25/01/18 - 09:39:03

Condenação de Lula atrapalha Rogério e fortalece a oposição para o Senado!

O esperado julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), condenado ontem por 3×0, pelos desembargadores da 8ª Turma em Porto Alegre (RS), e tendo ampliada sua pena de prisão para 12 anos e um mês, com início em regime fechado, terá reflexos diretos no processo eleitoral de todo o País, sobretudo em Sergipe. Os escassos recursos contra a decisão do petista (embargos de declaração), não criam muitas perspectivas para uma mudança no cenário político aqui no Estado.

Este colunista já havia analisado que uma decisão favorável a Lula fortaleceria, e muito, o Partido dos Trabalhadores no processo sergipano. O já pré-candidato a senador da República, Rogério Carvalho, se conseguir a regularidade eleitoral, iria para a disputa com condições de igualdade perante seus adversários e com grandes chances de vitória. Não há como negar que a condenação caiu como uma “ducha de água fria” no projeto político de Rogério, que agora terá que costurar, e muito, para manter sua pré-candidatura “viva” em um embate direto com o Pastor Heleno Silva (PRB).

Outro político que esperava com ansiedade o julgamento, que vinha aguardando em sigilo, mas com bastante atenção, era o governador Jackson Barreto (MDB). Há uma expectativa sobre uma pré-candidatura dele ou não ao Senado e, se ele vai deixar ou não o comando do Executivo até abril. Com Lula livre para disputar a presidência, JB já poderia “desembarcar” do MDB e certamente daria um “chute” no presidente Michel Temer (MDB) e partiria para o confronto direto contra o governo federal e contra o líder do Congresso Nacional, deputado André Moura (PSC).

A condenação de Lula muda completamente o projeto político do próprio Jackson Barreto, que agora pensará duas vezes em romper com o presidente da República e correr o risco de perder o comando do MDB em Sergipe. Há quem avalie que, para garantir sua eleição no Senado, JB não deixaria seu partido, o que pode criar desconforto para seus aliados no Estado. Uma posição que, para este colunista, deve ser considerada a partir de agora, é a continuidade do governador no cargo até o final do ano, focado na pré-candidatura do vice, Belivaldo Chagas (MDB).

Agora um político que se fortalece muito com a condenação do ex-presidente Lula e o enfraquecimento do Partido dos Trabalhadores é o deputado federal André Moura. Com futuro político indefinido, o parlamentar tanto pode disputar a reeleição em 2018, como também tem estrutura para concorrer a uma vaga de senador ou até mesmo disputar o governo do Estado. Talvez não seja o momento ainda de tentar chegar ao Palácio de Despachos, mas está claro que com o PT e aliados fragilizados, e com a estrutura do governo federal que tem em mãos, André passa a ser um fortíssimo candidato para o Senado.

E algo que era improvável para muita gente, já é uma realidade para o mundo político: diante do desgaste do governo do Estado e com o PT enfraquecido em Sergipe, se estiver organizada e estruturada, a oposição pode repetir o feito da eleição de 2010, quando um mesmo agrupamento elegeu dois senadores do mesmo bloco: Eduardo Amorim (PSDB) e Valadares (PSB), que hoje estão juntos e ambos podem disputar a reeleição ou um dos dois pode concorrer ao governo. Em síntese, a condenação de Lula terá reflexos diretos na política sergipana e algumas mudanças já deverão ser sentidas logo após o Carnaval…

 

Veja essa!

Pode ser uma estratégia do Partido dos Trabalhadores de manter a pré-candidatura de Lula para a presidência da República, apostando em um recurso no STJ ou no STF ou até, na troca do candidato durante o processo eleitoral. Mas vale considerar o risco de ele vir a ser preso bem antes da campanha.

 

E essa!

Para a militância petista a prisão de Lula poderia ser usada politicamente, mas o problema é encontrar outro partido disposto a apostar seu resultado no processo eleitoral diante da incerteza sobre o futuro do ex-presidente. A tendência é que o PT ou lance outro nome ou que seus aliados apostem em outra pré-candidatura…

 

Sem referências

O fracasso do PT ficou evidente no processo eleitoral de 2016 em todo o País, com a diminuição do seu tamanho. Em Sergipe, sem Deda (in memoriam) e agora sem Lula, o partido fica sem suas principais referências aqui no Estado. Terá voz, como sempre, mas terá que gritar “mais alto” para ser ouvido…

 

Chapinha

Com Lula condenado, se mantiver a pré-candidatura de deputado federal, Márcio Macedo vai atrapalhar, e muito, o projeto político de João Daniel (PT), que buscará a reeleição. Fala-se que o partido quer uma chapinha para federal. Os aliados não aceitam e isso vai gerar muitas discussões.

 

Lixo I

Este colunista andou pesquisando seus “arquivos implacáveis” e encontrou, em 2017, o resultado da Operação Babel, do Departamento de Crimes contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap), registrado na 3ª Vara Criminal de Aracaju.

 

Lixo II

O inquérito instaurado para apurar irregularidades na contratação da empresa de coleta de lixo em Aracaju resultou no indiciamento de 14 pessoas incluindo proprietários e funcionários da empresa Torre, servidores públicos da Empresa Municipal de Serviços Públicos (Emsurb) e membros do Sindicato dos Trabalhadores da Limpeza Pública e Comercial do Estado de Sergipe (Sindlimp).

