10/11/17 - 05:59:24

Mercados municipais passam por melhorias para atender melhor à população

Frutas, verduras, cereais, roupas, artesanatos. É possível encontrar de tudo um pouco nos mercados municipais de Aracaju, administrados pela Prefeitura Municipal, através da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb). Ao todo, são dez espaços espalhados pela cidade, facilitando para quem precisa fazer suas compras sem precisar ir muito longe de casa.

Para melhorar a infraestrutura dos locais, a Prefeitura está realizando, gradativamente, serviços de reparos, para levar mais comodidade a feirantes e compradores. É o que está acontecendo atualmente no mercado Miguel Arraes, no bairro Bugio, um dos mais antigos da cidade. Devido às fortes chuvas que caíram em Aracaju este ano, o telhado do mercado se deteriorou, causando vários transtornos para feirantes e compradores.

A reforma está renovando todo o telhado, com a substituição das telhas em alumínio e de telas que são usadas para impedir possíveis invasões no local durante a noite. “No dia a dia, as constantes reclamações dos usuários eram que quando chovia, havia várias goteiras que inundavam o espaço. Agora, com essa reforma, esse problema vai deixar de existir, assim também como vai melhorar a segurança”, explica o supervisor do mercado, Roberto Julião Santos.

Outra área do mercado que recebeu reparos foram os banheiros, onde foi trocada toda a luminária, realizada pintura e substituição de torneiras e descargas, além da reativação do box com chuveiro. A obra está sendo aprovada por todos os usuários. Gilvan de Oliveira tem uma mercearia no local há mais de 12 anos e diz que a reclamação dos clientes era constante. “Antes chovia mais dentro do mercado do que fora, os clientes reclamavam muito. Mas agora, do jeito que a obra está indo, vai melhorar bastante”, afirma.

Edson Rodrigues é morador do Bugio e comercializa frangos no mercado desde 2005. Ele também se sentia prejudicado com a situação que o local se encontrava. “Com as chuvas, as telhas voaram e molhava todo mundo. Os clientes tinham que entrar com guarda-chuva, agora todos nós ficaremos satisfeitos”, comenta. Já dona Maria Vandete é moradora do conjunto há mais de 30 anos e frequenta o mercado várias vezes por semana. “Quando entrava nesse mercado me molhava muito, corria o risco de escorregar e cair, agora tudo vai ficar melhor”, comemora.

Segundo o diretor de espaços públicos da Emsurb, Bira Rabelo, o objetivo é realizar melhorias em todos os mercados públicos da cidade. “Encontramos todos os mercados deteriorados, fizemos visitas junto com o prefeito Edvaldo Nogueira e ouvimos as reclamações dos usuários. Começamos as melhorias pelo mercado Albano Franco, onde fizemos uma reforma no banheiro feminino, que estava inutilizável, e também no telhado, além de fazermos uma limpeza geral uma vez por mês”, explica.

Mercados públicos

Ter um mercado próximo de casa, onde se encontra quase tudo que precisa é uma vantagem. E os moradores de diversos bairros de Aracaju podem contar com esses espaços que comercializam vários tipos de produtos, sempre das 7h às 17h. Além dos três mercados centrais (Albano Franco, Antônio Franco e Thales Ferraz), os aracajuanos ainda têm à disposição o Carlos Firpo (Siqueira Campos), Viana de Assis (Santos Dumont), Milton Santos (conjunto Augusto Franco), Alcino Barros (18 do Forte), Roberto Silveira (América) e Miguel Arraes (Bugio).

O Centro de Artesanato Chica Chaves, no bairro Industrial, completa o número de centros comerciais na cidade. O local também está na lista para passar por reparos. “Temos uma lista de pessoas que querem trabalhar no Chica Chaves, o local está praticamente parado, mas vamos movimentá-lo”, afirma Bira Rabelo.

Foto Sérgio Silva