28/11/17 - 14:21:38

Secretaria de Estado da Inclusão e prefeitura de Socorro firmam parceria

A iniciativa visa ofertar serviços para a população de baixa renda e instituições, distribuindo produtos de qualidade e valor nutricional

Representantes da Prefeitura de Nossa Senhora do Socorro estiveram reunidos na tarde desta última segunda-feira, 27, com a equipe técnica da Secretaria de Estado da Inclusão (Seidh) para buscar parceria visando à implantação do Banco de Alimentos. A iniciativa visa ofertar serviços para a população de baixa renda e instituições, distribuindo produtos de qualidade e valor nutricional.

Segundo o secretário da Agricultura de Socorro, David Lopes, a implantação do Banco de Alimentos consiste em algumas etapas: processo de coleta (cujos produtos são doados por redes de supermercado), armazenamento (espaço para guardar os itens) e distribuição qualificada do alimento doado (identificar os locais onde é possível encaminhar os alimentos). “É possível abraçamos esse projeto com baixo custo. Um Banco de Alimentos pode ajudar bastante àqueles sergipanos em situação de vulnerabilidade. Com ideias boas e viáveis, podemos ter resultados e contribuir para minimizar o problema da fome em algumas regiões”, afirmou Lopes.

Para Lucileide Rodrigues, diretora do Departamento de Segurança Alimentar e Nutricional da Seidh (Dsan), a oportunidade de implantação do Banco é positiva.“Em 2012, o Ministério do Desenvolvimento Social lançou um edital para implantação mas, à época, Sergipe não foi contemplado. Agora, surgiu a oportunidade de colocar em prática, o que será de grande relevância para a população, em se tratando de qualidade de vida e segurança alimentar. Após firmar o local adequado para recebimento dos itens, armazenamento e distribuição, será preciso identificar quais serão os doadores e os beneficiários. O Banco de Alimentos é mais um veículo de atendimento a quem precisa”, destacou Lucileide.

Durante a reunião, o secretário de Estado da Inclusão, Zezinho Sobral, sugeriu que a Prefeitura de N. Sra do Socorro busque apoio junto à Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e faça a adesão ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na modalidade Doação Simultânea, para promover a articulação da agricultura familiar e as demandas locais de suplementação alimentar. “Esses programas podem ajudar bastante na formação do Banco de Alimentos, agregando valor e fortalecendo a agricultura familiar. Será uma grande união onde os produtores e os consumidores serão beneficiados. Vale a pena também fazer o cadastro no Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Sisan) para fortalecer as atividades. A Seidh está à disposição para somar em tudo que for necessário”, pontuou o gestor.

O gestor destacou os avanços do município de Socorro para a agricultura familiar. “No aspecto das compras institucionais e agricultura familiar, Nossa Senhora do Socorro é o município que mais compra e produz. São mais de R$ 700 mil investidos em compras diretas nas cooperativas de agricultura familiar, fortalecendo o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). É um esforço significativo que vem gerando resultados e dando grandes exemplos”, elogiou o secretário da Inclusão Social, Zezinho Sobral.

O prefeito de Nossa Senhora do Socorro, Padre Inaldo, ressaltou a importância de mais uma parceria. “O diálogo com a Seidh é fundamental para fortalecer as ações que envolvem a inclusão social e o agricultor. Sem dúvida, o Banco de Alimentos vai trazer mais dignidade aos produtores locas, além do acompanhamento e a formação, para que possam lidar melhor com o trabalho, e favorecer àqueles que não têm o alimento em casa. Com esse Banco, muitos sergipanos serão beneficiados. Agradeço ao secretário Zezinho Sobral por nos receber e compreender a importância dessa ação”, comemorou o prefeito.

Fonte e foto Seidh