24/11/17 - 16:16:38

Jackson lança pedra fundamental da Cooper Standard em Divina Pastora

O investimento da Cooper Standard é cerca de R$ 10 milhões e a previsão é de 10 meses de obra. A fábrica inicialmente vai gerar 180 empregos diretos e 50 indiretos. Para os primeiros três anos, a empresa projeta gerar 400 empregos diretos e 100 indiretos, num investimento que irá beneficiar os municípios de Divina Pastora, Santa Rosa de Lima, Riachuelo e região do Vale do Cotinguiba

O município de Divina Pastora sediará a nova Indústria Cooper Standard, cuja pedra fundamental foi lançada, na manhã, de sexta-feira, 24, pelo governador Jackson Barreto, juntamente com o diretor–geral da Cooper Standard, Jurgen Kneissler. O investimento da Cooper Standard é cerca de R$ 10 milhões e a previsão é de dez meses de obra. A fábrica inicialmente vai gerar 180 empregos diretos e 50 indiretos. Para os primeiros três anos, a empresa projeta gerar 400 empregos diretos e 100 indiretos, num investimento que irá beneficiar os municípios de Divina Pastora, Santa Rosa de Lima, Riachuelo e adjacências do Vale do Cotinguiba.

Na ocasião, Jackson Barreto destacou o esforço do governo para atrair investimentos para região. “É uma região altamente carente de emprego, no município de Santa Rosa de Lima e Divina Pastora, principalmente , a cidade de Santa Rosa de Lima. Por isso, sempre tive comigo um compromisso de  que até o final do nosso governo, nós traríamos uma fábrica para a região. Evidente que aqui estamos no solo de Divina Pastora, mas é uma fábrica que está vizinha a Santa Rosa e vai gerar emprego para toda a região. Desta maneira, estou em paz, porque o governo do estado participou de forma direta no trabalho para que essa fábrica fosse implantada aqui, ofertando todos os incentivos fiscais, desde a aquisição do terreno até a construção. A Codise tem compromisso de trabalhar na construção desta obra para que até o final de 2018, a fábrica esteja pronta para ser inaugurada e é tudo o que eu posso deixar ao final do nosso governo para a região. Gerar emprego, tirar a juventude da ociosidade, oportunizar e melhorar a vida dessas pessoas e de forma clara”, declarou o governador.

A fábrica irá produzir canaletas, guarnições de borracha e de plástico e frisos para veículos automotores e deverá entrar em operação em 2018. A implantação da planta industrial vai abrir significativas perspectivas de empregos, em especial para os jovens da região. A planta vai ocupar uma área total de 51.500 m², com um galpão que ocupará uma área construída de 12.000 m².

Segundo o diretor–geral da Cooper Standard, Jurgen Kneissler, a expectativa é de que as obras iniciem em janeiro de 2018. “O governo de Sergipe teve um papel fundamental na instalação do empreendimento em Sergipe. Mais do que um simples investimento é uma solida confiança no futuro que temos a frente. Nossa projeção é de crescimento. Isso mostra maturidade no ramo em que pertencemos e uma tradição desenvolvimentista. Além disso, a empresa sente-se sensibilizada em contribuir para a geração de empregos na região. É a Cooper cumprindo o seu papel  social e com uma visão empreendedora”, pontuou.

O diretor- presidente da Companhia de Desenvolvimento Economico de Sergipe (Codise), Eugênio Dezen, disse que embora a economia demonstre estar lenta, o governo tem feito um esforço muito grande para trazer grandes investimentos para Sergipe. “Nós da Codise, secretarias, vice-governador Belivaldo Chagas e os prefeitos da região, temos feito um esforço grande para trazer para essa oportunidade de crescimento. Se nós verificarmos, hoje, a grande empregabilidade, o grande crescimento humano possível nessas regiões, é nós criarmos emprego, darmos oportunidade, e é isso que o governo do Estado está fazendo através desses grandes empreendimentos “, colocou.

Para o prefeito de Divina Pastora, Sílvio Cardoso, o empreendimento irá aquecer a economia da região e atrairá a vinda de outras empresas.  “Eu tenho dito que esse empreendimento é a revdenção da nossa região. Uma região carente de emprego e essa fábrica irá gerar muitas oportunidades. Sabemos da carência de emprego nos três municípios, Santa Rosa, Divina Pastora e Riachuelo, e esse empreendimento vai trazer um alivio para nós prefeitos que somos cobrados dia a dia por empregos. Só temos a agradecer pelo governador, que também é um filho de Divina Pastora e depois se tornou filho também de Santa Rosa. Agradeço aos representantes da  Cooper Standard  por entender e acreditar que essa região é uma região próspera e o sucesso dessa fábrica vai trazer outras para a nossa regiões”, destacou.

