08/03/18 - 10:38:29

“A POPULAÇÃO PRECISA MUDAR O CONGRESSO”, DIZ ADVOGADO

É o que acredita o advogado Alexandre Figueiredo, pré-candidato à Câmara Federal

 

Foto: Noel Lino

“O Brasil chegou ao fundo do poço e para voltar a crescer e a ter credibilidade precisa renovar sua estrutura política”. É o que acredita o advogado Alexandre Figueiredo, 44 anos, pré-candidato à Câmara Federal, que é enfático ao afirmar que a maioria dos nomes que hoje está no Congresso Nacional não representa os desejos e as necessidades do povo brasileiro. “A população não se sente representada, e de fato não está”, avalia.

Ainda no entendimento de Alexandre Figueiredo, para o País superar a maior crise moral, política e econômica da sua história, a população brasileira precisa transformar essa realidade, e o primeiro passo é mudar as pessoas e seu estilo de fazer política. “É a partir deste núcleo, o político, que se tomam as mais importantes decisões. Há quase 30 anos Ulysses Guimarães já previu: ‘Está achando ruim essa composição do Congresso? Então espera a próxima: será pior. E pior, e pior…’. Então, chegou a hora de termos a coragem de rompermos esse paradigma profetizado pelo grande estadista, e eu encaro esse desafio”, diz.

Alexandre Figueiredo é filho do secretário de Estado de Governo, Benedito Figueiredo, e da procuradora de Justiça aposentada Creuza Figueiredo. Apesar de herdar esse sobrenome, ele garante que vem construindo a sua própria história. “Eu tenho mais de 20 anos de formação jurídica. Estou secretário da Controladoria-Geral de Aracaju há um ano, além de ser dirigente partidário e estar à frente da Fundação Ulysses Guimarães (FUG/SE), por meio da qual estamos realizando um trabalho de base nas universidades, igrejas, associações, escolas públicas e nas comunidades, principalmente as mais carentes”.

O pré-candidato defende duas principais bandeiras: educação e cultura. O que pode ser confirmado pelos números da Fundação. Cerca de 80% dos municípios sergipanos já foram alcançados, com 16 mil alunos capacitados e devidamente certificados pelo Ministério da Educação em parceria com renomadas universidades do País. “Na FUG/SE também somos pioneiro e único no Brasil de um grande projeto cultural alicerçado no voluntariado que leva solidariedade através da música com o projeto Vozes Solidárias, que deu origem ao Coral Ulysses Guimarães do Brasil”.

No entendimento de Alexandre Figueiredo, o Brasil deve trabalhar com políticas sociais e econômicas para diminuir a pobreza e as desigualdades, aumentar o acesso à educação e melhorar a qualidade de vida. “A defesa que faço de que a população precisa mudar o Congresso Nacional e outras esferas da política deve começar por mudanças sociais, na base, como estas que a FUG/SE ajuda a empreender aqui e em outros Estados brasileiros. Mas essas mudanças só se operam e concretizam no íntimo e na consciência de cada indivíduo. Espero que em outubro próximo sejam muitos os comprometidos com a perspectiva de novos paradigmas e de novos rumos”.

Por Andréa Vaz