08/02/18 - 20:55:25

Almeida tem “projeto arquitetado” no governo se não for o candidato do grupo

Uma das mentes mais habilidosas dentro do governo de Jackson Barreto (MDB) é, de longe, o secretário de Estado da Saúde, Almeida Lima (MDB). Essa semana, este colunista trouxe a tona a articulação do auxiliar que passou a defender, publicamente, a permanência de JB no comando do Executivo, até o final do ano, desistindo de seu projeto de ser senador da República, supostamente para “ajudar” a pré-candidatura de Belivaldo Chagas (MDB) a governador em outubro próximo. A leitura direta e objetiva é que Almeida está de olho na vaga e quer ser a “alternativa” do agrupamento para disputar o governo.

Uma fonte palaciana revelou a este colunista que Almeida teria tido uma conversa demorada com Jackson Barreto sobre política. O momento do governador é de profunda instabilidade emocional, uma leve depressão. Justiça seja feita, ninguém se sente satisfeito em chegar ao governo e ficar nesta condição com o funcionalismo, atrasando e parcelando os salários. E todos nós temos nosso lado humano. JB está entristecido porque sempre sonhou em ser governador do Estado e não queria sair da gestão “pela porta dos fundos”, rejeitado pela maioria dos servidores.

Nessa suposta conversa, Almeida não teria manifestado seu desejo principal, que é de disputar o governo. Mas, muito habilidoso, teria o “remédio” para melhorar a popularidade do governador e não apenas com o funcionalismo, mas com o povo sergipano, até meados de agosto: indicaria um nome de sua inteira confiança para dar continuidade a seu trabalho na Secretaria de Estado da Saúde e concentraria suas forças na Secretaria da Fazenda, buscando melhorar a arrecadação e viabilizar recursos para estabilizar o pagamento dos servidores e dos fornecedores até a eleição.

Almeida Lima sabe, melhor do que ninguém, que ele não terá com Belivaldo Chagas no governo a mesma relação que mantem hoje com JB. O “galeguinho” é mais determinado e exigente, vai cobrar resultados efetivos até para viabilizar seu projeto político e, sem contar, que não tem nenhum grau de parentesco com o secretário de Saúde. Dentro do governo é uma realidade que hoje JB ouve mais Almeida do que muitos de seus antigos conselheiros. O “primo” deu o “bote certo” que lhe conquistou. E agora corre contra o tempo para colocar em prática seu projeto arquitetado.

Em síntese, existem duas frentes dentro do governo de JB: os que defendem sua pré-candidatura ao Senado e sua saída imediata, para reduzir o desgaste para Belivaldo; e os que querem sua permanência no Executivo, forçando a desistência do “galeguinho” e preservando seus espaços dentro da administração, pelo menos, até o final do ano. Sem ter muito que fazer, por enquanto, e em um momento de fragilidade emocional, Jackson apenas assiste a tudo, sem se manifestar. Resta saber até quando ele vai suportar tudo isso calado. O mesmo também vale para Belivaldo…

 Veja essa!

Diante da teoria deste colunista de que Almeida quer a continuidade de JB até o final do governo, setores da classe política entraram em contato e fazem a mesma leitura. Os governistas querem, a todo custo, JB pré-candidato. A turma “se treme toda” com esse projeto do secretário da Saúde…

 E essa!

Há dentro do agrupamento de JB quem diga ainda mais: se o governador ficar até o final e inviabilizar o projeto de Belivaldo, a turma rompe e apoia outra pré-candidatura ou lança outro nome ao governo. “A gente não aceita o nome de Almeida”, disse o membro de um partido da base.

Sem candidatos

Se JB ficar no governo e desistir do Senado, a política de Sergipe dará um “nó”. Belivaldo abandonaria o projeto e o governo sem alternativa, por enquanto; igual a oposição que também não se decide sobre que nome disputará o Executivo.

Exclusiva!

