29/11/17 - 10:51:52

JB terá que escolher entre PT e PRB e Rogério segue como “Plano B” para 2018!

Diante dos rumores de que o governador Jackson Barreto (PMDB) já pode entregar o comando do Executivo para o vice-governador Belivaldo Chagas (PMDB), em janeiro próximo, o agrupamento entrou em “ebulição” no sentido de antecipar as discussões para a formação da chapa majoritária para 2018. JB se afastaria para construir um projeto de candidatura ao Senado e o PMDB já teria dois nomes garantidos, restando a definição da vaga de vice e da outra candidatura a senador.

Há uma movimentação intensa dentro do Partido dos Trabalhadores que não abre mão de uma candidatura majoritária de Rogério Carvalho, provavelmente para o Senado. Por sua vez, o PRB também não é nada amistoso e não cogita ceder um milímetro sobre uma candidatura de Heleno Silva para senador, sendo que não há espaço suficiente para contemplar os dois. Outro detalhe é que nem o PT e muito menos o PRB demonstram interesse na vaga de vice-governador.

Nos bastidores os aliados do governo defendem que o vice seja o deputado estadual e empresário Luís Mitidieri (PSD), que não disputará a reeleição e que poderia impulsionar financeiramente a pré-candidatura de Belivaldo Chagas. O PSD também exige seu espaço na chapa, mas seus líderes têm adotado um discurso mais “pacificador”. Buscam um entendimento entre as partes, mas se Mitidieri não for o candidato a vice, provavelmente estará criado outro impasse dentro do agrupamento.

Ainda é cedo, 2017 não acabou, mas JB está acompanhando tudo com sua experiência e certamente tomará decisões em breve. Está ficando claro que, dificilmente, manterá a unidade entre PT e PRB e, mais na frente, talvez tenha que optar entre um dos dois partidos. Por sua vez,  diante da ascensão  da pré-candidatura de Lula para a presidência da República em 2018, o Partido dos Trabalhadores também se “assanha” em Sergipe e não descarta um “plano B”, com Rogério Carvalho disputando o governo e rompendo com o bloco. O momento é de marcar posição e tentar “valorizar o passe”…

Veja essa!

No Estado do Acre, o Partido dos Trabalhadores terá praticamente uma chapa “puro sangue” para 2018: o PT já lançou pré-candidatos próprios para o Governo e ainda para as duas vagas de senador. O PDT completará a chapa indicando o candidato a vice-governador.

 E essa!

Em Sergipe, a tendência petista Articulação de Esquerda, liderada pela deputada estadual Ana Lúcia defende algo parecido, com o PT lançando candidatos próprios para o Executivo e para senador. E sem espaço na majoritária, não se pode descartar uma aliança com o PDT também aqui no Estado.

Eliane Aquino

Aliados do governo até defendem que o PT indique o candidato a Senado, ao lado de JB na chapa, mas muitos entendem que este nome não pode ser o de Rogério Carvalho, mas o da vice-prefeita de Aracaju, Eliane Aquino.

Exclusiva!

A Prefeitura de Aracaju, através da sua secretaria municipal de Saúde, realiza na próxima sexta-feira (1º), uma licitação para a contratação de empresa responsável pela manutenção dos postos de Saúde da capital. O valor do processo é da ordem de R$ 7 milhões.

R$ 7 milhões?

Este colunista confessa que tomou um susto ao verificar o montante de R$ 7 milhões para a manutenção de postos de Saúde. O volume de recursos daria para construir novas unidades ou não? Não é muito dinheiro apenas para a “manutenção da rede”? Com a palavra a Secretaria de Saúde da PMA…

Bomba!

Curioso, este colunista aproveitou as consultas de final de ano, sobre as previsões para 2018, e colocou essa licitação no jogo de cartas do tarô. Para a surpresa, a carta marcada no jogo antecipou a vencedora da licitação: ADECON.

 ADECON?

Ainda mais assustado, este colunista jogou mais uma vez as cartas do tarô e descobriu que a empresa é velha conhecida das gestões do prefeito Edvaldo Nogueira na capital e que, após um tempo afastada, voltou a prestar serviços à PMA em 2017, em um contrato emergencial. Ainda assim fica difícil entender porque a carta marcada apontou a empresa como vencedora da licitação…

Caso Cirurgia I

Este colunista solicitou que a taróloga embaralhasse novamente as cartas, para encontrar uma definição sobre o impasse entre a SMS e o Hospital de Cirurgia. O tarô mostrou que há um impasse antigo entre a secretária Waneska Barboza e membros da diretoria do hospital.

