16/12/17 - 10:59:18

Angústia de JB é perceptível com finanças e desgaste de seu governo!

Quem conhece o perfil e a história do governador Jackson Barreto (PMDB) sabe que sua marca é de ser um político aguerrido, determinado a vencer e pronto para qualquer embate político, seja com um adversário ou até mesmo com algum aliado insatisfeito. JB não é de levar desaforo para casa e gosta de impor suas posições, de liderar seu agrupamento, de dar as “cartas do jogo”. Para muitos é na atualidade o melhor do Estado em articulações políticas, em tratativas e amarras. Sem contar que sabe usar como ninguém a relação com o povo para reverter os momentos difíceis.

Mas o final de dezembro não tem sido nada animador para Jackson Barreto. 2017 foi um ano por demais turbulento e suas últimas aparições revelam um semblante diferente, é perceptível sua angústia, certamente com os problemas financeiros que o Estado atravessa e as consequências disso do ponto de vista político. Muitas vezes parece que o governador está refletindo sobre uma saída difícil de encontrar. Passa impressão que está acuado, retraído e sem disposição para os embates. Está vendo diante de si um quadro totalmente desfavorável.

Jackson Barreto tem em suas mãos uma decisão política importante: seguir no governo até o final e se aposentar da vida pública ou buscar um mandato de oito anos no Senado Federal, mas ter que entregar o comando do Estado para seu vice, Belivaldo Chagas (PMDB), que tende a ser o candidato do agrupamento ao governo no próximo ano. O “galeguinho” está se movimentando bem, tem aparecido com frequência, mas seu maior adversário é o governo que compõe, que não impulsiona sua candidatura pelo desgaste que acumula, com deficiências graves em áreas vitais da administração pública.

JB já definiu Belivaldo como candidato, mas ainda não se definiu, ainda não “bateu o martelo”. Pode deixar para o vice um “presente de grego”, com o Estado como o mais violento do Brasil, com a Educação com taxas de alfabetização baixíssimas, com uma Saúde cercada de denúncias e insatisfações, sem uma política social eficiente e com as finanças em baixa, com atrasos de rendimentos, sem reposição salarial e sem recursos próprios para contrapartidas. O governo está a base de empréstimos com bancos e renegociações de dívidas.

Em síntese, JB pode muito bem decidir disputar o Senado e usar toda a herança política que acumulou para se eleger, mas está percebendo que muitos outros, que lhe acompanham por anos na vida pública, tendem a ficar para trás. Sua administração esbarra na modernidade dos tempos, na evolução das técnicas de gestão, na falta de um corpo técnico dinâmico e eficiente. A crise é uma realidade, o funcionalismo está desvalorizado e insatisfeito e o tempo é escasso. Logo a cobrança dos aliados vai aumentar e o governador terá que se manifestar…

 Veja essa!

Não adiantou o esperneio da oposição tentando defender os servidores: temendo ter sua situação financeira completamente destruída, o governo do Estado aprovou, por maioria, na Assembleia Legislativa, o “PL do congelamento”.

 E essa!

Votaram contrários ao projeto os deputados Georgeo Passos (PTC), Maria Mendonça (PP), Vanderbal Marinho (PTC), Gilmar Carvalho, Capitão Samuel (PSL), Moritos Matos (PROS) e Ana Lúcia (PT) e Antônio dos Santos (PSC).

 Alô servidor!

Quem melhor explicou a realidade foi o deputado Georgeo Passos. “O momento é delicado, mas no próximo ano o governo só vai poder gastar o mesmo do que foi feito em 2017, mais a inflação do período que varia de 1,8% a 2,5%. Essa é a margem de crescimento que temos para 2018 e 2019. Nossa folha de pessoal todo mês aumenta”, pontuou.

 Georgeo Passos

“Os servidores de carreira começam a progredir em suas funções e quem entrou pelo PCCV tem direitos garantidos. Aí já fecha essa conta da inflação. O Estado ficando abaixo dos limites da LRF vai implementar benefícios já concedidos, como melhorias para os procuradores do MPE, a partir de janeiro, e o subsídio para policiais e bombeiros militares a partir de 1º de abril. Ou o governo cortará na carne ou estes benefícios não serão concedidos”, alerta Georgeo Passos.

 Ainda Temer!

Por sua vez, o deputado Francisco Gualberto disse que a lei em Sergipe são reflexos da política adotada pelo governo do presidente da República, Michel Temer (PMDB), de “congelamentos de direitos dos trabalhadores”. “Quero agradecer aos deputados da bancada e setores do governo que atenderam até o último minuto a nossa tese. Assumo a responsabilidade independente das consequências. Bahia e Ceará disseram que iam resistir para não ficarem subordinados à pressão federal. Nada mudou desde a nossa emenda supressiva e nem nossa posição contra os congelamentos”.