O assunto “passou batido” para muita gente, mas este colunista revela: um recurso protocolado pela defesa de Heleno Silva (PRB), pré-candidato a senador da República, foi negado no Superior Tribunal de Justiça. Até onde se sabe, dificilmente o líder do PRB terá condições de disputar a eleição este ano…

Bomba!

Outra fonte bem informada revela que existe, em pleno vapor, uma articulação para que o deputado federal Laércio Oliveira (SD), assuma o comando do DEM, que hoje é presidido por Mendonça Prado. O pedido já teria sido feito pelo movimento empresarial à senadora Maria do Carmo (DEM), mas não fora atendido, ainda…

Caso ADECON I

Ontem este colunista recordou o resultado da licitação da Prefeitura de Aracaju, para a contratação de empresa responsável pela manutenção dos postos de Saúde da capital, onde apenas duas empresas compareceram para concorrer.

Caso ADECON II

A licitação, de um total de R$ 7 milhões foi vencida pela empresa ACL, do Grupo ADECON, com um valor bem próximo do limite máximo: R$ 6,6 milhões. A ACL deu continuidade ao trabalho que o grupo já vinha fazendo desde o início de 2017, através de um contrato emergencial.

Parceiros antigos

O Grupo ADECON é um parceiro antigo das gestões do prefeito Edvaldo Nogueira, assim como é o secretário da Fazenda, Jeferson Passos, e a consultora Extraordinária para Assuntos Governamentais junto a Secretaria Municipal de Saúde, Mônica Passos.

Falando nela

A coluna gostaria de perguntar ao prefeito de Aracaju: Edvaldo Nogueira não vai tomar nenhuma providência sobre a nomeação de Mônica Passos? Há um pedido de afastamento e uma Ação de Improbidade Administrativa movida pelo MPE denunciando suposto nepotismo cometido pela gestão.

A ação

Não custa lembrar que o MPE chegou a dar um prazo para a PMA exonera-la da função, mas como o prefeito não o fez, passou a responder à ação de improbidade, junto com o então secretário de governo, Carlos Cauê, e o então secretário da Saúde, André Luís Sotero, que já deixaram a Prefeitura.

Por isso mesmo?

E o prefeito de Aracaju vai continuar “fazendo ouvido de mercador”, desrespeitando uma orientação do Ministério Público? Segundo André Sotero sua saída da Saúde aconteceu porque o prefeito optou por Mônica Passos aos seus serviços. Resta saber que trabalho tão importante é esse…

Caso Barbosinha I

Não é de agora que a coluna vem alertando para o caso de um coordenador de obras de um PODER constituído e bastante influente em Sergipe. Os indícios dão conta que pode se tratar de uma mesma pessoa que, há seis anos, veio a tona em uma Operação da Polícia Federal contra empresários e leiloeiros que se beneficiavam oferecendo propina para que os concorrentes desistissem de dar lances.

Caso Barbosinha II

Aproveitando a “onda Luiz Fux”, novo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que promete ser irredutível com a aplicação da Lei da Ficha Limpa neste ano de eleição, para este colunista a direção do PODER deveria evitar um desgaste desnecessário “bancando” este servidor que, até onde se sabe, teria um “apadrinhamento forte”, mas pode colocar “todo o rebanho” a perder…

Greve do Fisco I

Em assembleia extraordinária com ato público, os auditores e auditoras de tributos decidiram manter a greve nos serviços da Secretaria da Fazenda do Estado de Sergipe (Sefaz). A assembleia foi realizada no pátio da Central de Atendimento ao Cidadão (Ceac), uma das unidades da Sefaz, localizada em frente ao Ceasa Aracaju. A categoria deflagrou greve geral no último dia 2 para cobrar do governo pagamento da folha no mês trabalhado, o fim do parcelamento de salários e ainda recomposição de índices da inflação sobre os salários.

Greve do Fisco II

Segundo o presidente do Sindicato do Fisco de Sergipe (Sindifisco), Paulo Pedroza, “o movimento grevista está mantido porque o governo estadual não apresentou contraproposta satisfatória às reivindicações e ainda voltou a atrasar e parcelar os salários dos aposentados”. Uma nova assembleia está agendada para logo depois do Carnaval, dia 15, às 15h.