Caso Cirurgia II

Segundo as cartas mostraram, este impasse que está prejudicando a população que sofre sem assistência médica, seria fruto de uma divergência pessoal, um problema antigo, da secretária de Saúde com diretores do hospital. E quem bem sabe de tudo é o ex-secretário André Sotero. Como dizem que o tarô não mente…

Clóvis Barbosa

Desastroso o comportamento do ainda presidente do Tribunal de Contas do Estado, Clóvis Barbosa, que em entrevista à Ilha FM colocou em suspeição os demais conselheiros do TCE. O “pai da moralidade” no serviço público deixou no ar que o pleno da Corte rejeitou uma licitação onde a empresa receberia R$ 7 milhões pelo contrato para prestigiar outra empresa pelo montante de R$ 11 milhões.

A verdade I

Uma medida cautelar foi expedida com fundamento na norma legal sobre licitações e em dois pareceres de órgãos técnicos de assessoramento direto de vinculação com a presidência do TCE: a Assessoria Jurídica da presidência e a Coordenadoria Jurídica do Tribunal que respaldam a expedição da Medida Cautelar de suspensão da licitação dos serviços terceirizados do Tribunal.

A verdade II

Este colunista teve acesso à ata da sessão do dia 21 de setembro, quando o assunto foi tratado, e consta que a conselheira Susana Azevedo solicitou ao presidente do TCE que não tomasse nenhuma providência de homologação referente a licitação do Tribunal até que a cautelar fosse apreciada, registrando o prazo de três dias solicitado por Clóvis para apresentar manifestação.

A verdade III

Susana Azevedo alertou na sessão a necessidade de cautela por parte presidente Clóvis Barbosa diante do parecer da Coordenadoria Jurídica do Tribunal, ressaltando que a empresa atual tinha seu contrato se encerrando no dia 30 de setembro. Clóvis Barbosa acatou a solicitação de Susana e na semana seguinte sua manifestação seria encaminhada.

Ulices Andrade I

Nessa quarta-feira (29), o futuro presidente do TCE, Ulices Andrade, também falou na Ilha FM e entendeu que precisava se manifestar até para preservar a instituição. “Estou falando por mim e em nome dos demais conselheiros porque já fui escolhido para presidir a Corte. O Tribunal foi ferido e quero deixar claro que não tomamos nenhuma medida para favorecer empresa ‘A’ ou ‘B’”.

Ulices Andrade II

O futuro presidente do TCE esclareceu que “quero dizer que se apareceram 40 empresas nessa licitação, eu não sei, mas assim que eu assumir a Presidência vou me inteirar sobre toda a licitação e vamos fazer com que apareçam 200 empresas ou mais. Tudo da forma mais transparente possível. Só não vai ter redução de salário de trabalhador que ganha pouco e nem vamos contrariar a nossa Coordenadoria Jurídica”.

Às escuras

O ainda presidente do TCE termina sua gestão de uma forma melancólica, isolado, vaidoso. Será mais lembrado pelo estilo desagregador do que pelas ações de sua gestão. Já dizia Fernando Sabino: “Democracia é oportunizar a todos o mesmo ponto de partida. Quanto ao ponto de chegada, depende de cada um”…

Dengue I

Segundo o LIRAa (Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti), divulgado pelo Ministério da Saúde ontem, 1.139 cidades estão em estado de alerta, entre elas nove capitais: Maceió, Manaus, Salvador, Vitória, Recife, Natal, Porto Velho, Aracaju e São Luís.

Dengue II

Em alerta, são consideradas aquelas com índice de infestação de mosquitos nos imóveis entre 1% a 3,9%.  Os resultados, como aponta o Ministério da Saúde, reforçam a necessidade de intensificar imediatamente as ações de prevenção contra a dengue, zika e chikungunya.

Insegurança

O crime continua agindo a todo vapor em Sergipe. Em Itabaiana, segundo o portal Itnet, em apenas quatro dias foram registrados três homicídios. A SSP trabalha, se esforça, mas as mortes continuam acontecendo. Tem alguma coisa errada, ou não?

Homicídios I

Segundo matéria publica pelo O GLOBO, segundo levantamento do Instituto Sou da Paz, a maioria dos Estados do País não sabe quantos casos de homicídio são investigados e solucionados por ano.