A escolha por Sergipe se deu pela localização estratégica, potencial adicional de negócios com futuras montadoras e aos incentivos fiscal e locacional concedidas pelo Governo do Estado, através do PSDI. A unidade de Sergipe fornecerá peças às montadoras Ford, em Camaçari (BA), e Fiat, em Goiana (PE).

Na opinião do prefeito de Santa Rosa de Lima, Luiz Roberto Júnior, a fábrica significa a realização de um grande sonho dos moradores do município e do governandor.  “Essa fábrica, sem o apoio e comprometimento do governador Jackson Barreto jamais poderia ser instalada aqui nessa região. Hoje, nossa região está sendo contemplada com a fábrica que vai gerar emprego e renda para as nossas cidades. Eu tenho certeza, que pela grandeza desta fábrica, ela com certeza será ampliada e gerará emprego para ainda mais regiões. Passamos por um momento de dificuldade no Brasil, um momento de crise, e essa fábrica vem para tornar real o sonho que tivemos, de que iremos nos reconstruir”,  ressaltou.

Qualificação profissional

Na ocasião, foi anunciado, também, um convênio da empresa com os municípios da região, a fim de oferecer cursos profissionalizantes, de forma a possibilitar qualificação para os moradores poderem se habilitar no preenchimento das vagas que serão ofertas na fábrica.  “Essa fábrica vai oportunizar para juventude, rapazes e moças, que vão fazer cursos de formação tecnológica no Senai, se qualificar para trabalhar nessa fábrica, que a princípio vai gerar 230 empregos e a previsão é que daqui a três anos tenhamos mais de 400 empregos aqui nessa fábrica. Será uma bênção para toda a região. Quando trago uma fábrica para gerar emprego, eu quero, na verdade, cuidar das pessoas que mais precisam do governo, as pessoas mais pobres, mais carentes, mas é preciso também que a juventude se prepare tecnicamente para emprestar seus serviços à fábrica e amanhã ter um emprego à altura”, reforçou o governador.

Geração de empregos

Sergipe abriu 5.491 postos de trabalho em outubro, conforme relatório do Caged, divulgado pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Foi o melhor resultado para o mês de outubro desde que o levantamento começou a ser feito, há 14 anos. Em outubro, o estado teve 11.008 contratações e 5.517 desligamentos. A diferença destes indicadores fez o saldo de trabalhos formais ficar positivo, fazendo o nível de emprego avançar quase 2% no mercado sergipano. Pela primeira vez no ano, todos os setores da atividade econômica contrataram mais do que demitiram, com destaque para a Indústria de Transformação (2.908) e Agropecuária (1.674) contratações. O Comércio e o setor de Serviços registraram 293 e 444 novas vagas de trabalho, respectivamente.

Entre os municípios com mais de 30 mil habitantes, a cidade de Capela, no leste do Estado, foi a que mais abriu oportunidades de trabalho, com 1.571 novas vagas. Na sequência, aparece Aracaju, que criou 726 postos de trabalho.

A empresa

A Cooper Standard Automotive Brasil Sealing ltda iniciou suas atividades com a construção da primeira fábrica no país em 1995, localizada em Varginha (MG). Atualmente, a Cooper opera outra unidade em Atibaia (SP). São mais de 1.700 colaboradores na produção de componentes automotivos para as principais montadoras do país. A Cooper Standard é reconhecida pelo mercado de autopeças como pioneira na tecnologia em termoplásticos, técnica que possibilita que as aplicações de vedação em plástico sejam mais eficientes, ecológicas e funcionais. Além disso, a empresa possui diversas certificações, como ISOs de qualidade e meio ambiente. A Cooper Standard é líder em componentes e sistemas para transferência de fluídos (como tubulações de combustível e freio), borrachas de vedação automotiva e sistemas antivibração.

Fundada em 1927, na cidade de Deaborn, Michigan, Estados Unidos, a empresa está presente em mais de 20 países, como a China, Espanha, Itália, Índia e Alemanha, somando mais de 27 mil colaboradores. A Cooper Standard apresenta um ótimo desempenho global, suas ações estão listadas na Bolsa de Nova York.

Foto: Marcelle Cristine / ASN