06/02/18 - 00:01:12

CERTA APREENSÃO NOS BASTIDORES

DIÓGENES BRAYNERplenario@faxaju.com.br

Os entendimentos para as eleições continuam firmes nos bastidores. Os acontecimentos deste final de semana deixaram nítida impressão de que o deputado federal André Moura (PSC) pretende disputar o Governo do Estado. Agiu como se já estivesse candidato, tanto na solenidade em que o Ministério das Cidades liberou recursos para a Prefeitura de Aracaju, quanto na frequência assídua aos blocos que foram às ruas no final de semana.

Nenhum dos políticos foi tão folião, exatamente em um momento que essa onipresença chama atenção pelo ano do pleito.

Mesmo assim há muito chão pela frente, embora parte significativa dos políticos passe a impressão que está no mesmo bloco. Pelo menos nesse período de carnaval, em que as declarações podem ser esquecidas já na quarta-feira de cinzas. O PSB não demonstra, mas está chateado com os acontecimentos. Apesar disso, ainda atua para encontrar o melhor caminho que leve a um entendimento que também o favoreça.

Se depender do PSC esse é um problema que não afeta o bloco da oposição, mesmo com a consciência de que o senador Valadares tem sempre um bom índice de aceitação junto ao eleitorado. Não dá ainda para saber o que vai acontecer na batida final do martelo. É que as conversas com o PSDB vão continuar para formação da chapa majoritária.

A base aliada também está um pouco apreensiva, com o momento em que o governador Jackson Barreto enfrenta. JB está muito triste com a situação financeira de Sergipe e busca solucionar o problema. Encontra dificuldades com o tamanho do buraco negro, principalmente na folha de pagamento do servidor, que o deixa magoado.

Fala-se que pode recuar da disputa pelo Senado, mas as lideranças que o cercam têm certeza que Jackson manterá a candidatura e não terá dificuldade em eleger-se pela sua própria história. É um cenário um pouco tumultuado, mas que ninguém imagina uma derrota nas eleições de outubro. É esperar para ver…

PINTA PARA GOVERNADOR

O deputado federal André Moura (PSC) quer ser candidato a governador em outubro, mas sem entrar em conflito com Eduardo Amorim (PSDB), que lançou o nome antes.

André já não esconde que Senado será sua segunda opção.

AINDA TERÁ CONVERSAS

A partir de agora, lideranças da oposição vão tentar convencer a Eduardo Amorim que a reeleição será o seu melhor caminho, em razão do crescimento do nome de André.

As conversas ainda não se iniciaram.

TEM MANTIDO CANDIDATURA

Eduardo tem mantido seu nome ao Governo, tanto que no final de semana esteve com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), e confirmou candidatura.

A mesma coisa aconteceu com o prefeito de São Paulo, João Dória.

JACKSON ESTÁ PREOCUPADO

O governador Jackson Barreto (MDB) está muito preocupado e triste com a situação financeira do Estado e no momento prefere não falar em candidatura ao Senado.

Já circula comentário de que JB não pensa mais em eleição.

O MAIOR PROBLEMA DE JB

O maior problema de Jackson Barreto é a questão do salário dos servidores e as medidas para controle da crise que também afeta funcionários.

Não gostaria que isso acontecesse exatamente no seu Governo.

FIEL A SEU GRUPO POLÍTICO

O prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) disse ontem que sempre será fiel ao seu grupo político. E citou que frequentemente se reúne com o governador Jackson Barreto.

Lembra que também declarou abertamente apoio a Belivaldo Chagas.

DEPOIS DE MARÇO PASSAR

Um pré-candidato a federal disse ontem (em off) que, “enquanto não houver o resultado do julgamento dos parlamentares pelo TSE, ninguém sabe como fica o quadro”.

Principalmente para proporcionais…

REUNIÃO SOBRE CAMPANHA

Nos próximos dias haverá reunião dos candidatos majoritários da base aliada ao Governo, para discutir pré-campanha, com foco inicial nas redes sociais.

Visa organizar a presença dos pré-candidatos na mídia via internet.

NÃO ESCOLHE CANDIDATOS

Belivaldo Chagas (MDB), pré-candidato a governador, está estruturando a sua campanha para disputar a sucessão, independente de quem seja seu adversário.

– Quem disputa eleição não vai se preocupar com quem será, disse um assessor.

PRESSÃO NOS GOVERNADORES

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), recebeu governadores ontem para incentivá-los a pressionar deputados a votar na reforma da Previdência.

Sergipe mandou um representante.

JB JÁ ESTÁ EM BRASÍLIA

Jackson Barreto chegou a Brasília ontem à tarde e com ele estavam secretários Valmor Barbosa (Seinfra) e Rosman Pereira (Seplag).

Trata sobre recursos e empréstimo do Finisa.

AGUARDANDO BELIVALDO ASSUMIR

Deputado Jony (PRB) disse que vai aguardar Belivaldo Chagas assumir o Governo, para ter conversa mais aprofundada sobre a presença do seu partido na chapa majoritária.

O PRB não abre da disputa pelo Senado.