Denúncia I

Consta no Diário Oficial do Estado, de setembro de 2017, um termo de contrato firmado pela Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), sob a gestão do secretário Rosman Pereira do Santos, com a empresa JRV EMPREENDIMENTOS LTDA EPP, situada em Lagarto, e cujo representante legal é Jerônimo de Oliveira Reis Neto.

Denúncia II

Um detalhe chamou a atenção deste colunista: se Rosman Pereira está secretário de Estado do governo de JB por indicação da Família Reis, é no mínimo ético este contrato celebrado com a empresa de um membro da família? A informação é que o Ministério Público Estadual já investiga o caso…

Maria do Carmo I

Em pronunciamento no Senado da República, a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) registrou a sua preocupação com os números de incidência de câncer no Brasil previstos para o biênio 2018 e 2019. A informação foi divulgada pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca), no início desta semana.

Maria do Carmo II

De acordo com o estudo, são esperados cerca de 600 mil novos casos da doença nesse período. “São números muito expressivos e que vêm sofrendo um crescimento mundial, na última década, de até 20%, tornando o câncer uma das principais causas de morte, ao lado das doenças cardiovasculares”, citou Maria em sua fala.

Tragédia humana

Ela ressaltou que, pelo levantamento, o Brasil espera para até o final de 2019 a ocorrência de mais de 1,2 milhão de novos casos da doença. “Esse número reflete o tamanho da tragédia humana que várias famílias brasileiras enfrentarão”, sinalizou Maria do Carmo.

João Daniel I

O deputado federal João Daniel (PT) lamentou que as negociações da campanha salarial dos comerciários de Sergipe não avancem. O parlamentar se reportou às denúncias feitas na imprensa local pelo Sindicato dos Comerciários e o presidente da Federação dos Empregados no Comércio e Serviços do Estado de Sergipe e da União Geral dos Trabalhadores (UGT/SE), Ronildo Almeida.

João Daniel II

Segundo ele, a preocupação dos comerciários, após a reforma Trabalhista aprovada pela Câmara, é com a falta de compromisso que a representação patronal do comércio tem tido ao tratar as reivindicações dos comerciários. “As negociações não avançam, o reajuste não sai. É de conhecimento geral que já estão implementando a reforma Trabalhista e usam tudo isso para fragilizar o trabalhador, para precarizar o trabalho e para tentar passar a impressão aos trabalhadores comerciários de que o sindicato não terá força para negociar como fez durante todos esses anos”, analisou.

Márcio Macedo I

A bancada aliada a Michel Temer apresentou nova proposta para a Reforma da Previdência, evidenciando a tentativa de aprovar a alteração na aposentadoria dos brasileiros. A emenda aglutinativa foi apresentada por Arthur Maia (PPS-BA), relator da proposta para modificar as regras da seguridade social. De acordo com o vice-presidente nacional do PT, Márcio Macêdo, esta é mais uma forma encontrada pelo governo para enganar milhares de brasileiros que contribuem ou contribuíram durante muitos anos para a previdência.

Márcio Macedo II

“Essa reforma é nefasta, acaba com a aposentadoria, está sendo imposta pelo mercado e representa o desmonte do Estado brasileiro, sobretudo, prejudicando aqueles que mais precisam. Eles falam que a aposentadoria vai causar colapso e isso é uma mentira, pois, de 2002 a 2014 ela foi superavitária, visto que havia economia aquecida, empregos e um mercado interno forte. O discurso negativista é para beneficiar empresas de aposentadoria privada”, defendeu Macêdo.

Thiaguinho Batalha

O presidente da Comissão dos Festejos Juninos e Eventos Populares de Aracaju, vereador Thiaguinho Batalha (PMB), foi convidado para participar nessa quinta-feira (8), da abertura da maior festa popular do país, o carnaval de Salvador. O convite partiu do vereador Duda Sanches (DEM), vice-líder do prefeito ACM Neto.