 Francisco Gualberto

“14 Estados que, de uma forma ou de outra, apresentavam reação, mas entenderam que não podiam assassinar todos os soldados do pelotão. Sabíamos que seria difícil. Pedi apenas que a gente resistisse até o último momento. A decisão do ministro Gilmar Mendes negando a liminar da Bahia, sobre as negociações, significa que não aderir é voltar a pagar os valores questionados judicialmente, que nós ajuizamos a dívida, questionando os juros. É uma situação difícil, mas eu não vou me acovardar”, completou Francisco Gualberto.

 Orçamento

Em plenário, um PL que geralmente gera embates, a terceira votação da Lei Orçamentária para o exercício de 2018, momento em que os parlamentares apresentam as emendas, passou sem questionamentos. A discussão das emendas já havia ocorrido na segunda-feira, nas Comissões Temáticas. O orçamento para o próximo ano, estimando a receita e fixando a defesa, tem previsão de uma receita total de R$ 9.474.225.917,00. A proposta foi aprovada com uma emenda aditiva e três emendas modificativas.

 Entregou

Conforme anunciado, com exclusividade, por este colunista, o deputado estadual Georgeo Passos entregou o cargo de líder da oposição após a última sessão plenária do ano legislativo. Após o recesso a bancada deverá se reunir para definir um novo nome para comandar o posto em 2018.

 Luciano Pimentel

Muito complicado entender o comportamento político do deputado estadual Luciano Pimentel (PSB). Membro da oposição, o parlamentar tem se ausentado de votações polêmicas na Casa. Ontem não apareceu para votar contra o “congelamento”. Dia desses chegou a discursar contra um projeto do Executivo e, na hora da votação, ficou favorável. Ninguém entendeu. Nem o PSB…

 Judiciário

Também foram aprovados um projeto do Poder Judiciário que altera e consolida a legislação estadual sobre custas judiciais estabelecendo a tabela de taxa judiciária. A proposta passou com os votos contrários dos deputados Georgeo Passos e Moritos Matos.

 Tribunal de Contas

Do Tribunal de Contas foi aprovada uma proposta que acresce percentual de revisão anual do vencimento básico dos servidores integrantes do quadro de pessoal efetivo do TCE, estabelecendo um acréscimo no vencimento de cargos em comissão e de funções de confiança do mesmo tribunal.

 Falando no TCE

Bastante concorrida a posse do conselheiro Ulices Andrade na presidência do TCE, nessa sexta-feira (15). Deputados, prefeitos, advogados, magistrados, empresários e a imprensa estavam presentes. Também foram empossados para a Mesa, os conselheiros Carlos Alberto Sobral (vice-presidente) e Angélica Guimarães (corregedora-geral). Eles começam a atuar no dia 2 de janeiro.

 Igreja Universal

Circula nas redes sociais uma postagem da Igreja Universal em Sergipe com a seguinte mensagem: “A título de esclarecimento, a Igreja Universal do Reino de Deus informa que José Heleno Silva e Jony Marcos de Souza Araújo, antes pastores licenciados, não pertencem mais ao nosso corpo eclesiástico desde novembro de 2016, em decorrência da opção pessoal pela continuidade exclusiva, na vida pública”.

 Heleno e Jony fora?

A coluna deixa o espaço em aberto para uma explicação tanto de Heleno Silva, pré-candidato ao Senado Federal, quanto para o deputado federal Jony Silva, sobre essa informação de que os mesmos não são mais pastores da Igreja Universal. Este colunista não tinha conhecimento do desligamento deles da Igreja.

 Ulices Andrade I

Em seu discurso, Ulices firmou o compromisso de ser um parceiro de todos aqueles que trabalhem no serviço público com responsabilidade, eficiência, honestidade, transparência e claros objetivos republicanos. “Isso não significa que o TCE vai relaxar, vai transigir ou abrir mão de seu papel de fiscalizar com rigor, julgar com isenção e, quando for o caso, punir dentro da lei a todo e qualquer gestor que contrarie ou desrespeite os princípios fundamentais da administração: interesse público, eficiência, transparência e moralidade”.

 Ulices Andrade II

O conselheiro também destacou que, por mais difícil que seja o momento para o país – de “crise social, econômica, política e moral” – há que se ter esperança. “A hora é de renovar a esperança, tomar atitude firme e promover a devida reconstrução. É hora de todo mundo juntar forças e superar as dificuldades, é o que, sinceramente creio, Sergipe e o Brasil esperam de todos nós. Atento e vigilante, o Tribunal de Contas do Estado de Sergipe seguirá cumprindo o seu papel, fazendo a sua parte”.

 Clovis Barbosa

Assim que terminou a solenidade, um dos primeiros a se retirar do auditório foi o conselheiro Clóvis Barbosa. Em seu discurso, chamou a atenção quando tentou minimizar os desconfortos gerados com os demais conselheiros. Disse que fez tudo por amor. Imagine se não fosse…

 André Moura

O Plano Nacional de Juventude, que prevê metas a serem alcançadas em relação aos jovens e traz responsabilidades para o Poder Público, foi tema do encontro entre o líder no Congresso Nacional, André Moura (PSC), e o secretário nacional de juventude, Francisco de Assis Costa Filho. A audiência, que ocorreu no gabinete da liderança, contou ainda com as presenças do deputado federal André Amaral (PMDB/PB) e do secretário executivo do Conselho Nacional de Juventude, Saulo Spinelly.