Homicídios II

Consta na reportagem que a entidade pediu dados para os governos estaduais e para os Ministérios Públicos dos 27 estados da federação, entre maio e junho desse ano, e apenas conseguiu calcular um índice de esclarecimento de homicídios para seis Estados: Pará, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Rondônia, São Paulo e Mato Grosso do Sul.

Sergipe

Consta ainda que “outros Estados (Roraima, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Piauí, Acre, Bahia e Sergipe) compartilharam dados incompletos, seja pela falta da data da denúncia seja pela do homicídio, o que inviabilizou o cálculo dos indicadores”.

Capela

Chega a informação que, essa semana, dois ônibus da prefeitura de Capela, que fazem o transporte de estudantes para a capital, tiveram que retornar do meio do caminho porque apresentaram falhas mecânicas, certamente por falta de manutenção preventiva. A prefeita da cidade, eleita para comandar o município, anda meio ausente, ao menos não se expõe tanto. O que estaria acontecendo na gestão?

Jackson Barreto I

O governador Jackson Barreto comenta que, em maio passado, visitou o Lar Cristo Redentor e ficou sensibilizado pelo trabalho feito pelos voluntários e assistentes sociais. “Além do acolhimento contra turno, estavam sendo realizadas aulas de introdução à linguagem musical”.

Jackson Barreto II

“Fiquei impressionado com a descoberta de novas vocações e percebi que esta iniciativa merecia ser incentivada. Conversei com o Banese que já atendeu meu pedido. Falei com o secretário da Educação, Jorge Carvalho, e formalizamos esse apoio. No próximo ano, a instituição contará com 22 novos instrumentos musicais e reforma da estrutura física da nova sala de ensaio”, anunciou o governador.

Belivaldo em Canindé

O vice-governador Belivaldo Chagas (PMDB) acompanhou as ações do Ceac Itinerante que está no município de Canindé de São Francisco, ao lado do prefeito Ednaldo da Farmácia, dos deputados Jefferson Andrade e Goretti Reis, da liderança política de Canindé, Marinho, além do prefeito de Santa Rosa de Lima, Luiz Roberto Jr, do vereador de Glória, Luiz Alberto, além de outras lideranças e vereadores da região.

Amorim

Segundo o senador Eduardo Amorim (PSDB) um terço das mortes por câncer estão relacionadas aos conhecidos, e muitas vezes ignorados, fatores de risco, como por exemplo: o fumo, o consumo de bebidas alcoólicas, o sedentarismo e a alimentação inadequada. “O primeiro passo para começarmos a vencer essa doença é, sem sombra de dúvida, a prevenção”, disse Amorim.

Hospital

Eduardo Amorim voltou a cobrar e destacar luta pela criação do Hospital do Câncer de Sergipe. Mesmo sem a Unidade Especializada disponível para os sergipanos, Eduardo lembra que o Hospital de Câncer de Barretos, por meio de uma clínica em Lagarto, vem realizando um trabalho plural em Sergipe. Segundo ele, 19 cidades são atendidas.

Maria do Carmo I

A senadora Maria do Carmo Alves (DEM) considerou “extremamente oportuna” a aprovação do Projeto de Lei do Senado que flexibiliza a transferência de recursos federais para Estados e municípios na área de segurança pública. O texto, aprovado nesta terça-feira (28), autoriza a liberação do dinheiro, mesmo que governos e prefeituras estejam inadimplentes com a União.

Maria do Carmo II

“Uma medida louvável e oportuna, considerando o grande caos que se tornou a segurança pública em todo o país e a dificuldade que os governos têm tido em fazer investimentos nessa área”, salientou Maria do Carmo, lembrando que a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) determina a suspensão das transferências voluntárias da União no caso de inadimplência.

André Moura

Cerca de 1500 produtores do Baixo São Francisco serão beneficiados com os investimentos das ordens de serviço a serem assinadas pelo presidente da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), Avelino Neiva, o superintendente regional César Mandarino e o responsável pela liberação das verbas, o líder no Congresso Nacional, deputado André Moura (PSC). A solenidade ocorrerá nesta sexta-feira (1º), às 17h, no auditório da Superintendência em Sergipe da Codevasf.

Microcrédito

O Congresso Nacional, orientado por André Moura, aprovou o plano de trabalho da Medida Provisória 802/2017, a fim de atualizar o Programa Nacional de Microcrédito Produtivo Orientado (PNMPO). O programa, instituído em 2005, tem o objetivo de incentivar a geração de trabalho e renda entre microempreendedores populares.

