07/02/18 - 00:01:00

DISCUSSÃO SOBRE CANDIDATURA

DIÓGENES BRAYNERplenario@faxaju.com.br

Em nenhum momento, neste período mais recente, o governador Jackson Barreto (PMDB) falou que poderia recuar de sua candidatura ao Senado Federal. É verdade que JB expõe tristeza com a situação financeira de Sergipe, principalmente porque atinge os salários dos servidores, mas não se imagina fora da política, quando a sua presença é importante para a tentativa do seu bloco continuar no comando do Estado.

Nos últimos dias se falou à exaustão de provável fastio de Jackson quanto à disputa por uma vaga no Senado. Os aliados mais próximos, entretanto, não acreditam na hipótese e têm certeza que ele estará nos palanques em outubro, com a mesma “euforia de outras campanhas”, como disse o deputado federal Fábio Reis. Sabe-se que um recuo de JB a essa altura do campeonato traria um risco alto ao êxito do seu grupo no pleito. E isso não interessa ao governador.

A posição de alguns “dinossauros” do MDB em relação a Jackson permanecer no Governo e se recolher depois do mandato, a partir de janeiro de 2019, vem sendo vista como absurda no atual contexto, em que o enfrentamento político não será fácil e vai precisar de bons nomes para manter posições dentro do comando do Estado. As eleições deste ano terão ingredientes novos, que vão exigir mudanças com pitadas de experiência e sem se inserir em escândalos expostos… Ou não.

A opinião do secretário da Saúde, Almeida Lima (MDB), defendendo a permanência de JB no Governo e, logicamente, a não candidatura, ouriçou setores da base que desejam Jackson senador e que Belivaldo assuma o Estado. Teve quem visse nisso uma exposição de Lima para disputar o mandato. Mas também se expôs o receio de perder o comando de Pasta tão importante já a partir de abril.

De alguma forma, o fato criou um grande mal estar…

JÚNIOR NÃO SERÁ CANDIDATO

O empresário Wagner Junior (PP), neto do empresário Luciano Barreto, da Celi, não será mais candidato a deputado federal pela legenda, nas eleições de outubro.

Vai cuidar da empresa e concluir os estudos.

TERÁ OUTRO NOME A FEDERAL

O Partido Progressista, entretanto, analisa outro nome para lançar como candidato a deputado federal. O objetivo da legenda é ter um nome em Brasília.

Até o momento ninguém surgiu.

JACKSON ESTEVE COM MEIRELES

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse ontem a Jackson Barreto, em Brasília, que sairá resolução que autoriza o pagamento do Finisa.

Será no início do mês de março…

REFORMA DO AEROPORTO

O Tribunal de Contas da União (TCU) quer impedir que seja feita reforma do aeroporto de Aracaju, em razão de sua privatização.

Em Brasília, Jackson vai hoje ao TCU tentar reverter essa decisão.

SEM CAUSAR REPERCUSSÃO

Não teve grande repercussão política a prisão de um servidor do gabinete do deputado Valadares Filho (PSB), durante operação contra droga, ontem em Brasília.

É que todos conhecem bem o comportamento do parlamentar.

DEMISSÃO NA HORA

Valadares Filho agiu rápido ao demitir o motorista acusado de participar do tráfico de drogas e se colocou à disposição para esclarecimentos.

Além disso, lamentou muito o ocorrido.

EDUARDO FALA SOBRE ANDRÉ

O senador Eduardo Amorim (PSDB) disse ontem que ele e André Moura (PSC) “temos uma amizade muito forte e com respeito. Entendemos-nos muito bem”.

Deixa claro que as decisões do grupo serão “pacíficas e em consenso”.

QUESTÃO SOBRE DISPUTAR GOVERNO

A declaração de Eduardo Amorim refere-se à informação que circulou na mídia, de que André quer disputar o Governo, mas depende do senador Amorim querer a reeleição.

– Isso não existe, nós dois nos entendemos pelo olhar, disse Eduardo.

PSB ASSUME PROTAGONISMO

Fonte do PSB diz que o partido mantém a decisão de só tratar de candidaturas depois de março ou abril e aguarda com paciência o desenrolar dos acontecimentos.

– O PSB nunca deixará de assumir o protagonismo exigido por nossos eleitores, disse.

DEPUTADOS FICAM EM SILÊNCIO

Maioria dos deputados de Sergipe que será julgada na semana seguinte após o carnaval, pelo TSE, está preferindo ficar em silêncio neste período.

Só vai tratar da reeleição se não for condenado.

RECEBIDO COMO FOGO AMIGO

A sugestão do secretário da Saúde, Almeida Lima, para que Jackson Barreto não dispute o Senado Federal, foi visto como ‘fogo amigo’ pela maioria que o quer nos palanques.

Pessoal acha que Almeida ‘atira’ na pré-candidatura de Belivaldo Chagas.

GOSTARIA DE SER ELE O NOME

Dentro da base aliada, comenta-se que Almeida Lima gostaria de ser ele o indicado para disputar o Governo, como até já propôs alguns dos amigos próximos.

Aliás, parte da ‘velha guarda’ do MDB pensa como Almeida.

