03/07/17 - 09:09:06

Homenagem à ícones do forró sergipano encerra Arraiá do Povo 2017

Um grande encontro de talentos do forró em Sergipe marcou a noite de despedida do Arraiá do Povo 2017, neste sábado 1º de julho. A programação, que foi estendida por mais uma noite, reuniu uma  programação formada por atrações sergipanas, quadrilha junina, além de um momento de homenagens prestadas pelo Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), à importantes músicos que contribuíram com a construção deste grande evento que completa dez anos.

Homenagens foram concedidas a Antônio Carlos Du Aracaju, Casaca de Couro, Banda Balança Eu, Trio Maturi, Odir Caius, Glauber do Acordeon, Sena, Fernando Crateus, Lourinho do Acordeon e Correia dos 8 Baixos.  “Ao homenagear este grupo de artistas, estamos na verdade, buscando homenagear simbolicamente a todos que contribuem para que este evento seja uma festa das tradições sergipanas, pois mais de 80% da nossa programação é compostas por artistas do Estado”, afirmou Irineu Fontes.

Depois da entrega das menções honrosas, os artistas apresentaram juntos clássicas canções do forró nordestino e sergipano, a exemplo de Asa Branca, Sergipe é o País do Forró, Meu Papagaio, entre outros. “Aqui estava a união do pessoal que defende a cultura. Eu me sinto até criança por estar tocando com estes jovens como Glauber, Luquinhas. É um momento de emoção, que para mim é muito mais importante que o próprio cachê”, afirmou Correia dos 8 Baixos.

“Achei este momento de homenagens uma ideia brilhante, assim como o edital do Arraiá do Povo na época em que foi criado. Essa homenagem vem ainda mais reforçar a nossa caminhada pela música de qualidade, pela nossa cultura e a gestão da Secult vem dando este apoio para crescermos nosso trabalho ser reconhecido. Nós todos temos uma amizade sincera fora dos palcos, até porque todos buscamos a mesma coisa, que é valorizar a música” defendeu Joaquim, da banda Casaca de Couro.

Para Odir Caius a homenagem foi inesperada. “É um reconhecimento que me alegra muito. Desde 2015 venho desenvolvendo este trabalho de forró na flauta  aqui no Arraiá do Povo, e fiquei surpreso e feliz, pois fui lembrado no meio de grandes nomes do forró sergipano”. A mesma satisfação demonstrou Antônio Carlos Du Aracaju, que se apresentou no último dia do evento. “Fiquei muito feliz com esta homenagem, porque todos os anos tenho estado aqui, me apresentando, e sempre busco renovar o meu show, para trazer uma apresentação cada vez melhor para o público desse Arraiá”, contou.

A noite de despedida do Arraiá do Povo contou com apresentação de Tom Robson, seguida da apresentação da Quadrilha Junina Século XX, vencedora do concurso de quadrilhas do Gonzagão, do shows de Antônio Carlos Du Aracaju e de Zé Américo do Campo do Brito.

Sobre o evento

O Arraiá do Povo faz parte do Encontro Nordestino de Cultura, promovido pelo Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), com patrocínio do Banese, Caixa Econômica Federal e Funcart, além do apoio da Unit, Maratá, Sebrae e Fundação Aperipê, Assembleia Legislativa e Secretaria de Estado do Turismo.

Contribuem ainda com o evento o Conselho Estadual de Cultura, a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), A Polícia Militar, Vigilância Sanitária Estadual e Municipal, Defesa Civil, Secretaria de Estado da Saúde, Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Secretaria de Inclusão Social, Secretaria de Comunicação, Emsetur, Pacific Eventos e BHS Eventos.

Fonte: ASN- Agência Sergipe de Notícias.