Mais emprego

Entre as principais alterações trazidas pela MP está o aumento do limite de renda ou receita bruta anual para enquadramento de pessoas físicas e jurídicas: de R$ 120 mil para R$ 200 mil. O deputado falou sobre os objetivos da Medida Provisória. “É uma matéria importante, pois oferece ações para possibilitar a qualificação profissional, incentivar o empreendedorismo e facilitar o acesso ao mercado de trabalho. Ou seja, é mais emprego e renda”, declarou o líder.

João Daniel I

Foi aprovado na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 948/2001, na forma de substitutivo, que dispõe a convocação de um plebiscito sobre a privatização da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) e o Sistema Eletrobras. Esse PDC é de autoria do ex-senador por Sergipe José Eduardo Dutra e já havia sido aprovado no Senado e estava parado na Câmara.

 João Daniel II

O deputado federal João Daniel, na semana passada, apresentou um requerimento solicitando que o presidente da Câmara incluísse esse PDC na Ordem do Dia. Para João Daniel, a aprovação, na reunião da CCJ foi uma vitória. O petista, na condição vice-líder da bancada e membro da CCJ, fez o encaminhamento da aprovação da proposta, com a apresentação de um substitutivo que exige a realização de um referendo popular para que possa ocorrer a venda da Chesf e de todas as empresas ligadas à Eletrobras.

Venâncio Fonseca I

O deputado estadual Venâncio Fonseca (PP) voltou a condenar a cobrança de estacionamento na Universidade Tiradentes (Unit), supermercados e shoppings de Sergipe. O parlamentar trouxe à tona uma luta antiga, ainda da legislatura anterior, quando chegou a aprovar a lei 7.147/2011, de sua autoria, normatizando a gratuidade nos estacionamentos de estabelecimentos comerciais e de instituições de ensino. A proposta também foi subscrita à época pela deputada Ana Lúcia Menezes (PT).

Venâncio Fonseca II

Venâncio Fonseca leu trechos de um comentário publicado hoje na imprensa [Portal Infonet] onde se questiona a ocupação ilegal de espaços públicos para cobrança de estacionamentos, como ocorre com frequência na região do Teatro Tobias Barreto e do Centro de Convenções de Sergipe, e criticou a universidade privada. “O jornalista fala da intimidação feita aos motoristas e da cobrança do estacionamento rotativo por R$ 10. Ele está certo. Porém, pior faz a Unit, que invadiu parte de uma avenida de Aracaju, construiu um estacionamento e ainda cobra de quem o usa”.

Bitributação

Na opinião do deputado, a cobrança, além de ilegal, representa uma bitributação pois o valor do estacionamento vem embutido na mensalidade. “É um falta de respeito, é meter a mão no bolso do contribuinte. Não é fácil brigar contra os grandes, contra os poderosos, contra o poder econômico. Sei o quanto foi duro, o quanto eu sofri. Algumas pessoas até mudaram [o comportamento] em relação a mim desde quando apresentei o projeto de isenção dos estacionamentos”, comentou.

Cobrança irregular

Por fim, Venâncio Fonseca reforçou que a Unit massacra os estudantes e, até o momento, não houve uma solução para a cobrança irregular, apesar da lei. “O jornalista denuncia a cobrança apenas durante um determinado evento. Pior foi quem fechou uma avenida para a vida toda e segue cobrando e prejudicando aquela comunidade com engarrafamentos. Foram barrados no cartório ao tentar registrar uma área que não é da Unit, mas da Prefeitura de Aracaju. Um absurdo”.

 Gustinho Ribeiro I

O deputado Gustinho Ribeiro (PRP) concedeu entrevista ao Jornal da Xodó e voltou a cobrar a reabertura da agência do Banco do Brasil na cidade de Salgado. Ele lembrou do impacto que a medida provocou à região e disse esperar que o banco atenda ao apelo. ”Ainda não tivemos um posicionamento oficial da instituição, mas espero que esta resposta venha o mais rápido possível”, observou.

Gustinho Ribeiro II

Ao comentar sobre a Proposta de Emenda à Constituição do Estado de Sergipe (PEC) da Juventude, o parlamentar lembrou que esta é sua principal bandeira de trabalho. “Criamos um mecanismo junto à Assembleia voltado à garantia de uma melhor assistência aos jovens, agora a forma como as políticas serão desenvolvidas ficará a cargo do governo”, frisou.

