12/08/17 - 00:01:34

BELIVALDO É O NOME DECIDIDO

DIÓGENES BRAYNERplenario@faxaju.com.br

A formação da chapa majoritária não será tão mansa quanto se imagina para oposição e situação. Percebe-se que nem tudo se encaixa bem nas pretensões dos nomes marcados para a disputa pelo comando do Estado e duas vagas do Senado. Na superfície tudo são flores, mas na “partes inferiores” os espinhos torturam e esmagam sonhos e desejos. Não é difícil a qualquer leigo fazer esse tipo de análise, por perceber dificuldades no encaixe das pedras.

O Partido dos Trabalhadores avisa que deseja a participação de um dos seus militantes na chapa majoritária. Por enquanto só isso. Já tem nome: Rogério Carvalho. No bloco aliado o ilustrado petista é visto como um dos candidatos ao Senado, junto a Jackson Barreto. Mas não é por aí que a banda toca dentro do PT. A sigla quer o Governo e tem certeza que Lula da Silva colocará o dedo para isso.

Aliás, Lula já o fez, durante encontro com JB às vésperas de sua viagem de férias.

Mas há algo estranho no ar. Até peemedebistas históricos, como o secretário Benedito Figueiredo e outros, não aceitam essa composição. E não escondem a ojeriza. Falam em bom tom que “PT e PMDB são como água e óleo: não se misturam jamais”. E pior: não aceitam nem participação na chapa, o que será exagero.

Mas, a visão mais nítida é quando se monta a estrutura para formação da chapa. É que Belivaldo assume o Governo em abril e será ele mesmo quem decide se vai para a reeleição ou não. O quê os senhores acham? Aliado fiel a Jackson e ao grupo, Belivaldo poderia até não disputar caso JB pedisse, mas não é isso que o governador quer.

Talvez só haja um jeito de Rogério disputar o Governo: atuando para que Jackson conclua o mandato e não se candidate ao Senado… Essa possibilidade ficou remota.

COM O PÉ NA LAMA

O leitor Diego Lima dos Reis manda e-mail fazendo observação crítica à coluna (que chama de blog), em razão de uma nota [Toque pessoal] sobre Edvaldo Nogueira.

Diz que o “blog” é visivelmente pró-Governo patrocina! (sic)

BELA OPINIÃO PESSOAL

Diego diz assim: “Bela opinião pessoal no blog hoje (ontem) sobre Edvaldo Nogueira”. Pagar os salários em dia é realmente uma coisa a se louvar, o resto é resto…”

E tasca: “É essa chamada ‘imprensa’ que nos faz ficar com o pé na lama”.

INDICAÇÃO FORTE

Nos bastidores da Câmara a informação é que a indicação de Thiaguinho Batalha para vice-presidente da mesa fora feita pelo deputado André Moura.

Com as bênçãos de Edvaldo Nogueira.

TRATA EM SILÊNCIO

Por solicitação do governador Jackson Barreto (PMDB) há um recuo nas conversas sobre a sucessão estadual do próximo ano.

Não pretende antecipar as eleições.

SERIA TIRO NO PÉ

Segundo um assessor palaciano, o Governo passa por algumas dificuldades e tenta ajustar a questão financeira para depois tratar das eleições.

– Antecipar agora seria um tiro no pé, disse.

JÁ NOS BASTIDORES

Jackson Barreto, entretanto, não deixa de conversar nos bastidores e se mostra atento a todos os movimentos. Faz avaliações e traça estratégias.

Já calcula até quem será o melhor adversário.

CHEGADA DE LULA

O ex-presidente Lula – com sua caravana – chega a Sergipe no domingo à noite. Há dúvida se dorme em Aracaju ou em Estância, como anteriormente se divulgou.

Na segunda-feira vai também a Lagarto, Itabaiana e Glória.

SERÁ NO IATE

Só na terça-feira pela manhã é que o ex-presidente Lula faz encontro em Aracaju. Já está marcado o salão do Iate, às 9 horas, para a concentração.

No mesmo dia Lula segue viagem para Alagoas.

SÓ NA CHAPA

Em nenhum momento os militantes do PT falam que o presidente regional do partido em Sergipe, Rogério Carvalho, será candidato ao Senado.

Diz que ele é a indicação do PT para a chapa majoritária.

ESTÁ EM TODAS

Rogério Carvalho esteve ontem em Canindé do São Francisco e fez dupla com Kaka Andrade, cantando juntos ‘Estradas de Canindé’, de Luís Gonzaga.

– Acho que não fiz feio [rsrsrsrs]… Nosso Nordeste é maravilhoso!, exaltou Rogério.

CERTA DÚVIDA

Há dúvidas de que o ex-presidente Lula estará mesmo no ônibus que vai percorrer todo o Nordeste. Desconfia-se que ele pegará a ‘marinete’ nas capitais.

De lá é que embarca no ônibus a cidades do interior para fazer a festa…

REFORMA AMPLA

O deputado estadual Capitão Samuel acha que a reforma política tem que acabar com coligações e com vários partidos de aluguel.

