de ação do governo municipal, que será desenvolvido ao longo dos próximos quatro anos. A construção do Plano Estratégico não se encerra no seminário. Na próxima semana (entre 15 e 19 de maio), ocorrerão oficinas temáticas de planejamento. Em junho, uma plenária final do planejamento será realizada.

PMA

Foto: Janaína Santos