 Apelo

As lideranças jovens solicitaram o apoio do líder para que o plano seja colocado em votação o quanto antes dentro do Congresso. “Contamos com a influência do André para que nos ajude a colocar em discussão entre os parlamentares os temas de interesse dos jovens brasileiros”, declarou o secretário nacional Francisco Filho. “As pautas que envolvem os jovens são temas importantes e positivos, têm a simpatia de todos nós. Podem ter certeza que trabalharemos para pautar o plano o quanto antes”, declarou o líder.

Maria Mendonça

A deputada estadual Maria Mendonça (PP) lamentou que os servidores estaduais sejam, mais uma vez, “penalizados pela falta de planejamento do Governo com as finanças do Estado”. Ao manifestar seu voto contrário ao Projeto que autoriza o congelamento de investimentos pelos próximos dois anos, Maria demonstrou preocupação com “outras áreas essenciais que enfrentam dificuldades e podem ficar sem os recursos necessários para o custeio uma vez que as despesas serão limitadas”.

 Sem preocupação 

A deputada questionou o discurso de crise alardeado pelo Governo e apontou sua  incapacidade para adotar medidas capazes de, efetivamente, sanar as dificuldades financeiras. “Por que o Governo não reduziu a sua estrutura no que diz respeito ao número de Secretarias, de cargos comissionados?”, indagou Maria, ao ressaltar que, a seu ver, o Governo comprova a falta de “preocupação em buscar as condições necessárias para organizar as contas do Estado”.

 Goretti Reis

A deputada estadual Goretti Reis parabenizou o secretário de Educação, Jorge Carvalho e os diretores do Colégio Atheneu Sergipense, Daniel Mauro Souza Lemos e do Colégio Estadual Dr. Milton Dortas em Simão Dias, Daniela Santos Silva, pelo excelente desempenho no Enem 2016.

 Médias

O Jornal Folha de São Paulo (Folha), publicou as médias por escola no Exame Nacional de Ensino Médio 2016 e em Sergipe as duas escolas foram citadas, o Atheneu (unidade que oferta ensino integral) e o Colégio Milton Dortas, localizado no município de Simão Dias  ” Precisamos dar ênfase a essas ações positivas de nosso Estado. Criticar quando for preciso e enaltecer quando houver o merecimento”.

 Emília Corrêa I

A vereadora Emília Corrêa (PEN) demonstra preocupação com o risco da presença de focos da dengue nos espelhos d’água da Praia Formosa.  Segundo Emília, o cartão postal da cidade apresenta vários indícios do mosquito. De acordo com a parlamentar, em recente visita a Praia Formosa, na capital, pôde identificar ambientes propícios para criadouros do mosquito Aedes

Aegypti. O local é bastante frequentado e chama a atenção a falta de manutenção do espaço.

 Emília Corrêa II

“Os espelhos d’água do local estão em completo abandono, sendo possível perceber inclusive a presença de lixo; a situação preocupa por conta da facilidade da proliferação do mosquito transmissor da dengue e outras doenças muito perigosas”, destacou.

 Canarinhos
O Coral Canarinhos de Aracaju se apresenta na próxima sexta-feira (22), às 17h30, na sede da Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (ACESE), para todo o comércio.

 Senac I

Os 18 pacientes atendidos pelo Centro Terapêutico Recomeçar, dedicado à reabilitação e ressocialização de dependentes químicos, ganharam um importante reforço em seus tratamentos. Graças a um acordo firmado entre o presidente do Sistema Fecomércio, Laércio Oliveira, e o diretor do Recomeçar, Jorge Gomide, o Senac/SE deu início à oferta de cursos de curta duração para os residentes do centro terapêutico localizado no bairro Atalaia, em Aracaju.

 Senac II

O primeiro curso oferecido, entre os dias 11 e 14 de dezembro, foi o de Bombons e Trufas, ministrado pelo instrutor Amintas Diniz. Desta oficina participaram 12 residentes, onde puderam aprender a produzir variedades dos doces utilizando as técnicas, instrumentos e os produtos necessários.

 Estância

A Prefeitura de Estância, por meio da Secretaria Municipal da Cultura e Turismo, inaugurou a cidade cenográfica natalina “Natal Iluminado de Estância”, montada na Praça Barão do Rio Branco, com uma programação especial com apresentação do Coral  Estanciano Vozes da Cidade Jardim, recital Poético do Clube dos Poetas Maria e o Anjo (Anunciação), além da apresentação da cantora Gospel Fernanda Azevedo e do grupo RR Instrumental. A programação do Natal Iluminado de Estância segue até o dia 30 de dezembro, com diversas atrações culturais todas as noites.

 CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com