31/08/17 - 08:25:11

Troca o certo pelo duvidoso

Para aprovar a fusão dos dois fundos de Previdência dos servidores, o governo de Sergipe está oferecendo entre as garantias de capitalização os royalties apurados com as futuras explorações de petróleo. Não é lá muita vantagem, vez que a Petrobras vem desmontando o circo em território sergipano. Prova disso é a anunciada venda de campos petrolíferos e a drástica redução da extração de óleo e gás. Para se ter uma idéia, em 2014, o estado arrecadou R$ 166 milhões em royalties, enquanto no ano passado foram apenas R$ 69 milhões. Também desmoronou o investimento de US$ 12,5 bilhões que a estatal pretendia fazer em Sergipe no quadriênio 2015/2018. Sabe-se lá quando, a companhia retomará o projeto de perfurar em águas profundas, de onde adviriam os royalties para o fundo. A previsão agora é investir, até 2019, minguados R$ 600 milhões na recuperação do campo de Carmópolis. Como se vê, é muito frágil a garantia oferecida pelo governo. Portanto, se o projeto da fusão for aprovado pelos deputados, se estará trocando o certo pelo duvidoso ou, como se diz lá em Carira, escutando chocalho sem ver besta.

Aliado injuriado

E o vereador Palhaço Soneca (PPS) está tiririca da vida com a Superintendência de Transporte e Trânsito de Aracaju. Ele reclama que a SMTT não atende suas reivindicações. “E olha que tenho pedido coisas simples como instalação de semáforo, redutor de velocidade e pintura das faixas de pedestres”. Injuriado, o aliado do prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) disse que se “se quiserem, compro a tinta e eu mesmo pinto as faixas”. Misericórdia!

Energia em debate

A Assembleia Legislativa recepciona amanhã uma audiência pública sobre energia solar fotovoltaica. Marcado para começar às 9h, o debate será prestigiado por um representante do Ministério das Minas e Energia e pesquisadores da Universidade Federal de Sergipe. Organizador do evento, o deputado estadual Luciano Pimentel (PSB) lembra que Sergipe está numa região onde é factível a utilização deste tipo de energia, “porém somos o pior estado do país neste quesito”. Aff, Maria!

Cadê os mutirões

Antes das últimas eleições, o governo de Sergipe realizou na periferia de Aracaju uma série de mutirões, batizados de “Governo em Ação”. Neles, eram oferecidos à comunidade carente serviços como emissão de carteiras de trabalho e de identidade, triagem para diabéticos e hipertensos, cortes de cabelo, atendimento oftalmológico e ginecológico, entre outros. Depois das eleições, ninguém mais falou nos tais mutirões. Por que será?

Boca de siri

Veja o que publica hoje em O Globo o jornalista sergipano Ancelmo Gois: “Sobe o vídeo que viralizou de Lula, em Sergipe, dando bronca num assessor que, em vez de “olhar o povo”, mexia no celular? Pois bem. Agora, o petista proibiu até parlamentares de usarem o celular durante a caravana”. Danou-se!

Chegou mais um

Integrantes do embrionário Partido Frente Favela Brasil comunicaram à Justiça Eleitoral a obtenção do registro no cartório, uma das condições para a formação de legenda política. O próximo passo da sigla é tentar obter, no período de dois anos, caráter nacional para o registro de seu estatuto no TSE. Atualmente o Brasil tem 35 partidos políticos aptos a disputar as eleições de 2018. Durma com um barulho desse!

Corta na carne

No meio jurídico de Sergipe não se fala em outra coisa que não seja o afastamento das funções do juiz de direito Anselmo de Oliveira. Como o processo corre em segredo de justiça, a decisão dos desembargadores suscitou uma série de especulações. Por que o magistrado teria sido afastado das atividades? O próprio Anselmo disse que foi punido porque, diante do grande número de processo, não conseguiu cumprir os prazos. Sentindo-se injustiçado, ele promete recorrer da decisão ao Conselho Nacional de Justiça. Tá certo!

Fim da farra

Você sabe por que, na administração passada, a Prefeitura de Aracaju atrasava os salários e não pagava aos fornecedores? Um bom exemplo pode ser a gastança com telefones: no primeiro semestre de 2016, a Secretaria de Comunicação “torrou” mais de R$ 27 mil com o uso do “Graham Bell”, valor que caiu para R$ 4 mil no mesmo período deste ano. E a folha de pessoal da Secom que, nos seis meses de 2016, foi de R$ 1,7 milhão, despencou agora para R$ 1,3 milhão. Marminino!

Briga de foice

Não chamem a direção do Sindicato dos Professores (Sintese) e o governador Jackson Barreto (PMDB) para a mesma sala de aula. A entidade está por aqui com o peemedebista e este não quer nem ouvir falar nos sindicalistas: “São mentirosos, nazitas! Porque só nazista repete uma mentira a vida toda para transformar em verdade”, esbraveja JB. Em resposta, os professores acusam o Jackson de atacar o Sintese “como se só isso fosse dar fôlego para que ele siga arrastando o governo aos caos”. Calma, gente!

Haja farinha

Sergipe já possui 2.288.116 habitantes. Segundo o IBGE, nosso estado tem mais gente do que Rondônia, Tocantins, Roraima, Acre e Amapá. A capital Aracaju é a cidade sergipana mais populosa: 650.106 almas, enquanto Amparo de São Francisco é o menos habitado com apenas 2.390 moradores. O levantamento do IBGE revela, ainda, que Socorro (181.928), Lagarto (104.099) e Itabaiana (95.196) são os mais populosos do interior. Haja farinha e feijão para alimentar tantas bocas. Crendeuspai!

Recorte de jornal

___________________________________________________________________________________________________________________________________________95

Publicado no jornal aracajuano Diário da Manhã, em 22 de agosto de 1924.

Resumo dos Jornais