UMA NOVA FASE DO GOVERNO

Belivaldo Chagas (PSB) ao assumir o Governo, com a saída de Jackson para disputar o Senado, tem que dar o tom de mudança imediata na estrutura administrativa.

Será uma espécie de ‘amostra’ da atuação nos quatro anos à frente do Estado.

SAÚDE EM SÃO CRISTÓVÃO

Chega denúncia que a Saúde no município de São Cristóvão é caótica. Faltam médicos e insumos nos postos da sede, povoados e conjuntos.

O comentário é que a titular da Pasta “é fantasma”.

IVAN LEITE CITADO NO PRB

Durante reunião da bancada do PRB, com o presidente nacional do partido, Marcos Pereira, ontem em Brasília, o nome do ex-prefeito de Estância Ivan Leite foi citado.

O pessoal lamentou Ivan não ter aceitado o Ministério da Indústria e Comércio.

ERA O PRIMEIRO DA RELAÇÃO

Ivan Leite era o mais cotado para assumir o Ministério, por indicação também do ex-ministro Marcos Pereira, mas recusou porque preferiu administrar a Sulgipe.

O ministro interino Marcos Jorge assumiu definitivamente.

PPS ESTÁ NA OPOSIÇÃO

Presidente do PPS, Clóvis Silveira, disse ontem que o seu partido tem posição firmada na oposição, seja com André Moura ou Eduardo Amorim ao Governo e Senado.

Acha que logo após o carnaval a oposição anuncia a chapa majoritária.

ANÚNCIO ATRAVÉS DE COLETIVA

O PPS, entretanto, fará o anúncio oficial de sua participação na oposição durante entrevista coletiva, já marcada para o dia 23 deste mês.

Coincidentemente, dia do aniversário de André Moura.

Notas

Reclamação sobre revista íntima – Mulheres e mães de presos do Complexo Médico Penal de Pinhais, incluindo detidos pela Lava Jato, reclamaram das condições da revista íntima. Em 05 de janeiro, elas mandaram uma carta à administração do presídio relatando lixo, ratos, fezes de pássaros e mau cheiro no local.

0x0

Sobre auxílio moradia – Sexta-feira passada, o Poder360 mostrou que só 10 dos 430 magistrados do TRF-4 não recebem auxílio-moradia. Desses 10, apenas um juiz optou espontaneamente por abdicar do benefício. Os outros nove foram impedidos porque são casados com pessoas que já são beneficiadas, o que é barrado pelo CNJ.

0x0

Sepúlveda defende Lula – O jurista Sepúlveda Pertence não descarta pedir a anulação do julgamento do ex-presidente Lula no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4). Sepúlveda admitiu que aceitou integrar a defesa do ex-presidente, condenado pela segunda instância a 12 anos e um mês de prisão em regime.

0x0

STF inclui cálculo curioso – Segundo O Antagonista, a escolha de Sepúlveda Pertence para integrar a defesa de Lula no STF inclui um cálculo curioso. Além de amigo e ‘padrinho’ da indicação de Cármen Lúcia para o Supremo no governo Lula, Pertence seria primo de terceiro grau da presidente do STF.

0x0

Venda da refinaria de Pasadena – Petrobras anunciou ontem abertura do processo de venda da refinaria de Pasadena, como parte da venda de ativos com a qual a estatal tenta arrecadar US$ 21 bilhões neste ano. “Para vender a unidade”, escreve a Folha, “a Petrobras contratou o banco Evercore, que terá a missão de encontrar interessados”.

0x0

Prorrogada MP que adia reajuste – Segundo informa o Poder360, foi publicada ontem, no Diário Oficial da União, a prorrogação da medida provisória que adiava o reajuste e aumentava a alíquota previdenciária dos servidores de 11% para 14%. Com isso, a medida ganha novos 60 dias para tramitação.

Conversando

Subtenente Edgard – Se esse ano não houver uma mudança significativa no quadro político, então estará comprovado que o povo brasileiro não vota com consciência.

Posse no Conal – Deputada Ana Lúcia compareceu à posse da nova diretoria do Conselho Nacional do Laicato do Brasil (Conal), realizada na OAB.

Ainda em Brasília – Governador Jackson Barreto esteve ontem na solenidade de posse do presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux.

Museus abertos – Durante o feriado do carnaval, os Museus do estado irão funcionar em horário especial, fechando apenas na segunda feira.

Recesso de carnaval – Deputados e senadores retornam amanhã à noite de Brasília, para passar o carnaval em Sergipe. Só voltam ao trabalho depois do carnaval.

Partidos juntos – Lúcia Helena faz uma pergunta interessante: “quando as pessoas vão entender que os partidos estão todos juntos?”

Tenta sustentar – Eduardo Amorim tenta sustentar o lançamento da chapa majoritária da oposição, a busca de um entendimento com o PSB.

Contra reforma – O deputado Jony Marcos (PRB), integra o bloco do partido que vota contra a Reforma da Previdência. A legenda está no Governo.

Inundam Aracaju – Blocos de rua vão inundar Aracaju e cidades do interior durante o carnaval. As bandinhas têm atraído muitos foliões.