Rodovias e ensino integral

Na entrevista, Gustinho disse que a população de várias regiões do estado tem reivindicado a recuperação das rodovias estaduais. “Além de ser importante comercialmente, o cidadão também precisa trafegar por estradas que deem segurança e conforto”, afirmou. O parlamentar comentou também que  defende o ensino integral desde que seja oferecida uma estrutura para tanto. ”Este  modelo de ensino é o que acredito ser o ideal, mas para tanto é preciso oferecer estrutura, não apenas implementar”, comentou.

CMA

A Comissão de Finanças, Tomada de Contas e Orçamento da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), reuniu-se na sala de reuniões da Presidência para discutir a Lei Orçamentária Anual (LOA). Todos os membros da comissão receberam uma cópia do documento que define as prioridades descritas na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e as metas que deverão ser atingidas em 2018.

Thiaguinho Batalha

O presidente da Comissão de Finanças, Thiaguinho Batalha (PMB), fez a apresentação das peças contidas na LOA e discutiu a realização de uma audiência pública. “Recebemos a LOA dentro do prazo estabelecido e distribuímos o documento para que todos os membros possam analisar com o tempo suficiente e colocar a emenda que achar necessária. Depois disso, a Comissão terá um prazo para emitir um parecer e em seguida o documento será lido em plenário”.

Fábio Meireles

Fábio Meireles (PPS) enfatizou a importância da LOA para a realização dos investimentos que beneficiarão toda a população. “Aracaju passa por um momento de dificuldade e aquilo que estiver definido no documento orçamentário será analisado com muita responsabilidade e cada vereador colocará a sua emenda, que será discutida e apresentada para votação”, frisou.

Américo de Deus

O vereador Américo de Deus (REDE) disse que o documento prioriza as áreas que mais necessitam de investimentos, como saúde, educação, infraestrutura e cultura. “A comissão de finanças, juntamente com toda a sociedade, deve participar ativamente desta construção para que nós tenhamos um embasamento fiel do desejo do executivo e da sociedade”, pontuou.

Seu Marcos

O vereador Seu Marcos (PHS) homenageou, na tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), os 29 anos de fundação da Associação de Deficientes  Motores de Sergipe (ADM/SE). Na ocasião, o parlamentar destacou a importância dos serviços prestado pela entidade na sociedade aracajuana. “ADM/SE foi fundada em 27 de novembro de 1988. São 29 anos de lutas e conquistas. Parabenizo o presidente Antônio Francisco Fonseca Filho, um guerreiro, que tem realizado um ótimo trabalho à frente da Associação e em defesa dos deficientes do Estado”, destacou.

Ribeirópolis

O vereador Ney Max Santana Oliveira (DEM), o “Max de Zé de Toinho” defendeu a união dos vereadores junto ao prefeito Antônio Passos na luta pela reabertura do matadouro. Max criticou a perseguição política do governador em Ribeirópolis. O vereador disse que o governo “maltrata os sergipanos” e entende que Jackson Barreto tem culpa no “fechamento” do matadouro.

Max de Zé de Toinho

“A ADEMA é um órgão do Governo do Estado. E o governador poderia, em muitas coisas, amenizar”, ponderou Max. O democrata disse que é muita coincidência os municípios de Itabaiana, Carira e Ribeirópolis terem os matadouros interditados pela ADEMA. “Essas cidades têm em comum o fato de fazer oposição ao governador”, comentou Max.

Hagenbeck

A Família Hagenbeck está celebrando a entrega do Título de Cidadão Aracajuano a Pedro Ferreira de Barros, 85 anos, pai da primeira dama do município de Laranjeiras, Martha Hagenbeck, genro do prefeito Paulo Hagenbeck (DEM), o “Paulão das Varzinhas” e avó do deputado estadual Paulinho das Varzinhas.

Título

A solenidade foi realizada na tarde dessa terça-feira (28), no plenário da Câmara Municipal de Aracaju e a iniciativa partiu do líder da bancada de oposição na Casa, vereador Elber Batalha (PSB), através de um Decreto Legislativo aprovado por unanimidade por seus pares. Amigos e familiares prestigiaram o homenageado, que é natural de Japaratuba, no plenário e nas galerias da CMA.