JÁ VOTOU NO PT 11 VEZES

Jony disse ainda, durante encontro em São Cristóvão, que o PRB já votou 11 vezes no PT em várias eleições, sem criar qualquer problema.

E cobrou: “espero que o PT vote no PRB pelo menos uma única vez”.

SOBRE FUSÃO DE PASTAS

Ainda não há nada sobre a fusão de Secretarias, porque vai depender de aprovação da Alese. Mas está certo que vai acontecer até março.

Algumas fusões precisam de entendimento político.

AGUARDA DESFECHO PACIENTE

A cúpula do PSB em Sergipe está em silêncio. Aguarda pacientemente o desfecho do lançamento da chapa majoritária do bloco da oposição.

– Não temos pressa sobre isso, disse um deles.

AVISOU SOBRE OS RECURSOS

Antes mesmo do recesso, o deputado André Moura avisou que traria muitos recursos de Brasília para Prefeituras do interior e da Capital.

Está agora confirmando o que dissera.

JOÃO DANIEL SOBRE LULA

O deputado federal João Daniel (PT) disse ontem que o seu partido em Sergipe não trabalha com a possibilidade de Lula não ser candidato a presidente.

– Lula tem recurso legal e disputará o Planalto, acredita.

NOVAS CONVERSAS À FRENTE

O senador Eduardo Amorim (PSDB) e o deputado Valadares Filho (PSB) já têm novas conversas marcadas, para tentar uma saída para lançamento da chapa majoritária.

Ontem, no mesmo voo a Brasília, viajaram Amorim, André e Valadares Filho.

NÃO TEVE BOA REPERCUSSÃO

Não repercutiu bem o encontro promovido pelo prefeito de São Cristóvão, Marcos Santana, sábado passado, de apoio a Belivaldo Chagas a governador.

Faltou mais organização.

Notas

Governo mapeará resistência – Após se reunir com Michel Temer e o relator da reforma da Previdência, Arthur Maia (PPS), o ministro da Fazenda Henrique Meirelles afirmou o governo usará esta semana, marcada pela volta dos trabalhos no Congresso Nacional, para mapear os pontos de resistência dos parlamentares à proposta.

0x0

PGE contra voto impresso – A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, apresentou ação no STF pedindo a inconstitucionalidade do dispositivo que determina o voto impresso nas eleições deste ano. Dodge argumenta que a norma fere o direito do cidadão de sigilo ao voto e provoca risco à confiabilidade do sistema eleitoral.

0x0

Gilmar nega hábeas corpus – O ministro do STF Gilmar Mendes negou habeas corpus ao ex-goleiro Edinho, filho de Pelé. Ele foi condenado a 12 anos de prisão por lavagem de dinheiro e ligação com o tráfico de drogas. Ministro entendeu que ainda cabe recurso ao STJ e, portanto, o STF não poderia atuar.

0x0

Cristiane se considera julgada – A deputada federal Cristiane Brasil (PTB) divulgou nota em que se diz vítima de uma “campanha difamatória” que busca impedir sua posse no Ministério do Trabalho. Alega, ainda, que está sendo “julgada política e não juridicamente” e afirma que tem “a ficha limpa”.

0x0

Depoimento contra Lula – O publicitário João Santana e sua mulher, Mônica Moura, reafirmaram ontem a Sérgio Moro que receberam recursos não contabilizados em campanhas que participaram, incluindo as do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do PT. O casal prestou depoimento sobre o caso do sítio de Atibaia (SP).

0x0

Reforma será apreciada este mês – Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou ontem que concorda com o relator da reforma da Previdência, Arthur Maia (PPS-BA), segundo o qual a proposta precisa ser apreciada em fevereiro e que o adiamento do prazo pode acabar com a expectativa de aprovação do texto ainda neste ano.

Conversando

Uma nova onda – O final de semana foi de carnaval. Dezenas de blocos circularam em ruas dos bairros de Aracaju, arrastando multidões. Os blocos são a nova onda.

Maior fôlego – Vários políticos estiveram nos blocos e o deputado federal André Moura foi quem mostrou mais fôlego e participou de vários deles.

Acaba recesso – Os trabalhos legislativos começam hoje em Brasília, mas já na quinta-feira todos voltam aos seus Estados e só voltam ao trabalho dia 20.

Fim das carroças – Vereadora Kitty Lima discutiu com a vice-prefeita Eliane Aquino, o impacto social provocado pelo fim gradativo da circulação das carroças em Aracaju.

Monta chapa – O deputado federal Laércio Oliveira (SD) está conversando com empresários para montar sua chapa e disputar a Presidência do CNC.

Mudar modelo – Subtenente Edgard o pessoal ainda não entendeu que é preciso mudar o modelo de segurança pública e não inventar operações.

Monta estrutura – O bloco “Rasgadinho” começa hoje a montar sua estrutura nas ruas que fará o desfile e no local onde será realizada a festa.

Isso complica – Ministério Público Federal estuda ações contra parlamentares sócios de rádios e TVs e contra concentração da mídia.

Será importante? – É importante para o Brasil o PT reconhecer o novo presidente eleito? Ou tanto faz quanto tanto fez?