27/11/17 - 08:02:14

Feira de partidos

Começou a fase de venda e aluguel de partidos. Até as convenções, em junho de 2018, ocorrerá todo tipo de transação com as pequenas legendas, objetivando garantir aos candidatos um tempo maior para a propaganda no rádio e na televisão. Agora mesmo, o ex-prefeito de Capela, Manoel Sukita, “adquiriu” o comando do nanico PHS. A aquisição ocorreu após o político capelense ter perdido a direção do Podemos. É muito por isso que já existem 35 partidos no Brasil e outros tantos à espera de registro. Boa parte deles só aparece nas campanhas eleitorais para negociar apoios a candidaturas. Passado o pleito, os donos dessas siglas ‘nanicas’ conseguem bem remunerados cargos comissionados para eles, os familiares e agregados. Como se vê, além de confundir a cabeça do eleitor, essas legendas de aluguel servem apenas para políticos safados se locupletarem com o dinheiro público.

Fake news

A vice-prefeita de Aracaju, Eliane Aquino (PT), ficou injuriada com a notícia falsa dando conta que ela teria usado o helicóptero da Polícia para ir ao Parque dos Falcões, em Itabaiana. Em nota, a petista revela ter ido ao paraíso das aves de rapina em seu carro particular. Lá, encontrou a equipe do Grupamento Tático Aéreo, que a convidou para um sobrevoo, juntamente com Percílio Costa, dono do Parque. Eliane promete ir à Justiça contra o autor do factoide. Tá certíssima!

Socorro de luto

Vítima de afogamento no Rio São Francisco, foi sepultado, ontem, em Moita Bonita, o vereador de Nossa Senhora do Socorro, Cido Capunga (Pros). No sábado, ele e a família passeavam de barco pelo rio, quando perdeu o equilíbrio e caiu na água. O corpo foi localizado, horas depois, a uma profundidade de cinco metros. Ao saber do acidente, o prefeito socorrense Padre Inaldo (PCdoB) decretou luto de três dias no município.

Nome pré-definido

O ex-vereador aracajuano Doutor Emerson é pré-candidato a governador de Sergipe. O nome dele foi homologado pelo Rede Solidariedade durante a Conferência Estadual da legenda. Ficou acertado que o lançamento oficial da pré-candidatura de Emerson ocorrerá no próximo dia 5, em evento marcado para a Associação dos Engenheiros Agrónomos de Sergipe, em Aracaju.

Definição petista

E a tendência petista Esquerda Popular Socialista definiu o nome do sindicalista Ronildo Almeida como pré-candidato a um cargo majoritário em Sergipe, ao lado de Rogério Carvalho. Também reafirmou o apoio à reeleição do deputado federal João Daniel, além de ter deliberado que as eleições presidenciais sem a participação de Lula como candidato é fraude da grossa. Então, tá!

De olho nos ponteiros

Dependesse do desejo da Justiça Eleitoral, em 2018 o horário de verão só começa depois do segundo turno das eleições gerais. Pedido nesse sentido já foi feito pelo TSE ao Ministério das Minas e Energia. O objetivo é impedir que, além dos diferentes fusos horários existentes no Brasil, o horário de verão não cause atrasos na apuração dos votos e na divulgação do resultado das eleições.

Vida mansa

 Qualquer cidadão precisa trabalhar décadas a fio para se aposentar. Os políticos, porém, asseguram pensão especial com muito menos tempo. No Congresso, cerca de 250 ex-deputados e ex-senadores (de Sergipe são 12) conseguiram a aposentadoria a partir de oito anos de contribuição. A conta dessa mordomia é paga pelo contribuinte. Pode?

Contra o partido

Realizada numa fazenda em Nossa Senhora das Dores, a festa de apoio à pré-candidatura de Belivaldo Chagas (PMDB) ao governo foi prestigiada até por políticos do PSB. Para contrariedade do líder maior do partido em Sergipe, senador Antônio Carlos Valadares, o vereador peessebista de Dores, Professor Vado, fez questão de ir abraçar Belivaldo, com quem deverá votar em 2018. Misericórdia!

 Saúde doente

 Proposta pelo vereador Jason Neto (PDT), a Câmara promove hoje, uma sessão especial para discutir a crise da saúde de Aracaju. O tema central do debate será a parceria do Sistema Único de Saúde (SUS) com os hospitais filantrópicos. Já confirmaram presenças a secretária de Saúde da capital, Waneska Barbosa, e o diretor do Hospital Cirurgia, Milton Eduardo.

 Discriminação

 Embora sejam praticadas por apenas 0,3% da população, as religiões de origem africana são as que mais sofrem discriminação no Brasil. De acordo com os dados do Disque Direitos Humanos, o Disque 100, do total de 504 denúncias, 213 relataram ataques as religiões. Em 35% desses casos, tratava-se de religiões de matriz africana. Uma lástima!

 Recorte de jornal

 11

Publicado no jornal aracajuano O Tempo, em 28 de julho de 1949.

Resumo dos Jornais