E mais: unificar as eleições a cada quatro ou cinco anos.

SOBRE DISTRITÃO

O deputado federal Valadares Filho (PSB) acha que não é fácil o Distritão passar na Câmara. Há resistência de número significante de parlamentares.

O argumento é que o Distritão acaba com a vida partidária.

HÁ UM DEBATE

Segundo Valadares Filho, há um debate entre parlamentares de que o Distritão provoca a individualização da política, porque praticamente elimina a força dos partidos.

Haverá embates que podem aprovar ou não o sistema.

COM FÉ EM DEUS

O secretário da Ação Social, Zezinho Sobral (PMDB) deixará a Pasta em tempo hábil, para disputar uma vaga na Assembleia Legislativa.

– Serei candidato com fé em Deus e Nossa Senhora, rogou.

QUANTO AO PODEMOS

Zezinho Sobral fala que está propenso a se filiar ao Podemos, desde que a legenda sinalize de forma positiva para ele. Caso contrário fica onde estar.

– Só sairei do PMDB para ser protagonista em outro partido, disse.

SOBRE A SUCESSÃO

Zezinho Sobral fala sobre as eleições de 2018. Lembra que Jackson Barreto vai se afastar, Belivaldo assume e só não será candidato à reeleição se não quiser.

– Ele terá o apoio de JB e de todos nós, falou.

PARA OBSERVAR

Alguma coisa estranha no ar. Os Valadares (pai e filho) e Eduardo Amorim estão sempre juntos, nos finais de semana, em visitas a cidades do interior.

André Moura nunca está entre eles. Por que será?

Notas

Rejeita fundo – Rodrigo Maia rejeitou o fundo partidário. Ele disse na FGV: “A reforma política não parece a melhor. O texto aprovou como permanentes questões que deveriam ser transitórias. O texto original era para que o fundo fosse reduzido ao longo do tempo. A sociedade não concorda com esse valor alto”.

0x0

Maior potencial – O Brasil tem o maior potencial de turismo entre todos os países do mundo e pode quase triplicar a atual receita anual do setor, estimada nos últimos 12 meses em aproximadamente U$ 7 bilhões. A expectativa é do presidente do Instituto Brasileiro do Turismo (Embratur), Vinícuis Lumertz.

0x0

Operação cebola – Segundo publica o Relatório Reservado, Rodrigo Janot confidencia a um procurador amigo de peito que já esperava o resultado da votação favorável a Michel Temer. Mas confia na “Operação Cebola” para minar o balcão de agrados do presidente aos parlamentares. Janot está descascando as denúncias em fatias.

0x0

Contrato com lobista – Segundo o Antagonista, Bengt Janer, o representante da Saab, contou também à Justiça Federal que o contrato com o lobista Mauro Marcondes, além de pagamentos mensais para abrir caminho para a Saab até Lula, previa o pagamento de um “bônus de sucesso”, que ele não soube dizer o valor. O sucesso foi total.

0x0

Meta será muito ruim – O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou ontem que a mudança da meta fiscal deste ano será “muito ruim” e significa que o governo não conseguiu cumprir seu papel de cortar despesas. “Pelo visto o governo vai anunciar um aumento da meta, o que é muito ruim”.

0x0

Bolsonaro recua – Estava tudo certo: o deputado e presidenciável Jair Bolsonaro (PSC-RJ) iria oficializar sua filiação ao PEN na quinta-feira passada. No entanto, ao abrir o discurso ele provocou uma saia justa ao afirmar que só ingressa no partido caso a legenda recue de uma ação no STF que o classifica como “anti-Lava Jato”.

Conversando

Pelo interior – A política vem sendo movimentada, por prováveis candidatos proporcionais e majoritários em cidades do interior.

Abrange regiões – Na sexta-feira, por exemplo, o Governo esteve no sertão e o bloco de oposição foi para a região centro sul do Estado.

Distritão mexe – A possibilidade real de passar o Distritão mexe com a opinião de deputados e já de alguns pré-candidatos a deputado estadual e federal.

Café da manhã – Mudança de hábito: as famílias passam a homenagear os pais nos hotéis com café da manhã. Sai bem mais em conta.

Ações e obras – Secretário Valmor Barbosa destaca grandes ações e obras que acontecem por causa de projetos do Governo de Sergipe.

De Maicon Costa – “Políticos só pensam no próprio bem estar, não estão nem aí pro povo. Agora pra que mesmo fazer este hospital se não servirá para eles? Canalhas”.

Analisa planilha – Nitinho Vitale ratifica que Câmara de Aracaju não decide mais sobre reajuste da tarifa, mas analisará detalhes da planilha de custos.

Relatar problema – O Deso destaca a importância dos usuários relatarem problemas no abastecimento e fazerem queixas por meio de protocolos.

Mídia sergipana – Notícias publicadas nessa área tem colaboração do ComsensoWeb, que diariamente publica o que acontece na mídia sergipana.