Muita alegria

Thiaguinho recebeu o convite com muita alegria e entendeu ser uma excelente oportunidade para prestigiar a festa de grande porte que é resultado do trabalho de uma comissão de festejos culturais. “Com certeza nos incentivará a continuar com a realização dos trabalhos na Comissão de Eventos Populares de Aracaju, porque podemos comprovar que este trabalho, quando bem feito, apresenta ótimos resultados”, disse.

Bittencourt I

Uma das vertentes do trabalho do vereador Professor Bittencourt (PCdoB), líder do prefeito na Câmara de Aracaju, é a educação. O parlamentar incentiva as atividades do Coletivo Mude, uma organização construída por estudantes de Sergipe, destacando o protagonismo juvenil na luta por uma sociedade mais justa e igualitária. Assim, foi firmada uma parceria para ofertar cursos de qualificação aos estudantes sergipanos, que iniciarão a partir do mês de março.

Bittencourt II

“A ideia é oferecer uma oportunidade para que o estudante possa se qualificar, abrindo seus caminhos para o mercado de trabalho. Serão ofertados cursos de espanhol, oficina de teatro, capoeira, dança, fotografia. Estamos dialogando com outros parceiros para futuramente oferecermos cursos de discotecagem e grafite”, explicou Jhonatan Hora, diretor do Coletivo Mude.

André Moura

Com carência de 120 leitos, Aracaju sofre com a superlotação da única maternidade de alto risco e complexidade no município, a Nossa Senhora de Lourdes. O deputado André Moura (PSC) assegurou em Brasília mais de R$ 15 milhões para concluir as obras da maternidade do hospital da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS), na Capital. A medida acaba com uma espera de mais de cinco anos pela unidade de saúde, que estava paralisada. “São mais 118 novos leitos, zerando assim a insuficiência”, destaca Moura.

José Carlos Machado

O ex-deputado José Carlos Machado (PSDB) segue visitando os amigos no interior do Estado. Ele celebrou o aniversário do amigo e superintendente da Codevasf, César Mandarino, que completou 60 anos. “César sempre foi uma grande liderança do município de Itaporanga D’Ajuda, do qual já foi gestor por três vezes”. Também foram prestigiar Mandarino o atual prefeito da cidade, Otávio Sobral, e o ex-governador Albano Franco, além de vereadores, secretários e amigos do aniversariante.

Falando nele

Muito lúcido o artigo de José Carlos Machado, sob o título “É preciso reinventar o governo”. No texto, Machado volta a 2002 quando Sergipe detinha a maior renda per capita do Nordeste e crescia a uma taxa média anual superior a 4%, bem acima da média regional, de acordo com os dados do IBGE e da Sudene.

Artigo

Machado recorda ainda que os indicadores sociais também se situavam entre os melhores da região e o Índice de Desenvolvimento Humano – IDH -, medido pelo PNUD, que associa renda per capita, escolaridade e mortalidade infantil, o colocava em terceira posição, logo abaixo do Rio Grande do Norte e Pernambuco.

Sugestões

Para mudar a triste realidade, Machado sugere no artigo medidas como um competente ajuste nas contas públicas no sentido de resgatar capacidade de investimento do Estado; captar recursos federais e de outras fontes para ampliação da infraestrutura e para programas de inclusão social via ações políticas coordenadas; e induzir o investimento privado na exploração das potencialidades econômicas estaduais.

MPT

Após requerimento do Ministério Público do Trabalho em Sergipe (MPT-SE), a Justiça do Trabalho determinou que a Secretaria de Estado da Saúde efetue o pagamento direto dos salários dos empregados da Fundação de Beneficência Hospital de Cirurgia, inclusive dos próximos salários a vencer. O pagamento deverá ser efetuado antes da liberação das faturas até que a situação do hospital seja normalizada, sob pena de pagamento de multa diária de R$ 500 por empregado prejudicado.