Pedro Barros

Casado com Célia Lopes de Barros, Pedro Barros teve 10 filhos e construiu sua história como contador, fundando o Escritório Barros Filhos Contabilidade, sem contar que já exerceu diversos cargos no Governo de Sergipe, a frente da Secretaria da Casa Civil e atuando como secretário adjunto da Secretaria da Fazenda e como auditor fiscal de carreira. É também titular imortal da Academia Sergipana de Letras, ocupando a cadeira nº 22.

Elber Batalha

“Pedro Ferreira Barros já prestou relevantes serviços à sociedade aracajuana, principalmente no que diz respeito a contabilidade, área que desenvolveu com bastante primor em Aracaju. Este título só vem coroar a vida pública deste cidadão que tanto contribuiu para nossa cidade”, disse o vereador Elber Batalha.

Agradecimento

Emocionado Pedro Barros viu sua filha, a juíza de Direito Maria de Fátima Barros, ler seu discurso para os presentes. “Recebo esta honraria com muita humildade porque representa mais uma etapa nesta minha longa caminhada. Estou imensamente agradecido a Deus e a todos que me acompanharam nesta jornada. Aprendi a amar Aracaju, que é uma cidade que me proporcionou tudo que tenho, tanto ascensão sócio-econômico-cultural, quanto na formação da minha família”, falou em nome do novo cidadão aracajuano.

Hotel Sesc I

O Hotel Sesc Atalaia, empreendimento da rede hoteleira do Serviço Social do Comércio, foi apresentado para profissionais da imprensa, durante um café da manhã nessa terça-feira (28), que também conheceram a estrutura do hotel. A apresentação foi feita pelo presidente do Sistema Fecomércio, Laércio Oliveira, que também guiou os convidados pelas instalações do hotel, apresentando toda a aparelhagem de recepção, quartos, parque aquático, academia, espaços para eventos e restaurante da unidade.

Hotel Sesc II

Laércio Oliveira destacou a realização da obra e lembrou que o empreendimento trará muito retorno para toda a cadeia produtiva do turismo em Sergipe. “Estamos entregando uma grande obra, com uma estrutura de alta qualidade para hospedagem, realização de eventos e lazer, para o público comerciário brasileiro que terá no Hotel Sesc Atalaia, um dos hotéis mais bonitos, confortáveis e com uma grande infraestrutura turística ao seu redor”.

Investimento

Esse hotel é um investimento de mais de 45 milhões de reais, totalmente direcionado para o público comerciário. Com isso, deixamos de ser um estado meramente emissor de turistas pelo programa Turismo Social, que oferece hospedagem a baixo custo para o comerciário, para também nos tornarmos receptores. O turismo sergipano ganha com isso, pois o público assistido pelo Sesc em todo o país passará a vir para Aracaju, onde também injetará divisas nos empreendimentos turísticos”, disse Laércio.

Inauguração

O Hotel Sesc Atalaia será inaugurado nesta quinta-feira (30), em uma cerimônia preparada para receber mil e quinhentos convidados. Os serviços desenvolvidos no hotel serão providos pelo próprio Sesc e pelo Senac, por meio da Escola de Hotelaria, onde os alunos aprenderão a teoria no curso em desenvolvimento, para colocar a prática na unidade hoteleira. Assim, atendendo a sua finalidade educacional. A unidade de hotelaria Sesc Atalaia funcionará com 60 apartamentos ofertados para o público.

Feira I

Nos dias 16 e 17 de dezembro, Aracaju terá mais um espaço voltado para o artesanato, os saberes do povo, práticas manuais e textuais, confecção, expressão linguística e corporal. Trata-se da Feira do Mangaio, evento cultural que ocorre das 16h às 21h na área externa da biblioteca Epifânio Dória. O evento, que já está em sua VI edição, surgiu com a proposta de criar um ambiente atrativo, comunicativo, comercial, plural e cultural. “É uma maneira de fomentar a economia criativa e a cultura de rua”, apontou Tatiane Costa, idealizadora do projeto.

Feira II

A feira também contará com diversas apresentações culturais e musicais. Tatiane explica que o palco do evento será aberto para artistas sergipanos. “Isso propõe aos expositores e visitantes uma grande diversidade de ritmos e estilos, valorizando e incentivando as nossas raízes, abrindo espaço para novos ritmos e cores da música de Sergipe” avaliou. Pelo palco da feira já passaram bandas e artistas dos mais variados ritmos, a exemplo de Samba, rock, reggae, ritmos percussivos, e sons da nossa cultura popular, a exemplo do samba de coco, maracatu, práticas circenses, entre outros.

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com