11/07/18 - 10:28:49

Artesãs comemoram a reforma do Centro de Artesanato Chica Chaves

Entre as peças de renda, bonecas de pano, crochês e diversos artigos confeccionados manualmente, é possível observar a alegria dos permissionários em ver o Centro de Artesanato Chica Chaves reformado e mais atrativo para os visitantes. Conhecido por já ter sido parte do roteiro turístico da cidade, o Centro enfrentava dificuldades estruturais em decorrência da falta de infraestrutura, que fez com que as vendas fossem prejudicadas e as visitas da população e de turistas diminuíssem.

A reforma do Centro, que durou três meses, mudou totalmente a estética do espaço, desde a implantação da iluminação artificial e uma cobertura que permite a entrada da luz natural, até a pintura, construção de banheiros adaptados para pessoas com deficiência, ornamentação com plantas e adereços típicos do Nordeste e a colocação de duas janelas de vidro que possibilitam a vista para o rio Sergipe. Fruto do trabalho da Prefeitura de Aracaju, através da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), a obra se configura não só como um estímulo ao comércio local e ao turismo, mas também como um recomeço para as pessoas que têm o artesanato como fonte de renda e vocação.

Noêmia Mendonça, por exemplo, se dedica ao artesanato há 13 anos e o utiliza tanto  como uma forma de terapia, quanto fonte de renda para ajudar nas despesas da casa. “Me sinto realizada com o artesanato. A gente esquece das coisas ruins enquanto o faz. Sou casada e trabalho somente com isso, mas o dinheirinho que ganho é meu. A reforma significa uma nova etapa e foi importante para crescer, melhorar e movimentar esse espaço que estava muito parado. Antes estava abandonado, e agora com essa reforma, a gente vai conseguir nosso objetivo. É o nosso sonho”, afirmou.

Para Maria da Silva, coordenadora do espaço e uma das pessoas que mais estimulou a continuidade do trabalho dos artesãos durante o período de dificuldades do Chica Chaves, a reforma deu uma injeção de ânimo para os vendedores e fez o Centro se tornar atrativo para os turistas novamente. “Antes era triste a situação daqui, faltava permissionários, pois eles iam desistindo por conta das condições do prédio, que precisava de uma boa reforma, como essa agora. Eu sempre dava uma palavra de conforto, dizia para não desistirem, que tudo iria melhorar. A reforma foi prometida e eu acreditei, tive fé. A luta foi grande, mas conseguimos. Estamos agora com esse espaço maravilhoso e agradeço ao prefeito e aos envolvidos, todos estão de parabéns. A expectativa agora é que melhore, que venham os turistas, que as vendas aumentem e só tenha sucesso daqui para frente”, enfatizou.

Quem compartilha do mesmo sentimento de gratidão é Juraci do Nascimento, que trabalha com o artesanato há mais de 30 anos e há muito tempo anos expõe seu trabalho no Centro. “Eu nasci com a vontade de criar coisas. Eu me sinto realizada fazendo o artesanato. É o que eu realmente gosto de fazer e essa reforma foi muito importante. Aqui estava abandonado, mas agora está lindo, temos até jardim e uma vista do rio, que é um cartão postal da cidade. A grafitagem feita do lado de fora foi muito importante também, a pessoa já chega e vê o espaço bonito. A expectativa daqui para frente é boa, agora tem tudo para dar certo”, ressaltou.

Por Tirzah Braga

Foto: Sergio Silva