Decisão

Segundo o procurador do Trabalho e autor da ação civil pública, Raymundo Ribeiro, praticamente 100% do serviço prestado pelo Hospital de Cirurgia é proveniente do SUS, inclusive os repasses de verbas para pagamentos de salários dos empregados. Foi por este motivo que o MPT-SE solicitou o pagamento direto aos empregados, como forma de garantir que todos recebam os salários em dia. Ficou determinado ainda que outras despesas do Hospital só poderão ser pagas após o pagamento dos salários dos trabalhadores.

TCE I

A segunda sessão plenária do Tribunal de Contas do Estado (TCE) em 2018 ocorreu nessa quinta-feira (8), tendo à frente o conselheiro-presidente Ulices Andrade, e entre os demais presentes os conselheiros Carlos Pinna, Luiz Augusto Ribeiro, Susana Azevedo e Angélica Guimarães, bem como os conselheiros substitutos Rafael Fonseca e Francisco Evanildo, além do procurador-geral, João Augusto dos Anjos Bandeira de Mello.

TCE II

O conselheiro Luiz Augusto Ribeiro votou como procedente e aplicou multa de R$ 1.500 em relação à denúncia formulada por Valéria Bezerra, via e-mail para a Ouvidoria da Corte, referente à atualização de dados sobre as licitações ocorridas no município de Carira.

Outros processos

A conselheira Susana Azevedo votou como improcedente o pedido de reexame, interposto por Antônio Barreto Muniz, ex-prefeito de Nossa Senhora Aparecida, contra o parecer prévio TC-3051/2016. Ela votou também pela aprovação com ressalvas das contas 2009 da Prefeitura Municipal de Telha, de interesse do ex-prefeito Eris Melo.

Assédio Sexual

O Ministério Público Federal (MPF) e a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Sergipe (OAB/SE) promovem audiência pública com o tema “Violência de gênero no meio acadêmico: assédio sexual, prevenção e enfrentamento”. O evento será no dia 26 de fevereiro, às 8h, no auditório da Caixa de Assistência ao Advogado (CAA/SE), localizado na Travessa Martinho Garcez, nº 71, Centro de Aracaju.

Posse

O diretor do Procon Estadual de Sergipe, Andrews Mathews, foi eleito diretor administrativo da Federação Brasileira dos Órgãos de Defesa do Consumidor (FEBRACON), órgão que congrega todos os Procons municipais e estaduais, além das demais entidades atuam na defesa do consumidor a nível nacional como, por exemplo, associações.

Procon
“Com a Febracon, teremos uma melhora no atendimento e solução de problemas do consumidor. É importante unificarmos conhecimentos, informações e trabalharmos na solução de problemas de forma nacional, com fiscalizações e multas para que não haja prejuízos para os consumidores” explicou Andrews Matheus.

Eleições

Foram realizadas as eleições para as novas diretorias e presidências dos 11 sindicatos componentes da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Sergipe (Fecomércio), entre os dias 20 de janeiro e 7 de fevereiro, nas sedes das entidades representativas de classe em Sergipe. Os processos eleitorais transcorreram com tranquilidade, sem nenhum tipo de intercorrência.

Fecomércio

As eleições dos sindicatos foram acompanhadas por uma comissão da Fecomércio, composta pelo superintendente da entidade, Maurício Gonçalves, pela Multiplicadora do SEGS, Crys Moura, e pelos representantes da comunicação Marcio Rocha e Tiago Quintino, que atestou a lisura dos processos, dando a garantia de suporte operacional para as agremiações empresariais sergipanas.

Lançamento I

Desvendando os Segredos da Coluna Vertebral. Esse é o título do livro do professor pós-doutor da Universidade Federal de Sergipe, Miburge Bolívar Gois Júnior, que será lançado no próximo dia 22, às 8h30, na sala dos Conselhos Superiores da Reitoria da UFS.

 Lançamento II

Na oportunidade, haverá um bate-papo sobre a abordagem da obra, que traduz conceitos acadêmicos e uma experiência profissional sólida do autor, a partir de uma linguagem simples, porém não simplista, que expressa a busca por uma melhor qualidade de vida, através do conhecimento sobre as funções da coluna vertebral, orientações preventivas posturais, formas de alongamento e exercícios de mobilidade articular.

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com