24/01/18 - 14:06:45

Banese tem programa de gestão e continuidade de negócios

Programa protege o banco contra eventos adversos

Cerca de 50 gerentes de Área e superintendentes do Banco do Estado de Sergipe (Banese) se reuniram esta semana, na sede do banco em Aracaju, para tratar do Programa de Gestão de Continuidade de Negócios da instituição. Segundo o superintendente de Controladoria do Banese, Aléssio Rezende, o objetivo do programa é preparar o banco para suportar eventos adversos que possam pôr em risco o funcionamento regular da organização.

“Iniciado em 2010, o programa é revisado anualmente, de forma a definir procedimentos de trabalho e preparação de infraestrutura capazes de manter a continuidade de negócios do banco durante eventos inesperados como a interrupção de serviços de telecomunicações ou de energia, entre outros riscos”, informou o superintendente.

Ainda de acordo com ele, todas as estratégias do programa para o primeiro semestre de 2018 já foram definidas. “Agora estamos começando a fase de execução e é bom lembrar que o Banese hoje está cada vez mais dependente de tecnologia e por isso precisamos revisar periodicamente toda a estrutura tecnológica e de negócios do banco que dependem de tecnologia, para estarmos sempre preparados para os eventos adversos”, acentuou.

Para o gerente da Área de Segurança da Informação e Continuidade de Negócios do Banese, Matheus Luiz de Oliveira Vieira, a reunião dos gestores do banco foi muito positiva. “Acho que o encontro conseguiu atingir o seu objetivo que era mostrar a importância desse trabalho que está sendo desenvolvido pelo banco e engajar os gestores do Banese a participar das estratégias definidas pelo Programa de Gestão de Continuidade de Negócios”, disse Matheus.

Também participou do evento, como palestrante, a consultora Priscila Alves Perna, especialista em Gestão e Continuidade de Negócios da FBM Consultoria, empresa contratada pelo banco para prestar serviços de assessoria no processo de elaboração dos planos de continuidade de negócios em cenários inesperados. A definição desses planos, segundo o Banese, além de atender a recomendações do Banco Central, minimizando potenciais impactos, proporciona benefícios ao banco e aumenta a confiança dos clientes na organização.

Por Jose da Conceiçao Andrade