 

Eles voltaram I

Quase um ano depois, além da TORRE que venceu o processo licitatório de concorrência pública, também retornaram à Prefeitura de Aracaju José Reinaldo de Souza e José Roberto Gomes do Carmo, então diretor de limpeza e gerente operacional da Emsurb, respectivamente.

 

Eles voltaram II

Segundo informações levantadas por este colunista, José Reinaldo de Souza voltou como diretor de arrecadação do órgão e José Roberto Gomes do Carmo como diretor administrativo, com prestígio para indicar comissionados e colocar o pessoal para trabalhar. Deram a volta por cima, literalmente…

 

Zezinho Sobral I

O secretário de Assistência Social do Estado, Zezinho Sobral, foi entrevistado pelo radialista Gilmar Carvalho, nessa quinta-feira (25) e comentou as declarações dadas pelo deputado estadual Zezinho Guimarães (MDB) a este colunista, sobre a formação de “chapinhas” de deputado estadual.

 

Zezinho Sobral II

O deputado disse que só aceita “chapão” e cobrou a saída dos “secretários candidatos”. Zezinho Sobral disse que o “tempo” é do governador e que isso deverá ocorrer do final de fevereiro em diante.

 

Chapinhas

Zezinho Sobral disse a Gilmar Carvalho que, sobre as chapinhas, vão buscar este caminho os partidos aliados que não estiverem compondo a chapa majoritária, ou seja: quem indica governador, vice e os senadores vai no chapão; quem não indica, fica livre para ir na chapinha;

 

Conversas

Zezinho Sobral revelou ainda que tem mantido conversações entre o seu PODEMOS e partidos como o PMN, Solidariedade e o PCdoB, que não devem indicar nomes para compor a chapa majoritária em 2018.

 

Gustinho Ribeiro I

O deputado estadual Gustinho Ribeiro (PRP), parceiro da administração do prefeito de Lagarto, Valmir Monteiro (PSC), cobra do diretor-presidente da Deso (Companhia de Saneamento de Sergipe), Carlos Melo, mais atenção nos serviços realizados pela empresa que, segundo o parlamentar, deixaram várias ruas do município completamente esburacadas.

 

Gustinho Ribeiro II

Já foram realizadas reuniões com o prefeito Valmir Monteiro e o diretor-presidente da Deso, Carlos Melo, além de audiências com as partes envolvidas no Ministério Público Estadual e, até o momento, a situação continua crítica. “A Deso fez seus serviços e deixou as crateras abertas em Lagarto”, denuncia o deputado.

 

Buracos da Deso

Segundo Gustinho Ribeiro, a população do município tem reclamado da quantidade de buracos e, vez ou outra, acaba responsabilizando a prefeitura indevidamente. “As pessoas geralmente não sabem que o serviço executado foi feito pela Deso e que aqueles buracos deixados não são de responsabilidade da prefeitura”.

 

Cobrança

O deputado foi mais além e cobrou uma ação emergencial da Companhia no município. “Vários serviços de esgotamento da Deso, que foram realizados em Lagarto, deixaram as diversas ruas da cidade esburacadas. Se os serviços precisam ser executados, acho que não custa um contato e uma parceria com a prefeitura municipal. E isso tem que ser feito logo, agora no verão”.

 

Lagarto

Gustinho finalizou dizendo que o prefeito Valmir Monteiro não pode ser condenado e nem o povo de Lagarto deve ser prejudicado. “O prefeito Valmir Monteiro ter a dura missão de reconstruir uma cidade que ficou abandonada por quatro anos. Já são muitos os problemas a serem resolvidos e não dá para ficar calado vendo a Deso operando e deixando tantos buracos pelas ruas do município”.

 

Samuel I

Com objetivo de prestar o seu apoio à categoria, o deputado estadual Capitão Samuel participou, da eleição da nova diretoria do Sindicato dos Vigilantes do Setor Público do Estado de Sergipe, que está acontecendo neste momento na Escola do Legislativo de Sergipe.

 

Samuel II

Segundo o Capitão Samuel os vigilantes precisam de um representante que sempre busque o fortalecimento da categoria. “Eu sempre estive ao lado dos vigilantes do estado e pudemos proporcionar grandes avanços. Espero que o novo presidente consiga manter essa evolução, onde o meu gabinete estará sempre á disposição”, declara.

 

Kitty Lima I

A vereadora Kitty Lima (REDE) esteve reunida com o superintendente Municipal de Transporte e Trânsito de Aracaju (SMTT), Aristóteles Fernandes, para tratar sobre o cadastramento e regulamentação do trânsito de veículos de tração animal na capital e cobrar uma fiscalização efetiva ao transporte irregular de resíduos da construção civil realizado por meio de carroças.

 

Kitty Lima II

O encontro foi motivado após a parlamentar ser informada pela Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) que a  sequência numérica dos lacres para o emplacamento das carroças está pronta. “Fui comunicada que os lacres já foram adquiridos e estarão disponíveis para instalação nos veículos em 15 dias. O que precisamos neste momento é ter o cadastro dos carroceiros e das carroças atualizado para darmos início ao emplacamento”, explicou a vereadora.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com